Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    Metal Gear Solid 3 - A origem de uma lenda: Big Boss

    Compartilhe
    avatar
    Warfox
    Veterano Nv.32
    Veterano Nv.32

    Karma Karma : 3
    Posts Posts : 1191

    Metal Gear Solid 3 - A origem de uma lenda: Big Boss

    Mensagem por Warfox em Ter 11 Jan 2011, 13:01

    A origem de uma lenda é uma série de especiais que eu pretendo publicar aqui no fórum, na medida em que eu tiver possibilidades.

    O objetivo é mostrar a história de icônicos personagens dos vídeo-games que se tornaram lendas, por sua história de vida, personalidade e grandes feitos.

    Para estrear, venho com a história de um dos personagens mais controversos dos games. Uma vez odiado como um terrível vilão e hoje tão amado como um verdadeiro herói.

    Começa aqui, a história de Big Boss...

    Big Boss (1934-2014) é um personagem fictício criado pelo designer Hideo Kojima da série de games Metal Gear e Metal Gear Solid, foi apresentado como o comandante e antagonista principal dos dois primeiros titulos: Metal Gear e Metal Gear 2: Solid Snake, depois passou a ser o protagonista dos jogos: Metal Gear Solid 3: Snake Eater, Metal Gear Solid: Portable Ops e Metal Gear Solid: Peace Walker. Que foram produzidos especialmente para contar a história de vida desse emblemático personagem. Big Boss foi o título outorgado ao lendário soldado que fundou a unidade de forças especiais FOXHOUND. Também foi líder da nação-fortaleza de Outer Heaven na África do Sul e Ilha de Zanzíbar na Ásia Central. Seguidamente foi o doador original do material genético que possibilitou a criação de seus “filhos”, Solid Snake, Liquid Snake e Solidus Snake no projeto conhecido como "Les Enfants Terribles" ("Os Meninos Terríveis").




    Nome real: Jack
    Codename: Naked Snake / Big Boss
    Apelidos: Saladin / O maior soldado do Século 20 / Jack T. Milles
    Etnia: Americana / Japonesa
    Idade: 60+
    Aparições: Metal Gear Solid 3: Snake Eater / Metal Gear Solid: Portable Ops / Metal Gear / Metal Gear 2: Solid Snake
    Status: Morto

    Big Boss, também conhecido por muitos como o maior soldado do Século XX. A sua história começaria em 1964, quando foi enviado para uma das missões mais perigosas de todos os tempos, conhecida como Operação Snake Eater, a missão em que o futuro do planeta estava em jogo. Caso falhasse, significaria o fim de Guerra Fria e também o início de um holocausto nuclear global. A sua missão consistia em assassinar ninguém menos que The Boss, a mentora que o ensinou tudo o que sabia sobre combate e táticas de guerra. Porém, sem o conhecimento de Snake ou de qualquer outro envolvido, The Boss na verdade trabalhava para o próprio governo americano e foi ordenada a debandar para a União Soviética como fachada, para os EUA roubarem a Philosophers Legacy. Além da difícil tarefa de executar a compatriota, Naked Snake deveria garantir a segurança mundial impedindo que Volgin utilizasse o Shagohod. Na primeira parte de sua missão, a Operação Virtuous Mission, ele deveria infiltra-se em Tselinoyarsk e resgatar Sokolov, o homem por trás da criação do tanque. Apesar de obter sucesso em encontrar o cientista, a unidade Cobra, liderada por The Boss, levou Sokolov para Volgin, além de a própria Boss espancar violentamente Naked Snake, atirando-o de cima da ponte em Dolinovodno para a morte certa.



    Snake sobreviveu à queda e foi resgatado pouco tempo depois pelos americanos, mas apenas uma semana depois, foi enviado de volta para completar a Operação Snake Eater e limpar o nome dos EUA perante a traição de The Boss. Não muito adiante na sua missão, Snake encontraria uma mulher de codinome EVA, que deveria ser a hacker da NSA que lhe forneceria informações durante a missão. Mais tarde, ao chegar às instalações de pesquisa, ele também conheceu Aleksandr Granin, pioneiro nas idéias sobre o Metal Gear, e que também o ajudou. Naked Snake conseguiu infiltrar-se na base, mas acabou sendo capturado e torturado, fato este que lhe fez perder um dos olhos graças ao jovem Ocelot. Mas mesmo ferido conseguiu escapar. Retornando para a base de novo, ele infiltrou-se no complexo onde estava guardado o Shagohod, mas não foi o suficiente para destruir o tanque em si que, pilotado por Volgin, o perseguiu a ele e a EVA. Minutos depois Snake conseguiria destruir o Shagohod e matar Volgin, restando agora apenas a sua missão final: matar The Boss. Ambos se encontram num grande campo florido e lutaram, até que Snake prevaleceu e foi obrigado a dar o tiro de misericórdia na sua tutora, mas não sem antes ouvir toda a sua triste história. Snake conseguiu a Philosophers Legacy e voltou para os EUA, onde foi condecorado e recebeu o título máximo de Big Boss, diretamente do Presidente Lyndon B. Johnson.




    Em 1970, após realizar diversas incursões armadas pelo mundo, principalmente na África, Big Boss encontrar-se-ia capturado e preso, acusado injustamente de liderar uma rebelião da Unidade Fox, na época ainda comandada por Major Zero. Snake foi forçado a limpar o seu nome perante a unidade renegada na base russa, instalada na Península de San Hieronymo na Colômbia. O primeiro modelo do Metal Gear estava a ser desenvolvido na época e também foi roubado pela Fox, que tentava iniciar uma nova guerra nuclear, da mesma maneira que aconteceu anos atrás. Amplamente famoso pelo título que carregava, a presença carismática de Snake permitiu a ele recrutar soldados no próprio local, de forma a obter ajuda na sua difícil tarefa.




    Com o passar do tempo, Naked Snake descobriu-se metido numa ferrenha disputa de poder interno entre a CIA e o Pentágono, ambos em busca da outra metade do Philosopher Legacy, que descobriram não ter sido recuperada totalmente após a Operação Snake Eater. Renegando o papel de mero peão, Snake declararia que sua lealdade não pertencia a nenhuma das instituições e tampouco ao seu próprio país e sim, a si mesmo. Cansado, ele não pretendia viver da mesma maneira que a sua mentora viveu, renegando a sua vida em favor de interesses políticos do seu país. No final, Snake derrotou o líder da FOX, Gene, e obteve o microfilme com os dados dos fundos que estavam em posse dele, recursos que Gene pretendia utilizar para criar a “Army’s Heaven”, a sua visão de nação ideal para soldados. Porém, após conseguir completar a missão, Big Boss retornaria aos EUA e, seguindo as tradições de Major Zero, fundaria a agora nova Foxhound. E o que se tornou um dos maiores mistérios da saga de Big Boss, também teria seu início ali, em 1971. Ocelot traiu os Philosophers e roubou toda a Legacy com a ajuda de um indivíduo misterioso, para depois, planejar uma aliança com o próprio Big Boss, de forma a tornarem-se os Patriots. Tal fato permanece obscuro até os dias de hoje: ele teria aceitado ou não? Tal escolha finalmente o rotularia definitivamente como um inimigo ou um amigo, visto que os próximos anos da sua vida seriam marcados por diversas e aparentes ações controversas em relação ao seu passado patriótico. Nos anos seguintes, Big Boss estaria por trás de tudo, e não lutando contra os Metal Gears.



    Após todos os eventos envolvendo a Legacy, o pouco que se sabe é que, aparentemente descontente com tudo o que descobriu e viveu até ali, Big Boss ficaria desolado como um soldado. Dez anos após o ocorrido e quatro anos desde seu último encontro com Gene em, o confundido ex-membro de Fox Naked Snake e condecorado como Big Boss prossegue sua vida. Em 1974, Costa Rica, o "país sem ejército", é atacado por um grupo de forças desconhecido e chama-se a Militaires Sans Frontières (Militares Sem Fronteiras), o grupo mercenário comandado por Big Boss que criará Outer Heaven, uma nação militar onde soldados como ele seriam considerados honrados pela vida de batalhas que viveram. Utilizando os planos que descobriu com Granin no passado, Big Boss usou outro cientista, Dr. Pettrovich Madnar, para criar um novo modelo do Metal Gear. A princípio o seu sonho parecia ser forjar um mundo de batalhas infinitas e contínuas – o verdadeiro paraíso para qualquer soldado. E seguindo este princípio, a Outer Heaven serviria também como uma companhia mercenária, onde homens sob a tutela de Big Boss seriam enviados para todo o mundo. Depois do colapso e do fracasso da Outer Heaven pelas mãos do seu clone, Solid Snake, Big Boss desapareceria para retornar apenas anos depois, controlando um país em guerra pela independência, Zanzibar, numa nova tentativa de realizar os seus sonhos. Muitos dos seus parceiros de combates antigos, incluindo Gray Fox, juntar-se-iam a ele numa cruzada para o caos. Mas, mais uma vez, os planos de Big Boss foram destruídos, graças a Solid Snake, que o matou definitivamente após uma dramática luta, onde Big Boss revelou ao então jovem David que era na verdade, seu pai. Depois da queda de Zanzibar, o legado de Big Boss ainda sobreviveria na forma dos seus clones, feitos em 1972 num projeto aparentemente em conjunto com Ocelot e o indivíduo misterioso. Foram resultados do programa: Solid, Liquid e Solidus. Além das cópias geneticamente perfeitas, o DNA de Big Boss ainda sobreviveria por gerações a fio através da criação dos Soldados Genoma, modificados com os genes do próprio Big Boss para melhorias em desempenho.



    Com o poder dos super computadores em seu ápice Liquid Ocelot planeja tomar o controle de todo o mundo, para isso ele, precisa, dos dados genéticos de Big Boss e assim assumir controle total sobre o Sons of the Patriots. Solid Snake descobre porem no final, da saga, que Big Boss esta vivo, seu corpo foi recuperado e mantido em um estado de morte-vida pelos Patriots. Como tinha ficado bastante ferido pela batalha com Snake seu corpo foi reconstruído com partes de Liquid e Solidus, as únicas pessoas que sabiam disso eram Naomi Hunter (que participou de sua reconstrução), Eva (que encarregou sua recuperação), Gray Fox (que roubou o corpo) e Ocelot (que sacrificou sua personalidade e mente por descobrir o paradeiro do corpo). Após encontrar Solid cara a cara e explicar seu plano que levou a destruição dos sistema SOP, cogitado desde o nascimento de Solid e Liquid, Big Boss, desfalece sobre o túmulo de The Boss. Snake então oferece a ele um charuto, perdoando-o por seus crimes no passado.



    Definitivamente um legado controverso cerca o nome desta figura emblemática, que até hoje não foi difinitivamente resolvida. Foi Big Boss um traídor? Ou apenas alguém que se sacrificou em busca dos seus próprios ideais, assim como The Boss e Gene?

    Fonte: Metal Gear Solid Portugal, Wikipedia, Wikilingue
    avatar
    ARTSTREET
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 130
    Posts Posts : 4084

    Re: Metal Gear Solid 3 - A origem de uma lenda: Big Boss

    Mensagem por ARTSTREET em Ter 11 Jan 2011, 13:06

    UOU
    fodão, super .
    faz mais ^_^
    avatar
    Luan Quirante
    Veterano Nv.12
    Veterano Nv.12

    Karma Karma : 21
    Posts Posts : 699

    Re: Metal Gear Solid 3 - A origem de uma lenda: Big Boss

    Mensagem por Luan Quirante em Ter 11 Jan 2011, 15:31

    Ficou daora.

    Conteúdo patrocinado

    Re: Metal Gear Solid 3 - A origem de uma lenda: Big Boss

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Ter 17 Out 2017, 20:27