Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    HatE e HypE - a Raquel e a Rutinha dos video games.

    Compartilhe
    avatar
    Convidado
    Convidado

    HatE e HypE - a Raquel e a Rutinha dos video games.

    Mensagem por Convidado em Sab 14 Maio 2016, 21:02

    Ah, o hype........... uma antecipação ansiosa, cheia de expectativas, quase erótica, em relação a um jogo de video game. Projetamos todas os nosso desejos e esperanças naquele jogo que será a melhor experiência de nossa vida... que vai fazer nossos olhos lacrimejarem de emoção, com todas as mecânicas que sempre sonhamos e com uma história que deixaria o filme O Poderoso Chefão parecendo uma tirinha do Urbano, o Aposentado... que marcaria a nossa vida para sempre e nos faria, daqui há muito anos, comentar com filhos e netos que "bom era na minha época que tinha AQUELE jogo!!


    Então, chega o tão esperado momento de experimentar aquela obra prima. Xingamos furiosamente os Correios, porque demorou a entregar a encomenda, e temos que esperar ansiosamente a nossa irmãzinha terminar de assistir o capítulo de Monster High. Mas, finalmente, quando colocamos o jogo no console, tem algo errado. O Que é isso? Teve downgrade de gráficos? Que palhaçada é essa que esse bicho não tem pulo? Hã?! Please Understand!? CADÊ O MEU JOGOOOOOO?!?!?!?!

    E o HypE volta na sua cara com força... te joga no chão e te faz prometer que nunca mais vai assistir aquela transmissão on line ou aquela feira de jogo que te deixou cheio de esperanças não concretizadas.


    E também há o HatE. Na maioria das vezes, o HatE não tem sentido ou fundamento. Não dá para explicar. Você nem sequer experimentou aquilo que você tanto abomina, mas, mesmo assim, seu HatE existe. Geralemente os consoles ou franquias são os maiores alvos do HatE. 


    Mas, aí, por um golpe do destino, você coloca a mão naquele console que só viu no encarte das Lojas Americanas, ou ganha uma cópia daquele jogo que só odiou pelo YouTube. Com muito desgosto, experimenta aquela pilha de bosta...... e fica completamente apaixonado. Não quer saber de outra coisa. Seu coração se aquece e seu HatE vira............................... HypE.


    E aí? Já aconteceu com você? Comigo sim. Eu lembro que tinha ódio, ÓDIO da franquia GTA sem nunca ter chegado perto de um jogo da série. Achava ridícula toda aquela violência gratuita, sexe explícito e outras coisas condenáveis do jogo. Então, comprei um PS4 e, adivinha, o GTA V veio junto. Simplesmente engavetei o jogo, pensando, até, em vender. Um tempo depois, resolvi colocar o jogo no console (estava jogando TW3 por algum tempo e eu tendo a enjoar rápido de jogos longos... tenho que variar um pouco) e "perder um tempo" naquilo. Pra quê? Fiquei doido no jogo. Achei incrível. Bem feito. Animado. Um JOGAÇO!!!! 

    Agora, meu HatE pela franquia GTA virou HypE por um eventual GTA VI.

    Teve o caso do Watch Dogs, também. Eu tinha um HypE doido no jogo. Acreditava, inicialmente, que aquele negócio de hackear seria uma mecânica diferente de tudo que já se via e que o jogo seria inovador. Enfim, acreditei na Ubisoft. Quando o jogo saiu e comeceu a acompanhar, fiquei muito decepcionado. E, quando joguei, confesso, virei hater do jogo. Inclusive começaram a surgir boatos de que a Ubisoft vai apresentar o WD2 na E3 2016 e eu estou já estou com raiva.

    Conte aí se algo semelhante já aconteceu com você. Um HatE que virou HypE, ou vice versa.
    avatar
    Lucas_XY
    Special Blast
    Special Blast

    Karma Karma : 527
    Posts Posts : 1601

    Re: HatE e HypE - a Raquel e a Rutinha dos video games.

    Mensagem por Lucas_XY em Sab 14 Maio 2016, 21:40

    Acho que nunca tive um desses casos, o mais perto que tenho de hate, é com Pokémon XY, mas o hate só veio depois de ter jogado e refletido que não era tão bom assim e que a equipe inimiga era uma piada, apenas isso, coisa bobinha.  tongue

    Legal o tópico, parabéns. E quem é Raquel/Rute? -q
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Re: HatE e HypE - a Raquel e a Rutinha dos video games.

    Mensagem por Convidado em Sab 14 Maio 2016, 21:53

    @Lucas_XY escreveu:...
    Legal o tópico, parabéns...
    Obrigado.

    @Lucas_XY escreveu:... E quem é Raquel/Rute? -q
    Sacrilégio!!!



    http://memoriaglobo.globo.com/programas/entretenimento/novelas/mulheres-de-areia.htm
    avatar
    Felipe_Vieir4
    Special Blast
    Special Blast

    Karma Karma : 1799
    Posts Posts : 4209

    Re: HatE e HypE - a Raquel e a Rutinha dos video games.

    Mensagem por Felipe_Vieir4 em Sab 14 Maio 2016, 21:58

    As coisas que eu costumo ter um hype muito grande eu acabo detestando, então eu já costumo tentar não hypar pra nada (principalmente rumores).
    E não entende esse hate todo por watch dogs, achei o jogo tão legal (ok que eu só joguei nesse ano, e  nem conhecia, então nem esperava muito e nem sofri com bugs)
    E quem é Raquel e Rutinha? -qq
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Re: HatE e HypE - a Raquel e a Rutinha dos video games.

    Mensagem por Convidado em Dom 15 Maio 2016, 12:56

    @Felipe_Vieir4, no meu caso, o problema com o WD pode ser resumido pelo hype criado: a Ubisoft fez um monte de promessas que não cumpriu, e eu criei um monte de expectativas (muitas delas, sem qualquer motivo... coisa que eu gostaria de ver, mesmo). No fim, a Ubisoft entregou, no máximo, um jogo normal. Fiquei frustrado e o hype virou hate. Há um misto de culpa do consumidor (eu) e da Ubisoft. Para quem não acompanhou e criou hype, o jogo deve ter sido bem aceito, até.

    No geral, acredito que o que acontece é o que você mencionou: quando a gente cria um grande hype, acaba destetando o produto final. 

    EXPLICANDO UM POUCO MAIS SOBRE A RAQUEL E A RUTH: eram duas gêmeas de uma novela da Globo (muito antiga e refeita mais recentemente). A Raquel era a gêmea má, e a Ruth era a boa. Havia uma rivalidade grande entre elas. Estou brincando com essa situação, pois o antagonismo entre elas foi muito simbólico, na época. Tão grandiosa era a situação que mesmo quem não assistia novelas (meu caso) sabia da rivalidade Raquel VS Ruth.

    Ah!, e o cara que está na figura que coloquei na mensagem anterior é o Tonho da Lua. Ele era portador de deficiência mental, um exímio escultor de areia, era apaixonado na Ruth (e ela era sua musa, para as esculturas de areia) e odiava a Raquel (tentou matá-la, inclusive, pois ela o atormentava).

    Acabei de perceber que estou velho para cacete...........................

    Conteúdo patrocinado

    Re: HatE e HypE - a Raquel e a Rutinha dos video games.

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab 16 Dez 2017, 22:23