Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    Xbox One: vazou a lista dos 100 jogos do Xbox 360 retrocompatíveis

    Compartilhe
    avatar
    vits
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 2542
    Posts Posts : 4922

    Re: Xbox One: vazou a lista dos 100 jogos do Xbox 360 retrocompatíveis

    Mensagem por vits em Dom 08 Nov 2015, 11:49

    @Cyber Archer escreveu:
    @vits escreveu:
    @Crash10 escreveu:Para tirar as dúvidas:

    • Remake: Refazer o jogo, mudando gráficos, adicionando mais gameplay, personagens, e outros tipos de conteúdo, ao mesmo tempo que muda conteúdo antigo.
    • Remaster: Lançar um jogo com gráficos atualizados, sem conteúdo novo. É diferente do port por causa da atualização gráfica. O máximo de novidade seria correção de bugs.


    Essa definição funciona de forma maravilhosa quando estamos falando de jogos da Sony ou até mesmo jogos para PC. Mas acontece que a Microsoft joga outro tipo de jogo, seus dois remaster/remakes Gears of War Ultimate e Halo: The Master Chief Collection, possuem características de ambas as classes e portanto são muito difíceis de definir.

    Em minha humilde opinião, Gears of War é um remaster de verdade, assim como Wind Waker; eles sim são verdadeiros remasters. Jogos como Last of Us são ports com resolução aumentada.

    Mas, já que hoje em dia todo port com "upscaling" ta recebendo o nome de remasters, vamos chamar Gears e Wind Waker de remake.=D

    Sinceramente eu concordo com você, para mim um jogo só atinge o patamar de remake se ele for literalmente refeito do zero (como FFIII e FFIV de DS). E o remaster seria aquela atualização do jogo, que traz apenas um ou outra modificação de mecânica e visuais melhor trabalhados.

    Essa é uma situação ainda mais chata quando você coloca os computadores na mesa; já que normalmente recebem ports com maiores resoluções, texturas e efeitos. Mas essas versões nunca são chamadas de remasters, são consideradas simples ports.
    avatar
    Nan Gamer
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1496
    Posts Posts : 1835

    Re: Xbox One: vazou a lista dos 100 jogos do Xbox 360 retrocompatíveis

    Mensagem por Nan Gamer em Dom 08 Nov 2015, 12:56

    Acho que na frase "...os remakes de Gears e da franquia Halo..." temos dois sujeitos, logo o adjetivo vem no plural. 

    E por mais que ele seja vendido como um remaster; os atributos que ele traz são muito próximos aos de um remake. Inclusive sendo citado como um por diversas fontes, mas deixo a terminologia pois nesse caso, eu realmente não consigo separar o ramake do remaster.


    A citação por diversas fontes ou o que for não muda o fato de que o jogo é um remaster muito bem feito e não um remake como vc afirmou em sua frase. E claro, o jogo é vendido como um remaster pq é um remaster, simples assim. Se fosse dessa forma Wind Waker poderia ser considerado como um remake por possuir algumas peculiaridades em relação ao jogo lançado no Gamecube, desde seus controles até seus demais atributos.

    Aliás, fico feliz em saber que vc possui ensino fundamental a ponto de me explicar regras de plural, sujeitos e adjetivos.
    avatar
    Crash10
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 443
    Posts Posts : 1657

    Re: Xbox One: vazou a lista dos 100 jogos do Xbox 360 retrocompatíveis

    Mensagem por Crash10 em Dom 08 Nov 2015, 13:10

    Agora vocês me confundiram. Bem, vamos pegar a definição Wikipédiana:

    Port é simplesmente quando uma empresa muda um jogo para fazer o mesmo compatível com outro console. Apenas isso.

    Remaster é quando uma empresa melhora os gráficos e resolução do jogo. Na maioria dos casos, sem alterar conteúdo.

    Remake é quando atualizam um jogo para um novo console e para uma nova audiência. Pode conter novos gráficos e conteúdo, além de ter um código de programação diferente do game original.
    avatar
    Wolflink
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 2220
    Posts Posts : 3585

    Re: Xbox One: vazou a lista dos 100 jogos do Xbox 360 retrocompatíveis

    Mensagem por Wolflink em Dom 08 Nov 2015, 13:35

    Estou muito afim de pegar um  ONE logo em fevereiro.  Quantum  Break e  Scalebound me agradaram muito, me chamou muita atenção mesmo. E sou um cara que me apaixonei pelo Gears of War a primeira vista. Joguei o 1 o 2 e cheguei na metade do 3 ( não terminei de zerar pq o 360 era do meu primo e ele deu fim nele ).


    Mas enfim, to pensando em comprar logo esse gears of war ultimate edition, li em algum lugar que se comprar ele ate dezembro, eu vou ter direito a pegar os outros jogos da franquia  ( no modo retrocompativel ) todos de graça, e como o Gears U.E esta bem barato, acho que vale a pena. 

    obs: Já tenho uma conta na live.
    avatar
    vits
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 2542
    Posts Posts : 4922

    Re: Xbox One: vazou a lista dos 100 jogos do Xbox 360 retrocompatíveis

    Mensagem por vits em Dom 08 Nov 2015, 13:46

    @Nan Gamer escreveu:
    Acho que na frase "...os remakes de Gears e da franquia Halo..." temos dois sujeitos, logo o adjetivo vem no plural. 

    E por mais que ele seja vendido como um remaster; os atributos que ele traz são muito próximos aos de um remake. Inclusive sendo citado como um por diversas fontes, mas deixo a terminologia pois nesse caso, eu realmente não consigo separar o ramake do remaster.


    A citação por diversas fontes ou o que for não muda o fato de que o jogo é um remaster muito bem feito e não um remake como vc afirmou em sua frase. E claro, o jogo é vendido como um remaster pq é um remaster, simples assim. Se fosse dessa forma Wind Waker poderia ser considerado como um remake por possuir algumas peculiaridades em relação ao jogo lançado no Gamecube, desde seus controles até seus demais atributos.

    Aliás, fico feliz em saber que vc possui ensino fundamental a ponto de me explicar regras de plural, sujeitos e adjetivos.

    Eu poderia revidar esse comentário obviamente depreciativo, mas se eu jogar na sua categoria eu com certeza vou perder. Então, vou fingir que você não jogou uma isca quando usou um numeral na primeira postagem e misteriosamente esqueceu o resto da frase, nem que você usou um Argumentum ad hominem no seu último.

    Agora, você está certo, se estivermos falando do mercado ele é obviamente categorizado como um remaster. Entretanto, quando usamos a definição do termo: "refers to enhancing the quality of the sound or of the image, or both, of previously created recordings, either audiophonic, cinematic, or videographic."; temos exatamente o mesmo problema que encontramos com Zelda Wind Waker HD ; já que em ambos os jogos temos modificação do conteúdo, além de melhoras na estética.

    Pessoalmente eu não gosto de categoriza-los como remasters, já que eles vão além disso, mas de fato eles também não podem ser categorizados como remakes. Então aos olhos do mercado, você está certo, Gears of War Ultimate é um remaster muito bem feito e não um remake como previamente afirmado por mim.

    Mas eu gostaria de deixar claro, que isso não justifica ataques pessoais e muito menos comentários com a intenção de iniciar flamme; você consegue vencer um argumento apenas com fatos, assim como você acabou de fazer. Atacar um indivíduo por outro lado, só funciona caso a intenção seja iniciar uma guerra e ambos sabemos que essa não foi a primeira vez que você tentou algo assim.

    Dessa vez eu deixo passar só com esse aviso, mas eu realmente espero que não se repita, nem aqui e nem em outro tópico.
    avatar
    ari789
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1975
    Posts Posts : 6452

    Re: Xbox One: vazou a lista dos 100 jogos do Xbox 360 retrocompatíveis

    Mensagem por ari789 em Dom 08 Nov 2015, 14:13

    @Crash10 escreveu:Agora vocês me confundiram. Bem, vamos pegar a definição Wikipédiana:

    Port é simplesmente quando uma empresa muda um jogo para fazer o mesmo compatível com outro console. Apenas isso.

    Remaster é quando uma empresa melhora os gráficos e resolução do jogo. Na maioria dos casos, sem alterar conteúdo.

    Remake é quando atualizam um jogo para um novo console e para uma nova audiência. Pode conter novos gráficos e conteúdo, além de ter um código de programação diferente do game original.

    Então seguindo essa lógica... isso é um Remaster ? Suspect
    Spoiler:







    O Jogo ré-utiliza os mesmos modelos do jogo original e roda exatamente na mesma engine porem com novas texturas em em 1080p, não tem um código de programação diferente do original e creio eu que não é para uma nova audiência ( afinal, foi justamente para os fãs da série que curtiram esse jogo antigamente )

    mas sério que tem gente que não sabe diferenciar port de remake/remaster ?

    Remake de verdade é isso Rolling Eyes
    Spoiler:


    O jogo foi todo ré-feito do 0 para um novo console anos depois, com gráficos totalmente novos adaptados para a geração atual e que não ré-aproveita nada de sua versão original ( no quesito gráfico ) alem também de trazer uma trilha sonora totalmente ré-feita já que agora não estão mais presos nos limites que o console antigo tinha, alem de ter diversos novos conteúdos para não só atrair os fãs que gostaram de sua versão original anos atrás mas para também atrair novos jogadores para que conheçam o jogo/franquia, o jogo ainda por cima aproveita das novas funcionalidades do novo console para inovar na jogabilidade e até trazendo modos novos como por exemplo o Online, isso sim é um remake.

    Como disse, isso sim é um remake de verdade.

    PS : É Sério mesmo que vocês tão tretando para saber qual é remake de verdade e qual é remaster ? Psylol The Last of Us do PS4 Sem dúvidas é um remaster, mas ainda assim o jogo é lindo no PS4 mesmo se tratando de um jogo da geração passada ( As Texturas novas, filtros, menos serrilhados e 1080p deram um belo charme para o jogo ) eu me diverti e curti muito ré-jogando este jogo, não é isso que importa ?
    avatar
    Nan Gamer
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1496
    Posts Posts : 1835

    Re: Xbox One: vazou a lista dos 100 jogos do Xbox 360 retrocompatíveis

    Mensagem por Nan Gamer em Dom 08 Nov 2015, 15:30

    Eu poderia revidar esse comentário obviamente depreciativo, mas se eu jogar na sua categoria eu com certeza vou perder. Então, vou fingir que você não jogou uma isca quando usou um numeral na primeira postagem e misteriosamente esqueceu o resto da frase, nem que você usou umArgumentum ad hominem no seu último.

    Agora, você está certo, se estivermos falando do mercado ele é obviamente categorizado como um remaster. Entretanto, quando usamos a definição do termo: "refers to enhancing the quality of the sound or of the image, or both, of previously created recordings, either audiophonic, cinematic, or videographic."; temos exatamente o mesmo problema que encontramos com Zelda Wind Waker HD ; já que em ambos os jogos temos modificação do conteúdo, além de melhoras na estética.

    Pessoalmente eu não gosto de categoriza-los como remasters, já que eles vão além disso, mas de fato eles também não podem ser categorizados como remakes. Então aos olhos do mercado, você está certo, Gears of War Ultimate é um remaster muito bem feito e não um remake como previamente afirmado por mim.

    Mas eu gostaria de deixar claro, que isso não justifica ataques pessoais e muito menos comentários com a intenção de iniciar flamme; você consegue vencer um argumento apenas com fatos, assim como você acabou de fazer. Atacar um indivíduo por outro lado, só funciona caso a intenção seja iniciar uma guerra e ambos sabemos que essa não foi a primeira vez que você tentou algo assim. 

    Dessa vez eu deixo passar só com esse aviso, mas eu realmente espero que não se repita, nem aqui e nem em outro tópico.


    Nossa, estou surpreendido com suas palavras absolutamente incomuns no nosso vocabulário diário. Quanto tempo vc demorou pra pensar em uma resposta como essa? Aliás, conseguiu escrever e pensar em tudo isso sozinho? Enfim, honestamente fico surpreso em saber que um cara como vc consegue enganar tão bem. Meus parabéns.

    Entretanto, não tive intenção nenhuma de inicar flamme e nem de atacar ninguém, assim como acho que na sua explicação sobre adjetivos, sujeito e plural, vc não quis dar uma de super gênio (algo que de fato não o é ) com o intuito fajuto e desnecessário de querar apresentar uma falsa superioridade em detrimento de um assunto tão fútil como o que está sendo discutido, algo aliás, que é típico de vc em todo tópico.

    Agora sobre o jogo em si, ele de fato é um remaster, pois apenas adicionaram novas texturas para cenários e para os próprios personagens que aqui nesse remaster utilizam os modelos dos personagens vistos em Gears of War 3. Fora isso o jogo roda em 1080p a 30 fps, além de terem importado para o game algumas fases que existiam apenas na versão do jogo pra PC. Eu como um ex dono de XBox 360, e conhecedor e admirador da série posso te afirmar com toda a propriedade que o jogo é apenas um remaster muito bem feito e polido (diferente do que vimos em God of War 3, Last of Us e por ae vai ). Além disso não sei se vc sabe, mas acredita que até os bugs que existem na primeira versão do jogo pro 360 continuam presentes nessa versão? 

    E reitero que não tive intenção de iniciar flamme nenhum, agora se vc acredita nisso ou não, sinceramente eu não dou a mínima. Agora vou te dar uma dica ok? Pare de se utilizar desse falso conhecimento, pq o mesmo é pior do que a própria ignorância em si.

    Conteúdo patrocinado

    Re: Xbox One: vazou a lista dos 100 jogos do Xbox 360 retrocompatíveis

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Dom 20 Ago 2017, 05:18