Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Compartilhe
    avatar
    bruno.martins.18659
    Veterano Nv.35
    Veterano Nv.35

    Karma Karma : 1445
    Posts Posts : 1433

    [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por bruno.martins.18659 em Qua 01 Fev 2017, 00:22

    [ltr]

    >Qual seria o poder real
    FP32 do Nintendo Switch?
    [/ltr]



    [ltr]Analisando o que foi demonstrado até então e algumas afirmações de algumas produtoras estou concluindo que a Switch está com o dobro ou triplo da capacidade gráfica da Wii U.[/ltr]


    [ltr]Porem a sua grande vantagem é justamente a facilidade de produção, projeção e de adaptação a todas as engine do mercado. A decisão de optar por uma arquitetura livre de dependências de consoles anteriores como o Wii U e 3DS possuem, foi uma boa sacada da Nintendo. Pois os chips ARM64 não possuem núcleos do 3DS em sua estrutura e nem processadores vetoriais(VFPv2 são similares ao SPEs do PS3) similares ao mesmo, o Switch possui uma piperline limpa e otimizada a jogos diferente de qualquer Tegra lançado pela Nvidia anteriormente.[/ltr]
    [ltr]


    [/ltr]

    [ltr]Obs: A Apple também optou abandonar a compatibilidade com CPUs mais antigas em relação ao ARM, no lançamento do iPhone 5 e existem diversos aplicações que não rodam nas versões recentes do iOS. Essa ação visa organizar a piperline e deixar o sistema mais recente, nos computadores X86 temos até hoje por compatibilidade o Pentium MMX dentro dos últimos processadores da linha "Core i". A razão disto é manter a compatibilidade de baixo e alto nível de software, porem num smartphone isso é o fim pois o espaço é limitado.
    [/ltr]

    [ltr]
    Falando de Nintendo: O Wii U herdou o processador de 1997 Codename Arthur dentro do seu SoC, por está razão ele tinha uma CPU multicore inferior a processadores da Intel de 2009 e talvez até chips ARM do mesmo ano de seu lançamento. E isto só serviu como redutor na hora de levar jogos do PS3 ou Xbox 360 para o console, alinhando a impossibilidade de instalação como muitos títulos desta geração exige.

    A EDRAM do Wii U compensa algumas deficiências, mas não todas pois ela está lá para compensar a GPU que não tem força suficiente na hora de armazenar dados. Porem o Wii U precisava usar GPGPU em seu SoC e não havia esta possibilidade, pois não havia recursos no chip gráfico para compensar a CPU.







    [/ltr]

    [ltr]Como o console "teoricamente funciona"? [/ltr]


    [ltr]Vamos responder primeiramente como a Nintendo desenhou seu SoC: [/ltr]


    [ltr]Ele trabalha com ciclo minimo de potencia, quando conectado ao Dock ele utiliza 100% da sua capacidade. A unica redução que o sistema faz fora do Dock está ligado a GPU e a Memoria de Banda da RAM, pois eles não podem desligar regiões da CPU pois isso afetaria a logica dos jogos e tornaria um inferno.

    A razão disto é gasto de energia, não havia a possibilidade de adicionar uma bateria de motocicleta dentro do Switch. Razz [/ltr]



    [ltr]A bateria durando de 6 a 2.5hrs, acredito que podemos usar no máximo 60% do hardware total fora do Dock. Isso explica porque eles precisam de uma saída USB-C(USB 3.1 = 20Gbps).[/ltr]
    [ltr]Optar por USB-C é creditar ao Switch capacidade de fornecer um HDMI de alta velocidade, recarga de alta velocidade(post update segundo a Nintendo) e HD Externo de alta latência.

    A dissipamento ativo de calor indica que o SoC ARM ali é bem mais do que aparenta, acredito que até ele possa dobrar sua operação quando necessário. [/ltr]



    [ltr]Quais são as minhas apostas para o Nintendo Switch: [/ltr]


    [ltr]As menos prováveis:[/ltr]
    [ltr]Cortex-A73 - 2.0Ghz - 10 Cores - 3MB L3 Cache.[/ltr]
    [ltr]Segunda geração GPU baseada na GPU Tegra Pascal - 1.4Ghz a 800Mhz.[/ltr]
    [ltr]6GB de Memoria LDDR4 - 45Gbps de Memoria[/ltr]
    [ltr]32GB de NAND rodando até 10Gbps[/ltr]


    [ltr]As mais prováveis:[/ltr]


    [ltr]Segunda geração Customizada do GPU Tegra Maxwell - 1.2Ghz*Dock a 700mhz [/ltr]
    [ltr]CPU ARM Cortex-A58 travados a 1.9Ghz 2MB L3 Cache - 10 Cores[/ltr]
    [ltr]4GB de Memoria LDDR4 - 45Gbps de Largura de Banda.[/ltr]
    [ltr]32GB de NAND rodando até 5Gbps.[/ltr]




    [ltr]Só constando que as diferenças do Tegra X1 para o P1 são a comunicação otimizada, a redução do segmento de fabricação para 14nm e a gestão de núcleos em CUDA. Noutras palavras a maior melhoria que poderiam utilizar no Switch seria a sua CPU que teria capacidade para Realidade Virtual e suportaria malhas poligonais mais complexas como as usadas em Final Fantasy XV(na versão de Xbox One, a de PS4 utiliza outra versão um pouco melhor).[/ltr]


    [ltr]> E por fim: O que vimos até agora, afirma que não temos ideia do poder do Switch porem alguns títulos multiplataforma estão para nos dar um parâmetro de comparação.(Considerando o Hardware mais provável).[/ltr]


    [ltr]Skyrim teve uma suavização poligonal para ser executada no Switch(ato similar ao usado na versão Xbox One de Final Fantasy XV), aumento na resolução global e redução em algumas texturas. Ports da Unreal Engine 4 como Dragon Quest Heroes I e II não obtiveram tempo para fazer adequações a diferença de memoria de banda do Switch ao PS4, mesmo que o Switch utilize um padrão LDDR4 ele está abaixo neste quesito em muito ao GDDR5.


    [/ltr]



    [ltr]Entretanto estes problemas relacionados a multiplataformas tendem a ser causados devido ao pouco tempo de desenvolvimento.[/ltr]
    [ltr]E talvez pudêssemos colocar de Ryse of Tomb Raider até Final Fantasy XIV em execução no Switch, sem apresentar problemas de framerate apenas com adequações a 720p e texturas a mesmo nível. [/ltr]


    [ltr]Os projetos da Nintendo ainda estão focados no Wii U(rodando engines projetadas neste console) e não no Switch, ARMS é um jogo que reaproveita toda ou parte da linguagem de programação de Pokken.

    Se observar nem The Legend of Zelda Breath of the Wild teve tempo de otimização suficiente para se apegar as modificações feitas no Switch, a parceira com a Nvidia tem 1 ano e meio segundo a Nintendo.
    [/ltr]
    avatar
    ari789
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1975
    Posts Posts : 6452

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por ari789 em Qua 01 Fev 2017, 00:38

    Ou seja... em questão de hardware o Switch é basicamente um Wii U melhorado com a diferença de quê agora o Off-Play TV funciona em qualquer lugar e quê ''aparentemente'' é fácil de se programar nele ? ( se bem que falaram que seria fácil portar jogos de X360 para o Wii U também e não foi o quê vimos em prática ) Suspect
    avatar
    Silver Snivy
    Veterano Nv.35
    Veterano Nv.35

    Karma Karma : 311
    Posts Posts : 1391

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por Silver Snivy em Qua 01 Fev 2017, 03:40

    acho que se o switch for so um pouco mais forte que o wii u,ele vai ter uma dor de cabeça com as thirds
    avatar
    ari789
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1975
    Posts Posts : 6452

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por ari789 em Qua 01 Fev 2017, 05:02

    @Silver Snivy escreveu:acho que se o switch for so um pouco mais forte que o wii u,ele vai ter uma dor de cabeça com as thirds

    De começo até que não pois apesar de ter uma diferença não será aquela diferença ''gritante'' e se ele for fácil de se programar vai acabar facilitando, os contras vão ser que por conta do hardware inferior muito provável que boa partes dos ports acabem vindo capados de alguma forma tendo gráficos com downgrades e problemas no frame-rate ( por exemplos os CODs de Wii ), ou seja, o Switch pode receber os jogos do PS4/XONE sem muitos problemas mas os jogos mais ''pesados'' possivelmente teriam alguma especie de downgrade

    Já quando o PS5/XTWO vierem ( ou até mesmo quando o Scorpion e PS4Pro irem pra frente ) isso ''talvez'' possa prejudicar o Switch, pois a diferença de hardware seria ainda maior, seria necessário ainda mais trabalho para fazer tais jogos dessas plataformas funcionarem no Switch e como todos sabem, mais trabalho significaria mais custos e algumas empresas não estariam dispostas a fazer isso ( felizmente, não todas ).

    Acho que o começo do Switch pode ser bom, mais eu realmente fico intrigado com o futuro dele, se essa ideia dos Joy-Con e de um console de mesa que pode virar portátil não pegar ou for apenas uma moda passageira que hypa no inicio e depois ninguém mais liga, a coisa vai ficar bem feia pois diferente do Wii que tinha os Wii Remote que compensavam a falta de hardware, o Switch vai acabar perdendo o seu diferencial ( e sendo sincero, não acho que o diferencial do Switch vai ser tão impactante como os Wii Remote ) Neutral
    avatar
    JonathanAlis
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1336
    Posts Posts : 2517

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por JonathanAlis em Qua 01 Fev 2017, 05:20

    Caras, eu fiz umas contas aqui sobre a potência elétrica(não o poder de hardware, mas fas parte), dadas especificações de bateria e temo de carregamento que saíram no site da nintendo.

    De 2.7 a 6.4 W quando fora do dock. E menos de 39W no dock. (OBS: provavelmente bem menos, senão não carrega nada.. Pode ser metade, ou menos ainda).
    Aqui as contas chatas, pra quem interessar:
    Contas chatas, pra quem interessar:

    Specs da bateria: 4310 mAh(miliamperes hora), 3.7 V(volts).
    Cálculos simples: 4310 mAh, com 3.7 V, isso dá 16 Wh(watts hora). No uso máximo, a Nintnedo disse que dura 2.5 horas, então 16/2.5= 6.4 W(watts). No modo mais econômico, de 6 horas, o switch consome 16/6= 2.7 W.
    Sobre o modo do dock, ele carrega a 39W. Então supondo que mesmo no modo mais potente o switch ainda vai carregar enquanto estiver no dock, ele fica abaixo de 39 W(e eu diria que bem menos, senão não carregaria nada rápido). Mas pelo menos temos um limite teórico máximo.

    Bem, e daí, né?
    Isso pode ajudar na hora das especulações de hardware do switch. Saber suas limitações de potencia de energia pode descartar muitas especulações e rumores que podem ser infundados... Por exemplo, achar que o switch no modo portátil teria a mesma configuração de um nVidia shield console já não rola, pois ele gasta 10W... etc.


    --------------------
    Agora minha opinião sobre o hardware. algo custom baseado em maxwell e/ou pascal a 16nm(ou maxwell diminuída, ou pascal com poucas modificações), mas não no clock máximo.  A73 quad-core. 4 Gb de ram a 50 Gb/s. Por volta de 600 FP32 gflops no modo dock. No portátil, Cai drasticamente por causa do consumo. Inclusive pra níveis abaixo do wii U no modo de 6h e 2.7W. Mas cabe notar que esse modo é escalável, há várias configurações possíveis.Mas mesmo no máximo, não deve ir muito além, deve ir ao dobro do wii U. No dock iria a umas quase 4.

    Mas o grande gargalo(fora a largura de banda da memória) é que ele é portátil.
    Um desenvolvedor na hora de fazer o jogo, não deve pensar se vai dar pra portar ele no modo em dock, e sim no modo portátil. Pois todo jogo deve funcionar e estar jogável nos dois modos. A maioria do desenvolvimento vai focar em rodar bacana no modo portátil a 720p, e usar o poder a mais pra aumentar a resolução, testando se o FPS fica estável ainda.
    Então não adianta comemorar que no dock ele é forte o suficiente pra ter os jogos de xbox one, se no modo portátil ele não for. Vejo muita gente comparando que os jogos podem vir considerando apenas as specs do modo dock, esquecendo do portátil. acho que elas podem se decepcionar.
    avatar
    Sanksuel
    Veterano Nv.31
    Veterano Nv.31

    Karma Karma : 466
    Posts Posts : 1156

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por Sanksuel em Qua 01 Fev 2017, 07:17

    Eu penso que pelas especificações colocadas, o NS está bem de potência, já achava o WiiU bom o bastante quando não usava o gamepad e focava tudo na televisão.

    o único defeito que eu vi até agora é o preço cobrado pelo console, pelo custo beneficio ele tinha que ser mais barato, a Nintendo aumentou o preço consideravelmente nesse começo de vida do NS só pra depois anunciar um corte oficial no preço, e sei lá, me parece uma jogada furada essa...
    avatar
    x0exe
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1989
    Posts Posts : 6839

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por x0exe em Qua 01 Fev 2017, 08:38

    @ari789 escreveu:Ou seja... em questão de hardware o Switch é basicamente um Wii U melhorado com a diferença de quê agora o Off-Play TV funciona em qualquer lugar e quê ''aparentemente'' é fácil de se programar nele ?
    Não, cara ;-;... Não...
    avatar
    Cyber Archer
    Veterano Nv.20
    Veterano Nv.20

    Karma Karma : 632
    Posts Posts : 877

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por Cyber Archer em Qua 01 Fev 2017, 10:08

    @ari789 escreveu:Ou seja... em questão de hardware o Switch é basicamente um Wii U melhorado com a diferença de quê agora o Off-Play TV funciona em qualquer lugar e quê ''aparentemente'' é fácil de se programar nele ? ( se bem que falaram que seria fácil portar jogos de X360 para o Wii U também e não foi o quê vimos em prática ) Suspect

    Então, se você diz em termos de potência apenas, ele não deve ser muito mais potente que o WiiU, mas se você diz hardware, ele não é um WiiU melhorado, a arquitetura é completamente diferente, se assemelhando mais as de um PC (assim como o XBO e PS4), isso facilita muito o reaproveitamento de código nos jogos.

    Mas, como você lembrou bem, WiiU era melhor que o PS3 em termos de programação e em facilidade de portar jogos, mas ainda assim PS3 recebeu jogos que o WiiU ficou sem.

    -----------------------------------------

    Agora uma coisa me preocupa, se for verdade essas especulações:

    "Ele trabalha com ciclo minimo de potencia, quando conectado ao Dock ele utiliza 100% da sua capacidade. A unica redução que o sistema faz fora do Dock está ligado a GPU e a Memoria de Banda da RAM, pois eles não podem desligar regiões da CPU pois isso afetaria a logica dos jogos e tornaria um inferno.

    A razão disto é gasto de energia, não havia a possibilidade de adicionar uma bateria de motocicleta dentro do Switch."


    Então o Switch é só um portátil com possibilidade de se conectar em uma TV, a única forma do Switch ser um híbrido é se o Dock ter algum hardware de processamento/memória e isso acrescentar potência ao console, agora se a única coisa que o Dock faz é ativar o modo "conectado a fonte de alimentação" e permitir que o portátil use 100% de sua potência, me desculpem, mas pra mim isso não é híbrido.

    Mas isso é só especulação, estou esperando o console sair e abrirem ele pra ver o que o Dock faz.=D
    avatar
    x0exe
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1989
    Posts Posts : 6839

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por x0exe em Qua 01 Fev 2017, 10:18

    @Cyber Archer escreveu:
    @ari789 escreveu:Ou seja... em questão de hardware o Switch é basicamente um Wii U melhorado com a diferença de quê agora o Off-Play TV funciona em qualquer lugar e quê ''aparentemente'' é fácil de se programar nele ? ( se bem que falaram que seria fácil portar jogos de X360 para o Wii U também e não foi o quê vimos em prática ) Suspect

    Então, se você diz em termos de potência apenas, ele não deve ser muito mais potente que o WiiU, mas se você diz hardware, ele não é um WiiU melhorado, a arquitetura é completamente diferente, se assemelhando mais as de um PC (assim como o XBO e PS4), isso facilita muito o reaproveitamento de código nos jogos.

    Mas, como você lembrou bem, WiiU era melhor que o PS3 em termos de programação e em facilidade de portar jogos, mas ainda assim PS3 recebeu jogos que o WiiU ficou sem.

    -----------------------------------------

    Agora uma coisa me preocupa, se for verdade essas especulações:

    "Ele trabalha com ciclo minimo de potencia, quando conectado ao Dock ele utiliza 100% da sua capacidade. A unica redução que o sistema faz fora do Dock está ligado a GPU e a Memoria de Banda da RAM, pois eles não podem desligar regiões da CPU pois isso afetaria a logica dos jogos e tornaria um inferno.

    A razão disto é gasto de energia, não havia a possibilidade de adicionar uma bateria de motocicleta dentro do Switch."


    Então o Switch é só um portátil com possibilidade de se conectar em uma TV, a única forma do Switch ser um híbrido é se o Dock ter algum hardware de processamento/memória e isso acrescentar potência ao console, agora se a única coisa que o Dock faz é ativar o modo "conectado a fonte de alimentação" e permitir que o portátil use 100% de sua potência, me desculpem, mas pra mim isso não é híbrido.

    Mas isso é só especulação, estou esperando o console sair e abrirem ele pra ver o que o Dock faz.=D
    Na verdade não no modo "Conectado a fonte de alimentação" mas a um monitor externo, os celulares mais modernos rodando Windows 10 fazem a mesma coisa, rodando o visual dos desktops quando conectados num monitor externo... E o funcionamento é o mesmo, o dock não é nada mais que um USB OTG com ports USB e USB-C, ou seja, se você adaptar um conector USB-C para HDMI ele funcionará da mesma forma como o dock, a não ser que ele tenha firmware.
    EDIT2:
    E no post ele esclarece que tirando as facilidades de port e produção, ele é ao menos 2 o 3 vezes mais potente que o Wii U.
    avatar
    Cyber Archer
    Veterano Nv.20
    Veterano Nv.20

    Karma Karma : 632
    Posts Posts : 877

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por Cyber Archer em Qua 01 Fev 2017, 10:33

    @x0exe escreveu:
    @Cyber Archer escreveu:
    @ari789 escreveu:Ou seja... em questão de hardware o Switch é basicamente um Wii U melhorado com a diferença de quê agora o Off-Play TV funciona em qualquer lugar e quê ''aparentemente'' é fácil de se programar nele ? ( se bem que falaram que seria fácil portar jogos de X360 para o Wii U também e não foi o quê vimos em prática ) Suspect

    Então, se você diz em termos de potência apenas, ele não deve ser muito mais potente que o WiiU, mas se você diz hardware, ele não é um WiiU melhorado, a arquitetura é completamente diferente, se assemelhando mais as de um PC (assim como o XBO e PS4), isso facilita muito o reaproveitamento de código nos jogos.

    Mas, como você lembrou bem, WiiU era melhor que o PS3 em termos de programação e em facilidade de portar jogos, mas ainda assim PS3 recebeu jogos que o WiiU ficou sem.

    -----------------------------------------

    Agora uma coisa me preocupa, se for verdade essas especulações:

    "Ele trabalha com ciclo minimo de potencia, quando conectado ao Dock ele utiliza 100% da sua capacidade. A unica redução que o sistema faz fora do Dock está ligado a GPU e a Memoria de Banda da RAM, pois eles não podem desligar regiões da CPU pois isso afetaria a logica dos jogos e tornaria um inferno.

    A razão disto é gasto de energia, não havia a possibilidade de adicionar uma bateria de motocicleta dentro do Switch."


    Então o Switch é só um portátil com possibilidade de se conectar em uma TV, a única forma do Switch ser um híbrido é se o Dock ter algum hardware de processamento/memória e isso acrescentar potência ao console, agora se a única coisa que o Dock faz é ativar o modo "conectado a fonte de alimentação" e permitir que o portátil use 100% de sua potência, me desculpem, mas pra mim isso não é híbrido.

    Mas isso é só especulação, estou esperando o console sair e abrirem ele pra ver o que o Dock faz.=D
    Na verdade não no modo "Conectado a fonte de alimentação" mas a um monitor externo, os celulares mais modernos rodando Windows 10 fazem a mesma coisa, rodando o visual dos desktops quando conectados num monitor externo... E o funcionamento é o mesmo, o dock não é nada mais que um USB OTG com ports USB e USB-C, ou seja, se você adaptar um conector USB-C para HDMI ele funcionará da mesma forma como o dock, a não ser que ele tenha firmware.
    EDIT2:
    E no post ele esclarece que tirando as facilidades de port e produção, ele é ao menos 2 o 3 vezes mais potente que o Wii U.

    Então, mas esse que é o problema, isso acaba tornando a propaganda de "híbrido" uma grande mentira, no fim ele tem hardware de portátil, funciona como um portátil e o Dock é um cabo HDMI.

    Sobre a potencia, o WiiU também era mais poderoso que o PS3/X360 mas na prática isso pouco foi mostrado, a tendência com o Switch é a mesma, principalmente levando em consideração as limitações em relação ao modo undocked.

    Além do mais, supostamente o PS4 é 10x mais potente que o PS3, o que coloca o Switch mais próximo do WiiU (assim como o WiiU era mais próximo do PS3) do que do PS4.=D
    avatar
    Shenu
    Moderador
    Moderador

    Karma Karma : 591
    Posts Posts : 2076

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por Shenu em Qua 01 Fev 2017, 11:02

    @Cyber Archer não tem viabilidade nenhuma em colocar hardware de ps4 em um tablet :v, muito menos colocar coprocessadores no dock para aumentar a potencia do ns.
    avatar
    ari789
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1975
    Posts Posts : 6452

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por ari789 em Qua 01 Fev 2017, 11:34

    @Cyber Archer escreveu:
    @ari789 escreveu:Ou seja... em questão de hardware o Switch é basicamente um Wii U melhorado com a diferença de quê agora o Off-Play TV funciona em qualquer lugar e quê ''aparentemente'' é fácil de se programar nele ? ( se bem que falaram que seria fácil portar jogos de X360 para o Wii U também e não foi o quê vimos em prática ) Suspect

    Então, se você diz em termos de potência apenas, ele não deve ser muito mais potente que o WiiU, mas se você diz hardware, ele não é um WiiU melhorado, a arquitetura é completamente diferente, se assemelhando mais as de um PC (assim como o XBO e PS4), isso facilita muito o reaproveitamento de código nos jogos.

    Mas, como você lembrou bem, WiiU era melhor que o PS3 em termos de programação e em facilidade de portar jogos, mas ainda assim PS3 recebeu jogos que o WiiU ficou sem.

    -----------------------------------------

    Agora uma coisa me preocupa, se for verdade essas especulações:

    "Ele trabalha com ciclo minimo de potencia, quando conectado ao Dock ele utiliza 100% da sua capacidade. A unica redução que o sistema faz fora do Dock está ligado a GPU e a Memoria de Banda da RAM, pois eles não podem desligar regiões da CPU pois isso afetaria a logica dos jogos e tornaria um inferno.

    A razão disto é gasto de energia, não havia a possibilidade de adicionar uma bateria de motocicleta dentro do Switch."


    Então o Switch é só um portátil com possibilidade de se conectar em uma TV, a única forma do Switch ser um híbrido é se o Dock ter algum hardware de processamento/memória e isso acrescentar potência ao console, agora se a única coisa que o Dock faz é ativar o modo "conectado a fonte de alimentação" e permitir que o portátil use 100% de sua potência, me desculpem, mas pra mim isso não é híbrido.

    Mas isso é só especulação, estou esperando o console sair e abrirem ele pra ver o que o Dock faz.=D

    Eu concordo em ''partes'' com você, visto assim o Switch não faz tão diferente do quê o PSP Fazia com seu cabo AV ou Vídeo Component, a diferença é que não tinha controles próprios e era um cabo ao invés de um dock

    Mas sendo sincero, acho que o Dock vai ter mais utilidade no futuro, só o fato da qualidade dos jogos melhorar no dock e de que no futuro ele vai aceitar HD Externos pelas portas USB 2.0 e 3.0, me faz pensar que a Nintendo pode dar mais uso a ele e até acrescentar mais hardware adicional, assim, ao invés de lançar um novo console como New 3DS XL, Scorpion, PS4Pro basta lançar um novo dock, seria muito melhor e mais barato tanto para a Nintendo tanto para os gamers que não tem grana para comprar um novo console, lembro que até existia uma patente que tinha algo muito semelhante porem utilizando processamento na nuvem e/ou uma peça extra que ficava junto com o console para melhorar o seu hardware :




    A patente descreve um sistema em que o console primário conecta a dispositivos suplementares para "aumentar a velocidade ou qualidade da experiência de jogo". Isso pode ser entendido como um upgrade de hardware tradicional, mas uma leitura mais atenta da patente revela algo bem diferente.




    O console hipotético pode conectar a múltiplos dispositivos suplementais, medir a latência e a performance, e atribuir cargas de trabalho a eles, com o objetivo de melhorar a performance do console primário. Estes dispositivos suplementais são mostrados ligados com cabos ao console, mas a patente deixa claro que eles podem também se conectar via Wi-Fi ou Bluetooth.


    é como eu sempre digo, nenhuma das patentes da Nintendo deve ser deixado de lado, o Dock no futuro pode se tornar o quê essa patente da Nintendo diz  Rolling Eyes

    O Único problema com isso seria quê :

    1- A Nintendo poderia optar por exclusivos que funcionam apenas com o Dock ( coisa que ela faz com o New 3DS )

    2- As empresas teriam ainda mais dor de cabeça em ter que otimizar o jogo para dois hardwares e os gamers que não possuem o novo dock iriam ficar chateados com isso, isso poderia resultar em jogos como Monster Hunter 4 Ultimate que rodam a 60 FPS no New 3DS e só a 30 FPS no 3DS ou até pior, casos como Hyrule Warriors Legends que possuem um despenho horrível no Old 3DS chegando a quase ser injogavel.

    3- Isso iria prejudicar quem quer o Switch como console portátil, mas como a Nintendo considera o Switch principalmente um console de mesa e na minha opinião isso de ''Play On The Go'' é apenas um hype passageiro como foi com o 3D do 3DS, Wii Remote do Wii e GamePad do Wii U eu não acho isso tão prejudicial mas vai saber, só o fato dos HD Externos já seria prejudicial de certa forma já que eles só funcionam com o dock.


    Se essas patentes realmente se aplicarem ao dock do Switch ( e eu espero que se apliquem ) as coisas podem não ficar tão feias para o Switch no futuro em termos de hardware, apesar da ideia de ter comprar um novo dock não parecer tão boa, convenhamos... é melhor que comprar um New 3DS, PS4Pro ou Scorpion e ainda sai mais barato Psylol
    avatar
    x0exe
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1989
    Posts Posts : 6839

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por x0exe em Qua 01 Fev 2017, 12:22

    @Shenu escreveu:@Cyber Archer não tem viabilidade nenhuma em colocar hardware de ps4 em um tablet :v, muito menos colocar coprocessadores no dock para aumentar a potencia do ns.
    Exato, muito pelo contrário, o conceito de híbrido é justamente funcionar como um console de mesa com controles e um portátil... Tendo uma base com hardware e memória não faria sentido já que ele perderia capacidade quando no modo portátil... Sendo a base o verdadeiro console de mesa. Se for seguir essa lógica, se futuramente existisse uma base para o 3DS com processador adicional, ele seria um híbrido da mesma forma.
    avatar
    vits
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 2542
    Posts Posts : 4922

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por vits em Qua 01 Fev 2017, 12:27

    @Cyber Archer escreveu:
    @x0exe escreveu:
    @Cyber Archer escreveu:
    @ari789 escreveu:Ou seja... em questão de hardware o Switch é basicamente um Wii U melhorado com a diferença de quê agora o Off-Play TV funciona em qualquer lugar e quê ''aparentemente'' é fácil de se programar nele ? ( se bem que falaram que seria fácil portar jogos de X360 para o Wii U também e não foi o quê vimos em prática ) Suspect

    Então, se você diz em termos de potência apenas, ele não deve ser muito mais potente que o WiiU, mas se você diz hardware, ele não é um WiiU melhorado, a arquitetura é completamente diferente, se assemelhando mais as de um PC (assim como o XBO e PS4), isso facilita muito o reaproveitamento de código nos jogos.

    Mas, como você lembrou bem, WiiU era melhor que o PS3 em termos de programação e em facilidade de portar jogos, mas ainda assim PS3 recebeu jogos que o WiiU ficou sem.

    -----------------------------------------

    Agora uma coisa me preocupa, se for verdade essas especulações:

    "Ele trabalha com ciclo minimo de potencia, quando conectado ao Dock ele utiliza 100% da sua capacidade. A unica redução que o sistema faz fora do Dock está ligado a GPU e a Memoria de Banda da RAM, pois eles não podem desligar regiões da CPU pois isso afetaria a logica dos jogos e tornaria um inferno.

    A razão disto é gasto de energia, não havia a possibilidade de adicionar uma bateria de motocicleta dentro do Switch."


    Então o Switch é só um portátil com possibilidade de se conectar em uma TV, a única forma do Switch ser um híbrido é se o Dock ter algum hardware de processamento/memória e isso acrescentar potência ao console, agora se a única coisa que o Dock faz é ativar o modo "conectado a fonte de alimentação" e permitir que o portátil use 100% de sua potência, me desculpem, mas pra mim isso não é híbrido.

    Mas isso é só especulação, estou esperando o console sair e abrirem ele pra ver o que o Dock faz.=D
    Na verdade não no modo "Conectado a fonte de alimentação" mas a um monitor externo, os celulares mais modernos rodando Windows 10 fazem a mesma coisa, rodando o visual dos desktops quando conectados num monitor externo... E o funcionamento é o mesmo, o dock não é nada mais que um USB OTG com ports USB e USB-C, ou seja, se você adaptar um conector USB-C para HDMI ele funcionará da mesma forma como o dock, a não ser que ele tenha firmware.
    EDIT2:
    E no post ele esclarece que tirando as facilidades de port e produção, ele é ao menos 2 o 3 vezes mais potente que o Wii U.

    Então, mas esse que é o problema, isso acaba tornando a propaganda de "híbrido" uma grande mentira, no fim ele tem hardware de portátil, funciona como um portátil e o Dock é um cabo HDMI.

    Sobre a potencia, o WiiU também era mais poderoso que o PS3/X360 mas na prática isso pouco foi mostrado, a tendência com o Switch é a mesma, principalmente levando em consideração as limitações em relação ao modo undocked.

    Além do mais, supostamente o PS4 é 10x mais potente que o PS3, o que coloca o Switch mais próximo do WiiU (assim como o WiiU era mais próximo do PS3) do que do PS4.=D

    Bem, vale lembrar que a Nintendo não está anunciando o console como híbrido, mas sim como um console de mesa. Quem está "vendendo" o console como híbrido ou portátil, são alguns fãs da empresa, que usam esses termos para tentar justificar certas características do console.

    Em relação a potência, você está praticamente correto. Até o momento, tudo indica que o Switch será mais próximo do Wii U do que dos demais consoles da geração passada, o quanto isso vai impactar no suporte third do console é difícil dizer, porém, acredito que não veremos muitos AAA desse tipo no aparelho.
    avatar
    J.Biermann
    Veterano Nv.27
    Veterano Nv.27

    Karma Karma : 559
    Posts Posts : 1060

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por J.Biermann em Qua 01 Fev 2017, 13:10

    E os Teraflops? Garotada quer saber dos Teraflops, mimimi meu console tem mais que o seu, já tem cara jogando nos seus 10 Teraflops do PS5.

    Conteúdo patrocinado

    Re: [Discussão/Artigo] O Hardware do Nintendo Switch

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui 24 Ago 2017, 02:11