Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Compartilhe

    Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Mensagem por ExtremeZelda em Dom 26 Jun 2016, 11:10



    Essa aqui é a parte 2 da entrevista da Nintendo com a IGN, leia a parte 1 aqui.

    A IGN postou um artigo sobre The Legend of Zelda: Breath of the Wild, onde podemos ver diversos comentários de Eiji Aonuma, Shigeru Miyamoto e Bill Trinen sobre o jogo. Eles abrangem tópicos como cidades, as roupas de Link (inclusive a túnica azul), missões e a história do jogo.

    Sobre as cidades

    "Não posso falar muito sobre as vilas porque a maneira como elas funcionam está relacionada com a história e o mundo do jogo. Seriam spoilers, então não quero falar disso agora. Acho que em jogos de aventura a ideia de conhecer pessoas e se despedir delas é um aspecto importante. Então, isso com certeza está no jogo." - Aonuma

    Sobre as roupas

    "As roupas que ele está vestindo no momento são as mesmas que ele vestia no trailer que havíamos mostrado. Achamos que colocar essa túnica nele para esta demo deixaria isso um pouco mais familiar para as pessoas que assistiam a demo e o trailer. O Link consegue essa roupa azul em um ponto importante da história, e também mostramos uma roupa com armadura que é possível de se obter. Haverá algumas vezes em que Link se aventurará no frio e precisará se equipar adequadamente, então há diversas variações de roupas que ele pode usar." - Aonuma

    Sobre como a história se desdobrará e se os jogadores encontrarão side-quests

    "São chamados de jogos sandbox. Mas antes de serem chamados assim, sempre descrevi os jogos da Nintendo como um jardim em uma caixa. Zelda é um jogo do tipo jardim em uma caixa, onde o jogador pode andar livremente e experimentar [o mundo]. Há missões. Às vezes, chamamos de pequenas tarefas que precisamos fazer, mas há missões. Ao do lado do console há uma lista de missões que são fáceis de averiguar." - Miyamoto

    "Essas missões são, claro, opcionais. E mesmo da maneira como a história ocorre, uma vez que você sai do planalto, você chegará a um ponto em que você terá uma opção de coisas a fazer. Você pode querer continuar a história. Você pode querer saber mais sobre o passado de Link, ou tentar resolver todas os Templos. Você chega a este ponto onde você poderá decidir quais dessas coisas fará primeiro, e então você terá as missões mais importantes no topo." - Trinen

    Sobre a história

    "Este jogo tem um foco grande em experiência e também liberdade. A história não é pesada. Você pode escolher fazer todas as tarefas e missões e mesmo assim chegar ao final, ou pode não fazer nada disso, e ainda assim chegar ao final. A história não é algo direto como no passado, com a existência de Ganon, Link e Zelda. Neste jogo, a história é um pouco mais vaga. Você sentira o que Ganon é, e voce sentirá que talvez Zelda seja assim, ou que talvez Link seja assim. É a aventura de Link em descobrir tudo isso." - Miyamoto

    "Eles fizeram um ótimo trabalho em adaptar a história no mundo, dando apenas o suficiente de dicas para saber, em geral, aonde você precisa ir. Se você está fazendo outras coisas e decide que quer completar os Templos, ou que quer escalar montanhas, ou quer observar cervos no campo, ou encontrar aquela lagoa que tinha patos no trailer, você pode. Eu começo a jogar e vou fazer coisas aleatórias. Então, talvez após alguns dias jogando, pensarei que talvez seja hora de ir naquele lugar [que alguém do jogo falou sobre]. Então, você vai lá e consegue pistas o bastante para direcioná-lo ao próximo lugar. É um ótimo trabalho em te guiar aonde a história está, mas ainda assim parece algo ao acaso quando encontramos alguém no mundo aberto que ajude a história a seguir em frente." - Trinen

    Fonte
    #Zelda


    Última edição por ExtremeZelda em Dom 26 Jun 2016, 20:54, editado 1 vez(es)
    avatar
    Ulukai
    Special Blast
    Special Blast

    Karma Karma : 3288
    Posts Posts : 3096

    Re: Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Mensagem por Ulukai em Dom 26 Jun 2016, 11:20

    Sonhei que estava jogando ele

    Realmente preciso.
    avatar
    Cyber Archer
    Veterano Nv.20
    Veterano Nv.20

    Karma Karma : 632
    Posts Posts : 877

    Re: Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Mensagem por Cyber Archer em Dom 26 Jun 2016, 11:40

    @ExtremeZelda escreveu:
    Sobre a história

    "Este jogo tem um foco grande em experiência e também liberdade. A história não é pesada. Você pode escolher fazer todas as tarefas e missões e mesmo assim chegar ao final, ou pode não fazer nada disso, e ainda assim chegar ao final. A história não é algo direto como no passado, com a existência de Ganon, Link e Zelda. Neste jogo, a história é um pouco mais vaga. Você sentira o que Ganon é, e voce sentirá que talvez Zelda seja assim, ou que talvez Link seja assim. É a aventura de Link em descobrir tudo isso." - Miyamoto

    Xenoblade X foi dessa forma, isso é muito bom, mas o lado ruim são jogadores newbies que querem avançar o mais rápido possível e depois reclamam que a história é confusa e vazia...

    Além dos jogadores que criticam o jogo se não verem cenas de ação a cada interação com um npc.=D

    PS - Se as missões secundárias trouxerem bastante informação como foi em Xenoblade X esse Zelda terá bastante conteúdo para ser descoberto, o que é muito bom mesmo.
    PS2 - Seria bom se tivesse algumas coisas para serem descobertas pelo posicionamento dos inimigos, descrição de itens, etc. como em Demon/Dark Souls
    avatar
    Ryuuma
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1248
    Posts Posts : 2191

    Re: Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Mensagem por Ryuuma em Dom 26 Jun 2016, 11:47

    Pergunta de roupinha, de rupees, de cidade....

    Mas se tem bastante dungeons, ninguém pergunta =]
    avatar
    Wolflink
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 2220
    Posts Posts : 3585

    Re: Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Mensagem por Wolflink em Dom 26 Jun 2016, 12:36

    @Ryuuma escreveu:Pergunta de roupinha, de rupees, de cidade....

    Mas se tem bastante dungeons, ninguém pergunta =]
    Certeza que se perguntarem eles vão responder " Elas estão  lá, podem ficar tranquilos quanto a isso" anota aí.
    avatar
    Ryuuma
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1248
    Posts Posts : 2191

    Re: Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Mensagem por Ryuuma em Dom 26 Jun 2016, 12:40

    @Wolflink escreveu:
    @Ryuuma escreveu:Pergunta de roupinha, de rupees, de cidade....

    Mas se tem bastante dungeons, ninguém pergunta =]
    Certeza que se perguntarem eles vão responder " Elas estão  lá, podem ficar tranquilos quanto a isso" anota aí.

    O mesmo pensamento vale para as cidades, mas perguntaram mesmo assim.

    Poderiam ter perguntado quantas dungeons tem, se tem muitas ou poucas. Seria o suficiente para saber. Em SS quando fizeram uma pergunta semelhante a equipe veio de conversinha mole: "não acreditamos que isso va fazer diferença pela forma como modelamos o mundo e blablabla"... Se inventassem historinha de novo, dava pra ficar preparado psicologicamente para poucas dungeons.

    Re: Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Mensagem por ExtremeZelda em Dom 26 Jun 2016, 13:23

    @Ryuuma escreveu:O mesmo pensamento vale para as cidades, mas perguntaram mesmo assim.

    Poderiam ter perguntado quantas dungeons tem, se tem muitas ou poucas. Seria o suficiente para saber. Em SS quando fizeram uma pergunta semelhante a equipe veio de conversinha mole: "não acreditamos que isso va fazer diferença pela forma como modelamos o mundo e blablabla"... Se inventassem historinha de novo, dava pra ficar preparado psicologicamente para poucas dungeons.
    Cara, você tá se preocupando de mais.

    Se você pode iniciar o jogo e ir direto para o boss final, então significa que as Dungeons não terão um papel importante para finalizar o jogo, talvez sirva para contar mais da história do jogo, mais sobre o Link, pegar itens raros, ou outra coisa do gênero. Além de que, se for 4 Dungeons mesmo como o rumor fala, e daí? Nem sabemos a duração delas, e se elas durarem várias horas para serem completadas? Se elas durarem 4-7 horas de duração? Não sabemos, ninguém sabe, só os desenvolvedores. Além de que só o fato do mundo do jogo ser gigantesco, chegar até elas por sí só já será um tremendo desafio, até porque o Aonuma já disse que o mundo do jogo é como se fosse uma imensa dungeon em si. Além de que terá várias sidequests diferentes como já falaram. Então pare ficar reclamando, e só aproveita o jogo!  Evil or Very Mad
    avatar
    Shaya
    Veterano Nv.35
    Veterano Nv.35

    Karma Karma : 1718
    Posts Posts : 1440

    Re: Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Mensagem por Shaya em Dom 26 Jun 2016, 14:16

    . Sinceramente, odeio quando ficam perguntando sobre história, isso sequer é um ponto importante, é um jogo, não um filme.
    avatar
    Arthimura
    Veterano Nv.8
    Veterano Nv.8

    Karma Karma : 343
    Posts Posts : 577

    Re: Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Mensagem por Arthimura em Dom 26 Jun 2016, 14:29

    Miyamoto escreveu:A história não é pesada. Você pode escolher fazer todas as tarefas e missões e mesmo assim chegar ao final, ou pode não fazer nada disso, e ainda assim chegar ao final. A história não é algo direto como no passado, com a existência de Ganon, Link e Zelda. Neste jogo, a história é um pouco mais vaga. Você sentira o que Ganon é, e voce sentirá que talvez Zelda seja assim, ou que talvez Link seja assim. É a aventura de Link em descobrir tudo isso."

    Reforça a minha suspeita de que a história de Breath of the Wild será mais vaga, subliminar e subjetiva, parecido com ICO, Shadow of the Colossus e a série Soulsborne.

    Isso é ótimo pois Zelda foi pioneiro nesse estilo narrativo, e mostra que a equipe do Aonuma e a Monolith Soft estão tendo as inspirações certa para fazer um Zelda moderno.  Very Happy
    avatar
    Ryuuma
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1248
    Posts Posts : 2191

    Re: Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Mensagem por Ryuuma em Dom 26 Jun 2016, 16:06

    @ExtremeZelda escreveu:
    @Ryuuma escreveu:O mesmo pensamento vale para as cidades, mas perguntaram mesmo assim.

    Poderiam ter perguntado quantas dungeons tem, se tem muitas ou poucas. Seria o suficiente para saber. Em SS quando fizeram uma pergunta semelhante a equipe veio de conversinha mole: "não acreditamos que isso va fazer diferença pela forma como modelamos o mundo e blablabla"... Se inventassem historinha de novo, dava pra ficar preparado psicologicamente para poucas dungeons.
    Cara, você tá se preocupando de mais.

    Se você pode iniciar o jogo e ir direto para o boss final, então significa que as Dungeons não terão um papel importante para finalizar o jogo, talvez sirva para contar mais da história do jogo, mais sobre o Link, pegar itens raros, ou outra coisa do gênero. Além de que, se for 4 Dungeons mesmo como o rumor fala, e daí? Nem sabemos a duração delas, e se elas durarem várias horas para serem completadas? Se elas durarem 4-7 horas de duração? Não sabemos, ninguém sabe, só os desenvolvedores. Além de que só o fato do mundo do jogo ser gigantesco, chegar até elas por sí só já será um tremendo desafio, até porque o Aonuma já disse que o mundo do jogo é como se fosse uma imensa dungeon em si. Além de que terá várias sidequests diferentes como já falaram. Então pare ficar reclamando, e só aproveita o jogo!  Evil or Very Mad

    Sobre isso de ir direto pro boss final, é balela, o Aonuma não disse nada disso, é só um monte de site querendo chamar atenção. Aonuma disse que "você pode ir direto para o seu objetivo", extrapolar isso para ir matar o gannon portanto cuécas e graveto é fruto da imaginação das pessoas.

    No mais, eu gostaria, do fundo do meu coração, gostaria MESMO de conseguir não me importar com o numero de dungeons. Mas eu não consigo, eu simplesmente me importo. Se tem menos que 8, já olho torto, já sinto que falta algo.
    avatar
    Wolflink
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 2220
    Posts Posts : 3585

    Re: Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Mensagem por Wolflink em Dom 26 Jun 2016, 17:33

    Eu ainda prefiro 4 fodendo dungeons bem elaboradas do que 8 só  pra encher o c* de linguiça. Majora's mask tem 4 dungeons  e pra mim ele tá no top 3 da série. Mesmo u nunca classificando os jogos da série em uma ordem. Outra coisa é que eu sempre gostei da dugeon é de poder chegar  no final dela é meter a *** no boss. Poreeem esse Zelda já deixou claro que uns 90 % dos boss vão  estar em campo aberto. 
    Bem acho que é  se abalar de mais com um jogo tão promissor, ainda não acho que isso irá afetar na qualidade desse jogo. Vamos aguardar né Wink
    avatar
    ricardosummers
    Veterano Nv.14
    Veterano Nv.14

    Karma Karma : 159
    Posts Posts : 730

    Re: Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Mensagem por ricardosummers em Ter 28 Jun 2016, 13:42

    Também acho que nesse Zelda o numero de dungeons nao seja importante... é pq estamos acostumados a todos os ultimos jogos irmos em dungeons, pegar o item, matar o chefe e continuar a historia....  mas esse será diferente... e pois é. ja teremos muitas missoes e o proprio mundo cheio de misterios para resolver... ja sera um mega dungeon por si só


    quanto a historia, eu acho que´e necessaria sim. Nao é um simples game do mario que o bowser rapita a princesa e vc tem q salvar - ok, o ganon tbm rapita a zelda normalmente e vc tem q salvar - mas isso inclui muito mais: um motivo, uma catastofre, vilas e pessoas sofrendo.. é algo mais profundo.... espero que tenha historia sim e bem explicada !!!!

    Conteúdo patrocinado

    Re: Aonuma, Miyamoto e Trinen comentam sobre cidades, roupas, missões e histórias de Breath of the Wild

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui 24 Ago 2017, 04:03