Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    A Franquia Mario Kart

    Compartilhe
    avatar
    Brake
    Administrador
    Administrador

    Karma Karma : 1550
    Posts Posts : 3712

    A Franquia Mario Kart

    Mensagem por Brake em Qua 30 Set 2015, 18:11


    A franquia Mario Kart é uma das franquias mais bem-sucedidas da Nintendo e carrega consigo 23 anos de história. Não é para menos, a franquia que é um spin-off do principal mascote da empresa detém de jogos muito divertidos que divertem até os dias atuais.

    Neste tópico veremos como a franquia evoluiu conforme o passar de seus 23 anos de história e que embora houvesse uma evolução com o passar do tempo seus jogos continuam com a mesma essência: a essência de diversão.

    Como é o Mês Nintendo Retrô, no entanto, restringiremos em falar apenas sobre os jogos Retrô da franquia, ignorando os dois jogos mais atuais da mesma: Mario Kart 7 e Mario Kart 8.

    SUPER MARIO KART - SNES



    Foi neste jogo onde tudo começou. Super Mario Kart foi o primeiro jogo da franquia Mario Kart e foi lançado para Super Nintendo Entertainment System (ou SNES) no ano de 1992. A mecânica era simples e direta: correr com um dos amigos e inimigos de Mario em um kart e chegar em primeiro lugar.

    Entretanto, o que fazia de diferencial para que o jogo não fosse apenas um jogo de corrida com os chars da franquia de Mario foi a mecânica de itens. Passando por quadrados com um ponto de interrogação no centro desenhados no solo das pistas um item aleatório é dado ao jogador e com tal item ele pode se beneficiar prejudicando os inimigos ou obtendo uma certa vantagem.

    Os itens é o que traziam o diferencial do jogo e também toda a diversão para a casa, já que Super Mario Kart havia suporte para ser jogado com dois jogadores. Fora tudo isso, como dito anteriormente, amigos e inimigos de Mario eram os corredores e as pistas eram belas homenagens as fases do bigodudo nos jogos de sua série principal, em especial o jogo mais homenageado foi Super Mario World.

    Você podia correr com 8 personagens no jogo e cada um possuía características distintas. Os personagens jogáveis eram:



    Tela de seleção dos personagens.

    Mario: O bigodudo que leva seu nome ao título do jogo. É o personagem principal do game e o mais equilibrado em atributos. É o mais recomendado para iniciantes;
    Luigi: O "Mario Verde", irmão do protagonista. É quase idêntico ao Mario o que acarreta em um equilíbrio de seus atributos e uma maior recomendação de uso para iniciantes;
    Princess Peach: A princesa do Reino do Cogumelo que é comumente raptada pelo Bowser também está entre os corredores. Ela possuí os melhores atributos para aceleração, junto de Yoshi, no entanto os piores quanto à velocidade. Assim como Mario e Luigi também é altamente recomendada para iniciantes;
    Toad: O fiel escudeiro da Princess Peach, de Mario e Luigi. Possuí atributos mais voltados ao handling (derrapagem, drift);
    Yoshi: Parceiro de jornada de Mario, o qual conheceu na Dinosaur Land nas aventuras ocorridas em Super Mario World. Assim como Peach, sua especialidade é focada na aceleração;
    Bowser: O vilão da franquia do Mario que sempre rapta a Princess Peach (mas sempre acaba perdendo-a para o bigodudo) também dá as caras no jogo, mas como um personagem jogável. Seus atributos são baseados na velocidade, tornando-o a escolha perfeita para jogadores mais experientes;
    Donkey Kong Jr.: É o filho do Donkey Kong original (agora conhecido como Cranky Kong) e que estreou o jogo que tem como título seu próprio nome. Esta foi sua primeira e única aparição nos jogos da franquia Mario Kart. Seus atributos equivalem ao Bowser, ou seja, por ser pesado tem como foco a velocidade e é outra opção recomendada para jogadores experientes;
    Koopa Troopa: Um dos "escravos" de Bowser e um conhecido inimigo dos jogos da franquia Mario. Suas habilidades são equivalentes ao Toad, ou seja, tem como foco o handling.



    As pistas de Super Mario Kart são bem peculiares, pois a maioria delas possuíam duas ou três versões com a mesma temática, fundo, música, inimigos, elementos do trajeto (e inclusive com o mesmo nome, alterando apenas o número no final dele), no entanto diferentes em trajeto. Isto foi feito devido as limitações do SNES, que não permitiam criar 20 pistas totalmente diferentes entre si. O jogo conta com 8 tipos de pistas, com destaque para à Rainbow Road que é a única fase do jogo a conter uma única versão (e, curiosamente, a fase mais odiada e amada por todos do jogo).

    As pistas do game eram divididas em quatro copas, cada uma com cinco pistas. Assim como as pistas, cada copa tinha detinha de um nome. Segue as copas abaixo:



    Murshroom Cup

    Mario Circuit 1
    Donut Plains 1
    Ghost Valley 1
    Bowser Castle 1
    Mario Circuit 2


    Flower Cup
    Choco Island 1
    Ghost Valley 2
    Donut Plains 2
    Bowser Castle 2
    Mario Circuit 3


    Star Cup
    Koopa Beach 1
    Choco Island 2
    Vanilla Lake 1
    Bowser Castle 3
    Mario Circuit 4



    Special Cup
    Donut Plains 3
    Koopa Beach 2
    Ghost Valley 3
    Vanilla Lake 2
    Rainbow Road
     


    As pistas poderiam ser corridas nesta forma de Copa no modo de jogo Mario GP, o modo Single Player de Mario Kart, também o principal do jogo. Nele você participa de corridas contra sete corredores controlados pela Inteligência Artificial do game. Ele era dividido em três dificuldades: 50cc, equivalente à Fácil, para iniciantes; 100cc, a dificuldade média; 150cc, a dificuldade mais elevada, para experientes. Como dito neste modo as corridas são em formato de copa, onde você corre por cinco pistas e tem de obtiver o quarto, terceiro, segundo ou primeiro lugar para continuar avançando. Dependendo da colocação conquistada você recebe uma pontuação: caso chegue em primeiro lugar, você recebe 9 pontos; segundo lugar, 6 pontos; terceiro lugar, 3 pontos; quarto lugar, 1 ponto. Ao final das cinco corridas se sua pontuação acumulada durante a copa for a maior de todas, você recebe um troféu de ouro (o troféu é de prata caso fique em segundo lugar e de bronze caso fique em terceiro) e poderá comemorar assim como a Peach: bebendo um gole de champagne.

    Além desse modo tínhamos também o modo Time Trial, onde o objetivo principal era de correr sozinho pela pista e de terminá-la no menor tempo possível; Match Race, o modo onde dois corredores se enfrentavam numa corrida, era um dos modos multiplayers do jogo; Battle, o modo em que o objetivo principal não era vencer uma corrida, mas estourar os balões dos inimigos numa arena de batalha (e não em uma pista).

    E não podemos esquecer de falar sobre os itens, os diferenciais do jogo. Eles eram responsáveis por muita diversão e brigas pois você podia atrapalhar os inimigos com os mesmos ou obtiver certas vantagens e ao mesmo tempo ser prejudicado por algum. Os itens do primeiro jogo eram:


    Casca de Banana: Este item possuí o mesmo efeito que no mundo real caso seja pisado. Se o corredor passar com seu Kart sobre um casco de banana, o Kart "escorrega".

    Moeda: As moedas só podem ser encontradas tanto na pista quanto nas caixas de itens. Elas aumentam um pouco a velocidade do veículo conforme vai as acumulando.

    Pena: Com ela você pode dar um grande salto, podendo se aproveitar deste salto para passar por atalhos da pista, como pular por muros.

    Boo: O Boo te deixa invisível durante um curto período te deixando imune à quaisquer ataques do inimigo.

    Casco Verde: Esse casco de Koopa, se bem mirado no inimigo, pode fazer com que o mesmo gire pela corrida.

    Casco Vermelho: Pode se dizer uma evolução do Casco Verde, já que o Casco Vermelho tem o mesmo efeito, no entanto ele não precisa ser mirado, basta atirá-lo que ele seguirá automaticamente o corredor que esteja na posição acima de você.

    Raio: O melhor e mais raro item do jogo. Ao utilizar o raio todos os corredores, menos o indutor, ficam minúsculos, mais vulneráveis e mais lentos, dando oportunidade para quem induziu avançar mais posições. O efeito é temporário.

    Cogumelo: Dá um boost (impulso) ao corredor que o utilizou.

    Estrela: Funciona de forma idêntica à sua função nos jogos principais do Mario: te dá uma invencibilidade temporária, deixando-lhe mais veloz e dando-lhe o poder de atrapalhar os inimigos fazendo-os girar caso encoste nos mesmos. É um efeito temporário também.


    Curiosidades:

    • É o único jogo de toda a série a conter disponibilidade de apenas dois jogadores no máximo nos modos Multiplayer. Os jogos seguintes permitem quatro ou mais jogadores jogando ao mesmo tempo;
    • Os únicos conteúdos desbloqueáveis do game são o modo 150cc e a Special Cup para os modos 100cc e 150cc;
    • Este é o único Mario Kart com copas tendo 5 pistas ao invés de 4 pistas;
    • Este é o único Mario Kart onde Donkey Kong e Wario não são jogáveis e o único também que possuí Donkey Kong Jr. como personagem jogável;
    • Na versão japonesa do jogo Peach e Bowser comemoram bebendo Champagne no pódio nos fins das copas. Isto foi removido nas versões Americanas e Europeias do jogo.


    MARIO KART 64 - NINTENDO 64


    Chegamos na era das 3 dimensões. Muitas franquias da Nintendo já estavam recebendo seus jogos para o seu primeiro console detende de jogos em 3D, e não foi diferente com Mario Kart. Abandonando o Super do nome, Mario Kart 64 foi o segundo jogo da franquia Mario Kart. Muita coisa se transformou neste sucessor, pois agora era possível correr em 3D, mas nem por isso o game perdeu a essência do seu antecessor.

    O objetivo do jogo ainda era correr por pistas e chegar no melhor lugar possível, usando algum char da franquia Mario. Os itens não foram descartados, eles ainda estão aqui e agora você poderá também correr por novas pistas, desta vez cada uma totalmente diferente de si. Há também mais emoção, pois agora as personagens falam ao correr.

    Todas essas novidades e mais algumas justificam o motivo de Mario Kart 64 ter ficado em quarto lugar em um ranking da revista Nintendo Power que definia os "100 melhores jogos da Nintendo de todos os tempos" em 1997. Sem dúvida alguma, um jogo incrível!

    Passemos, então, a falar melhor do que o jogo lhe oferecia. Assim como seu antecessor, havia 8 personagens jogáveis no game. Todos os chars presentes em Super Mario Kart retornam aqui, com exceção de Koopa Troopa e Donkey Kong Jr. que foram trocados por Wario e Donkey Kong.



    Tela de seleção de personagens





    • Mario: Categorizado como Médio na questão de peso. É o protagonista da franquia, que leva seu nome no nome do jogo;
    • Luigi: Categorizado como Médio na questão de peso. O irmão de Mario, que alguns chamam-o de "Mario Verde";
    • Peach: Categorizada como Leve na questão de peso. A princesa do Reino Cogumelo;
    • Toad: Categorizado como Leve na questão de peso. O fiel escudeiro de Mario, Luigi e Princess Peach;
    • Yoshi: Categorizado como Leve na questão de peso. O amigo conhecido da Dinosaur Island por Mario e Luigi;
    • Donkey Kong: Categorizado como Pesado na questão de peso. Direto da franquia Donkey Kong, o protagonista da mesma. Personagem novo;
    • Wario: Categorizado como Pesado na questão de peso. O nobre bigodudo gordinho, conhecido de Mario e um personagem recorrente na franquia principal. Personagem novo;
    • Bowser: Categorizado como Pesado na questão de peso. O vilão da franquia principal, que sempre tenta raptar a Princess Peach, mas sempre falha.



    As categorias de peso é que definiam o potencial e habilidades de cada personagem no jogo. Haviam três aspectos diferentes: Leve, Médio e Pesado.

    As personagens que se encaixam no peso Leve possuem a maior aceleração e a maior velocidade do jogo. Em contra-parte, por serem muito leves, acabam sofrendo impactos maiores ao esbarrar em algum corredor nas corridas.

    As personagens que se encaixam no peso Médio possuem a pior aceleração do jogo e velocidade boa, igual a das personagens do peso Pesado. Como não muito leves, mas nem muito pesados, não sofrem muito ao esbarrar com algum corredor nas corridas.

    As personagens que se encaixam no peso Pesado possuem uma aceleração lenta, mas que é mais veloz do que a das personagens de peso Médio e uma velocidade boa igual a da última categoria citada. Não sofrem nada ao esbarrar com algum inimigo nas corridas, devido ao seu peso.

    Vamos falar agora das pistas do jogo. Como já dito anteriormente, diferentemente de seu antecessor Mario Kart 64 possuí pistas totalmente diferentes entre si e que são divididas em 4 copas com 4 pistas cada. O jogo possuí 16 pistas, 4 a menos que seu antecessor e agora as mesmas deixaram de serem planas e passaram a ter relevo com a chegada de modelos 3D. As pistas eram:



    Murshroom Cup

    Luigi Raceway
    Moo Moo Farm
    Koopa Troopa Beach
    Kalimari Desert


    Flower Cup

    Toad's Turnpike
    Frappe Snowland
    Choco Mountain
    Mario Raceway


    Star Cup

    Wario Stadium
    Sherbet Land
    Royal Raceway
    Bowser's Castle


    Special Cup

    DK's Jungle Parkway
    Yoshi Valley
    Banshee Boardwalk
    Rainbow Road



    Para se jogar nestas pistas em forma de copa era necessário jogar no modo Mario GP, modo herdado de Super Mario Kart. O modo de jogo era idêntico ao do primeiro jogo, no entanto com algumas alterações. Por exemplo, agora as pistas possuíam 3 voltas ao invés de 5 voltas e para avançar nas copas não era necessário ficar numa posição acima do quarto lugar. Ou seja, diferentemente do que era em Super Mario Kart, se o jogador ficasse em quinto, sexto, sétimo ou oitavo lugar numa pista da copa ele poderia prosseguir.

    Algumas coisas, entretanto, permaneceram intactas. O objetivo do modo ainda é terminar a copa em alguma posição do pódio para conquistar um troféu e ainda há as dificuldades, que continuam sendo medidas em cilindradas: 50cc, dificuldade baixa; 100cc, dificuldade média; 150cc, dificuldade alta.

    Além do modo Mario GP, o modo Versus também retorna neste jogo. A maior diferença dele para com seu antecessor é que agora é possível jogar neste modo com, no máximo, 4 jogadores jogando ao mesmo tempo. O objetivo dele ainda é fazer corridas sem compromisso por qualquer pista do jogo.

    O modo Time Trial é outro que dá as caras aqui também, com o mesmo objetivo inclusive. Ele continua a testar as habilidades dos jogadores propondo que os mesmos corram sozinhos pelas pistas para encerrá-las no menor tempo possível. Não podemos esquecer também do modo Battle, o modo em que o objetivo era estourar os balões dos inimigos. Ele, que é outro herdado de Super Mario Kart, não deixa de aparecer em Mario Kart 64.

    Além destes modos antigos, temos um modo novo. O Mirror Mode é um modo onde você aposta corridas nas pistas, mas estas ficam diferentes, ficam invertidas (daí a ideia do nome, Mirror, que significa espelho, pois é como se as pistas estivessem espelhadas) propondo um desafio maior a quem já estava acostumada com a forma natural das mesmas. Este modo é bloqueável e só se desbloqueia-o ganhando todos os troféus de ouro das copas no 150cc.

    Falamos das personagens, dos modos do jogo e das pistas, mas está faltando falar dos elementos que viraram marca da franquia: os itens. Agora os itens são pegos pelos jogadores por meio não mais de um símbolo no solo das pistas, mas por caixas de item flutuantes, totalmente em 3D!

    Todos os itens de Super Mario Kart retornam em Mario Kart 64, excedendo as moedas que foram retiradas. Há itens novos também que estrearam neste jogo, foram eles:


    Cacho de Banana: Possuí o mesmo efeito da Casca de Banana, mas este item dá ao jogar 5 cascos ao invés 1 casco;
    Casco Verde Triplo: Possuí o mesmo efeito do Casco Verde, mas ao invés de dar o jogador 1 Casco Verde, ele recebe 3 Cascos Verdes;
    Casco Vermelho Triplo: Possuí o mesmo efeito do Casco Vermelho, mas ao invés de dar o jogador 1 Casco Vermelho, ele recebe 3 Cascos Vermelhos;
    Cogumelo Triplo: Possuí o mesmo efeito do Cogumelo, mas ao invés de dar o jogador 1 Cogumelo, ele recebe 3 Cogumelos;
    Caixa de Item Falsa: Como agora os itens são pegos por meio da Caixa de Item, este item surgiu para enganar os jogadores quando estiverem ansiosos para pegar um item. Pegando este item e colocando uma Caixa de Item Falsa na pista, o corredor que for de encontro com ela rodará pelo solo ao invés de receber um item;
    Super Cogumelo: Tenha o efeito do Cogumelo ilimitado por 10 segundos. Ao pegar esse item e clicar no botão de ativá-lo diversas vezes o corredor dará diversos impulsos. Muito útil;
    Casco Espinhoso (conhecido também como Casco Azul): É, sem dúvida alguma, o item mais odiado de toda a franquia. Responsável por acabar muitos sonhos de jogadores de permanecerem no primeiro lugar até o fim da corrida. O Casco Azul é uma espécie de casco guiado, quando usado por um corredor ele se dirige passando pelo meio da pista até o corredor que estiver em primeiro lugar e o ataca. Alguns jogadores que não estão em primeiro lugar podem ter o azar de serem esbarrados pelo casco também, enquanto ele passa pelo meio da pista.



    Curiosidades:

    • Este jogo marca a primeira aparição do Donkey Kong de Donkey Kong Country em um jogo da franquia Mario;
    • Na versão beta do jogo, a personagem Kamek era um corredor jogável no espaço ocupado por Donkey Kong na versão final (clique aqui para visualizar uma imagem de Kamek);
    • O nome beta de Mario Kart 64 era Super Mario Kart R;
    • Na versão japonesa do jogo, Luigi, Toad, Princess Peach e Wario possuem vozes diferentes do que na versão americana do game, o que curiosamente não ocorre com os outros corredores;
    • Caso você jogue com mais de dois jogadores no modo Versus, nenhuma música de fundo das pistas toca.


    MARIO KART: SUPER CIRCUIT - GAME BOY ADVANCE


    Mario Kart: Super Circuit ou Mario Kart Advance (como é conhecido no Japão) foi o primeiro jogo da franquia a ser lançado para um console portátil e o terceiro da franquia no geral. Chegou às lojas no ano de 2001 e foi lançado para o Game Boy Advance. O game foi o único de toda a série que não foi produzido pela Nintendo. Ele foi produzido por uma empresa chamada Intelligent Systems, mas nem por isso foi o jogo ruim ou fora dos padrões Nintendo.

    Mario Kart: Super Circuit não representa nenhuma evolução gráfica à franquia, pois os gráficos eram bem similares aos de SNES, sendo relativamente melhores, devido às limitações do console portátil. No entanto, nem por isso o jogo não trouxe inovações.

    Mario Kart: Super Circuit marca a primeira vez de um jogo de Mario Kart em que há pistas Retro. Há uma homenagem à Super Mario Kart trazendo todas as pistas do jogo como jogáveis. Fora isso, temos outras mecânicas, dentre pequenas e grandes, que fizeram deste jogo sim, uma evolução para a franquia! Embora, eu prefira falar que este jogo seja um novo "Super Mario Kart".

    Começando a falar das personagens: não há nenhuma mudança no grupo de personagens jogáveis dos jogos. Os mesmos corredores disponíveis em seu antecessor, Mario Kart 64, retornam em Mario Kart: Super Circuit. São eles:



    Tela de Seleção de Personagens

    Mario
    Velocidade: ★★★☆☆
    Peso: ★★★☆☆
    Luigi
    Velocidade: ★★★☆☆
    Peso: ★★★☆☆
    Princess Peach
    Velocidade: ★★★★★
    Peso: ★☆☆☆☆
    Toad
    Velocidade: ★★★★★
    Peso: ★☆☆☆☆
    Yoshi
    Velocidade: ★★★★☆
    Peso: ★★☆☆☆
    Donkey Kong
    Velocidade: ★★☆☆☆
    Peso: ★★★★☆
    Wario
    Velocidade: ★★☆☆☆
    Peso: ★★★★☆
    Bowser
    Velocidade: ★☆☆☆☆
    Peso: ★★★★★

    O esquema de peso e velocidade dos corredores em Mario Kart: Super Circuit continua o mesmo que seu antecessor. As personagens mais leves possuem maior aceleração e menor velocidade final. As personagens médias em peso, possuem todos os atributos médios. As personagens pesadas possuem boa velocidade final, mas péssima aceleração.


    Personagens foi um aspecto que Mario Kart: Super Circuit inovou muito pouco, tendo na realizada trago nenhuma mudança nos mesmos. A única alteração que podemos ver na tela de escolha dos corredores, é que agora podíamos escolher uma opção Random, em que o jogo aleatoriamente escolhe uma personagem para você.

    Falamos das personagens, agora partiremos para falar sobre as pistas. Estas já receberam certas inovações. Mario Kart: Super Circuit aumentou o número de copas para se jogar e, além disso, trouxe copas Retrô, com as pistas de Super Mario Kart.

    As pistas do jogo eram:



    Murshroom Cup

    Peach
    Circuit
    Shy Guy
    Beach
    Riverside
    Park
    Bowser
    Castle 1


    Flower Cup

    Mario
    Circuit
    Boo
    Lake
    Cheese
    Land
    Bowser
    Castle 2


    Lightning Cup

    Luigi
    Circuit
    Sky
    Garden
    Cheep-Cheep
    Island
    Sunset
    Wilds


    Star Cup

    Snow
    Land
    Ribbon
    Road
    Yoshi
    Desert
    Bowser
    Castle 3


    Special Cup

    Lakeside
    Park
    Broken
    Pier
    Bowser
    Castle 4
    Rainbow
    Road

    Fora estas pistas, temos as quatro copas com pistas do Super Mario Kart (Murshroom Cup, Flower Cup, Star Cup e Special Cup), de forma idêntica de que eram no jogo de SNES.


    As novidades que Mario Kart: Super Circuit trouxe em relação as pistas foram a adição da Lightning Cup, aumentando o número das copas para cinco e, como já dito, o reuso das pistas do primeiro jogo da franquia.

    Isso, no entanto, não foi a única alusão do jogo à Super Mario Kart. No modo Grand Prix deste game, o modo em que deve se correr por quatro pistas contra a CPU para buscar a melhor posição possível e conquistar um troféu, para o jogador avançar pelas pistas da copa ele deve ficar em quarto, terceiro, segundo ou primeiro lugar. Caso contrário, ele tem de reiniciar a copa, de forma idêntica a que era feita no primeiro jogo da franquia.

    Aquém disso, no entanto, o modo segue o estilo de Mario Kart 64, que por sua vez herdou de Super Mario Kart. Há ainda as dificuldades que são divididas por cilindradas, sendo elas: 50cc, 100cc e 150cc.

    Havia também um ranking geral, que era maior de acordo com o número de vitórias do jogador de copas no modo GP. Além disso, outros fatores influenciavam os pontos conquistados em tal ranking, como o número de vezes que o corredor teve de ser pego pelo Lakitu, os itens que ele usou, o corredor que escolheu e etc.

    Os outros modos do jogo eram o modo Time Trial, com o mesmo objetivo de costume: testar a habilidade do jogador propondo que o mesmo corra sozinho numa pista e conclua-a no menor tempo possível; O modo Battle, onde o objetivo era correr por arenas e destruir os balões dos inimigos; O modo Versus, em que o jogador podia fazer corridas por qualquer pista de seu interesse sem compromissos e o modo Quick Run que era novidade e é exclusividade do game: é parecido com o modo Versus, mas neste modo você pode customizar as suas corridas, como alterar o número das voltas, aparição das moedas, aparição das caixas de itens e etc.

    Por falar nas caixas de itens, não podemos esquecer deles, dos itens. A aparição deles em Mario Kart: Super Circuit não traz novidade alguma. Além do retorno das moedas, detendo da mesma função que tinham em Super Mario Kart (aumentar a velocidade do Kart), todos os itens presentes no jogo foram herdados de Mario Kart 64. Isso torna Super Circuit o único jogo da série a não trazer adição alguma aos itens.

    Curiosidades:

    • Este jogo foi o último da franquia Mario em que Princess Peach aparece com seu cabelo solto, após isso houve um redesign da personagem em que o cabelo dela passa a ficar preso. Tal redesign ocorreu em Super Mario Sunshine;
    • É o único jogo de toda a série a conter a opção Random na tela de escolha de personagens.


    MARIO KART: DOUBLE DASH - NINTENDO GAMECUBE



    O Nintendo GameCube foi um console especial, pois ele ousou na questão de jogos. A Nintendo, com ele, trouxe jogos de suas franquias fora do padrão. Isso não foi diferente com Mario Kart. Mario Kart: Double Dash foi o quarto jogo da franquia e, sem dúvida alguma, o mais diferente de toda a série. O próprio nome já demonstrava que as coisas eram diferentes naquele jogo: imagine dois jogadores controlando um kart só? Imaginou? Então, esse é o Mario Kart: Double Dash!

    Double Dash inovou muito. Foi um jogo totalmente ousado! O número de personagens aumentou drasticamente graças à mecânica de dois corredores em um kart só! Os karts agora influenciavam nos atributos! O modo Battle teve sua primeira grande expansão! Mario Kart: Double Dash! foi diferente quase em tudo, mas ainda assim manteve a essência da franquia instaurada desde o primeiro jogo: a essência da diversão.

    Vamos com calma e falar destas inovações pouco a pouco. Começaremos pelas personagens! Se você achava oito personagens um número considerável, se prepare pois Double Dash possuí o estrondoso número de 20 personagens, graças às mecânicas de dois corredores em um único kart. Com esse número era possível fazer o total de 190 combinações possíveis de corredores, olha isso!

    Todas as personagens do jogo já haviam aparecido em algum jogo da franquia Mario anteriormente, exceto Toadette, que faz sua primeira aparição em toda a franquia Mairo neste jogo. Confira os corredores disponíveis em Mario Kart: Double Dash! Lembrando que, assim como os jogos anteriores, ainda há divisão por peso dos corredores (Leve, Médio e Pesado)



    Tela de Seleção de Personagens

    Mario
    Luigi
    Princess Peach
    Princess Daisy*
    Yoshi
    Birdo*
    Baby Mario*
    Baby Luigi*
    Koopa Troopa
    Koopa Paratroopa*
    Donkey Kong
    Diddy Kong*
    Bowser
    Bowser Jr.*
    Wario
    Waluigi*

    Corredores Desbloqueáveis

    Toad
    Toadette*
    Petey Piranha*
    King Boo*

    * = indica uma nova personagem na franquia Mario Kart.


    Double Dash! iniciava com a disposição de 16 personagens (8 equipes) e, pela primeira vez na franquia, trazia 4 personagens desbloqueáveis (2 equipes). A escolha de cada personagem influenciava na performance, mas além deles os karts também proporcionavam alteração nos atributos. Mario Kart: Double Dash! trazia à disposição 21 diferentes karts, cada um com seus atributos que definiam-os como: Leve, Médio e Pesado.

    Assim como as personagens, haviam karts desbloqueáveis também. Mas como fazíamos para desbloquear tanto conteúdo assim no jogo? A resposta está nas copas e nas pistas. Grande parte, para não dizer tudo, dos conteúdos desbloqueáveis era desbloqueado por meio das copas.

    Esse jogo segue o estilo de copas de Mario Kart 64, contendo 4 copas com 4 pistas cada. As pistas eram:



    Murshroom Cup

    Luigi Circuit
    Peach Beach
    Baby Park
    Dry Dry Desert


    Flower Cup

    Murhsroom Bridge
    Mario Circuit
    Daisy Cruiser
    Waluigi Stadium


    Star Cup

    Sherbet Land
    Murshroom City
    Yoshi Circuit
    DK Mountain


    Special Cup

    Wario Colosseum
    Dino Dino Jungle
    Bowser's Castle
    Rainbow Road



    O modo para se jogar as copas continuava com o mesmo nome: o modo Grand Prix. As novidades dele era que agora havia a possibilidade de jogar com dois jogadores ao mesmo tempo, jogando em co-op no mesmo Kart. Além disso, havia uma quinta copa, uma copa em que tinha-se a possibilidade de jogar em todas as 16 pistas seguidas, sem parar e em ordem randômica. Esta copa era chamada de All-Cup Tour.

    Fora o modo GP, tínhamos o modo Time Trial, ainda com a mesma meta de correr "sozinho" (você e seu parceiro de equipe) numa pista e terminá-la no menor tempo possível. Seus tempos poderiam ser salvos em forma de "Ghost"e você poderia bater o tempo dos Ghosts dos produtores do jogo.

    Havia também o modo Battle, que sofreu uma expansão se comparado com os jogos anteriores em que esteve presente. Agora este modo detinha de três sub-modos. Eram eles:


    • Balloon Battle: A tradicional batalha de balões, em que o objetivo é estourar os balões dos inimigos;
    • Shine Thief: O objetivo deste modo é pegar um Shine Sprite (direto de Super Mario Sunshine) e mantê-lo consigo até o fim da partida. Não se esqueça, no entanto, que inimigos tentarão a todo momento pegá-lo de você;
    • Bob-omb Blast: Aqui o único item permitido é a bomba. O objetivo é jogar as bombas nos inimigos para ganhar estrelas. Caso sejam dois jogadores jogando, eles precisam de 3 estrelas para encerrar a batalha, diferente de quando 3 ou 4 jogadores jogam, onde precisam de 4 estrelas. Lembrando que se você for atingido por bombas, você perderá estrelas.


    Fora estes dois modos, temos o modo Versus que continua com a mesma meta de ser um modo simplório, com corridas apenas por diversão. A diferença é que você pode personalizar estas corridas, alterando pelo menu de Opções o número de voltas e a variedade de itens. Além de tudo isso, como já sabemos, Double Dash suporta um modo Co-Op, onde dois jogadores podem controlar o mesmo Kart. Você pode jogar com dois jogadores no mesmo Kart contra a CPU; contra um jogador controlando um Kart; contra dois jogadores controlando dois Karts, ambos separados de si e contra outra dupla Co-Op, com dois jogadores controlando um mesmo Kart.


    Não podemos esquecer de falar sobre os itens, a marca da franquia, que de jeito algum ficariam de fora aqui. Agora os itens foram divididos em dois tipos: os itens Padrão e os itens Especiais. Os itens padrões apresentam a mesma leva de itens dos jogos de Mario Kart 64 e Mario Kart: Super Circuit. Enquanto isso, os itens especiais são itens exclusivos dos corredores. Cada corredor possuí seu item Especial e, geralmente, é o mesmo de seu parceiro de dupla padrão (por exemplo, o item especial da Princess Peach é o mesmo item da Princess Daisy, já que a mesma é sua parceira de dupla padrão). Aquém disso, temos a possibilidade agora de pegar dois itens ao mesmo tempo por meio da Double Item Box (Caixa de Item Dupla).

    Os itens especiais do jogo eram:



    • Fireballs (Bolas de Fogo): Mario (vermelha) e Luigi (verde);
    • Heart (Coração): Princess Peach e Princess Daisy;
    • Yoshi Egg (Ovo de Yoshi) / Birdo Egg (Ovo de Birdo): Yoshi (verde) e Birdo (rosa);
    • Chain Chomp (inimigo da franquia Mario, clique aqui para ver uma imagem dele): Baby Mario e Baby Luigi;
    • Triple Shells (Cascos Triplos): Koopa (Casco Verde) e Paratroopa (Casco Vermelho);
    • Giant Banana (Banana Gigante sem malícias -q): Donkey Kong e Diddy Kong;
    • Bowser's Shell (Casco do Bowser): Bowser e Bowser Jr.;
    • Bob-omb (Bomba da franquia Mario, clique aqui para ver uma imagem dela): Wario e Waluigi;
    • Golden Murshroom (Cogumelo Dourado): Toad e Toadette;
    • Todos os itens especiais, excluindo Fireballs do Luigi e o Birdo Egg: Petey Piranha e King Boo.



    Curiosidades:

    • Este foi o primeiro Mario Kart a trazer personagens e karts desbloqueáveis;
    • Este é o único Mario Kart a conter Arenas de Batalha desbloqueáveis, bem como também é o único Mario Kart em que Toad é um corredor desbloqueável;
    • Diferente dos Mario Kart posteriores, qundo se faz um turbo durante o drift, a chama laranja vem antes da chama azul (nos jogos posteriores o contrário ocorre);
    • Esse é o primeiro Mario Kart em que na última volta a OST da pista fica em uma velocidade maior.
    avatar
    Brake
    Administrador
    Administrador

    Karma Karma : 1550
    Posts Posts : 3712

    Re: A Franquia Mario Kart

    Mensagem por Brake em Qua 30 Set 2015, 18:12

    MARIO KART DS - NINTENDO DS



    Mario Kart DS foi o quinto jogo lançado da franquia Mario Kart e o segundo jogo lançado para um console portátil. Foi lançado para o Nintendo DS no ano de 2005 e, atualmente, está disponível no Virtual Console do Wii U. Se seu antecessor, Mario Kart: Double Dash, foi um estouro de inovações, Mario Kart DS foi um pouco oposto à ele. O jogo preferiu apostar no seguro, trouxe as mecânicas clássicas da franquia de volta, abandonando grande parte das mecânicas de Double Dash, e aprimorou algumas.

    De novidades temos uma maior quantidade de Karts, maior quantidade de pistas trazendo de volta à ideia de copas Retrô propostas em Mario Kart: Super Circuit e o modo Mission. Mas, sem dúvida alguma, a maior inovação que Mario Kart DS foi a possibilidade de se jogar online, por meio da antiga Nintendo Wi-Fi Connection (hoje, Nintendo Network). Além disso, havia também conteúdo desbloqueável por meio da conexão online. Foi a partir de Mario Kart DS também que a Nintendo resolveu apostar de vez em títulos mais simples para os jogos da franquia, abandonando os sub-títulos agradáveis como os dos games Mario Kart: Super Circuit e Mario Kart: Double Dash.

    Comecemos a falar do jogo por suas personagens. Com a mecânica de duplas controlando um único Kart estando fora de Mario Kart DS, tivemos uma redução no número de personagens jogáveis. No entanto, se compararmos com Super Mario Kart, Mario Kart 64 e Mario Kart: Super Circuit, o número era alto, pois tinhamos à disposição 12 corredores, ao invés de 8 como era nos jogos citados. Os corredores disponíveis eram:



    Tela de seleção de personagens


    Médio

    Médio

    Leve

    Leve

    Leve

    Pesado

    Pesado

    Pesado

    Corredores Desbloqueáveis


    Médio

    Leve
    Novo Corredor

    Médio

    Pesado
    Novo Corredor

    A divisão por peso, que influencia diretamente nos atributos de cada corredor, continuava aqui. De novidade na lista de personagens tinhamos Dry Bones e R.O.B. Além deles havia um 13º corredor, personagem novo na franquia Mario Kart e que só se tornava jogável baixando-o por meio da conexão online. Era uma espécie de DLC. Este personagem era o Shy Guy (clique aqui para ver uma imagem dele) e marcou a primeira vez que o conteúdo de um jogo da franquia Mario Kart poderia ser expandido via DLC. A cor que o Shy Guy poderia vir, ao ser baixado, era escolhida aleatoriamente.



    Fora as personagens jogáveis, tinhamos as personagens não jogáveis, que apareciam em todo o game. Não podemos deixar de falar do Lakitu, que se tornou marca da franquia ao salvar muitos corredores dos abismos e também por dar a largada das corridas (curiosamente, este é o único Mario Kart em que Lakitu não dá a largada da corrida). Algumas Piantas, personagens de Super Mario Sunshine, também apareciam como cameo pelo jogo.

    Não podemos deixar de falar também sobre as pistas do jogo. O número de pistas e copas aumentou consideravelmente, pois agora tinhamos a divisão das copas: as copas que pertenciam à Nitro Grand Prix e as copas que pertenciam à Retro Grand Prix. A primeira continha as novas pistas do jogo e a segunda as pistas remake de pistas de jogos anteriores que, diferentemente de Mario Kart: Super Circuit, não se limitavam àpenas um jogo da franquia, mas homenageavam todos os jogos lançados da série anteriores à Mario Kart DS.



    NITRO GRAND PRIX


    Murshroom Cup

    Figure-8
    Circuit
    *
    Yoshi
    Falls
    *
    Cheep Cheep
    Beach
    *
    Luigi's
    Mansion
    *


    Flower Cup

    Desert
    Hills
    *
    Delfino
    Square
    *
    Waluigi
    Pinball
    Shroom
    Ridge


    Star Cup

    DK
    Pass
    *
    Tick Tock
    Clock
    Mario
    Circuit
    *
    Airship
    Fortress


    Special Cup

    Wario
    Stadium
    *
    Peach
    Gardens
    Bowser's
    Castle
    Rainbow
    Road
    *




    RETRO GRAND PRIX


    Shell Cup

    SNES Mario
    Circuit 1
    *
    N64 Moo
    Moo Farm
    *
    GBA Peach
    Circuit
    *
    GCN Luigi
    Circuit
    *


    Banana Cup

    SNES Donut
    Plains 1
    N64 Frappe
    Snowland
    *
    GBA Bowser's
    Castle 2
    GCN Baby
    Park
    *


    Leaf Cup

    SNES Koopa
    Beach 2
    N64 Choco
    Mountain
    *
    GBA Luigi's
    Circuit
    GCN Murshroom
    Bridge


    Lightning Cup

    SNES Choco
    Island 2
    *
    N64 Banshee
    Boardwalk
    GBA Sky
    Garden
    *
    GCN Yoshi's
    Circuit
    *

    * = Indica que era possível jogar a respectiva pista no modo online, pela Nintendo Wi-Fi Connection


    Para jogar nestas pistas em forma de copa, como já sabemos, era por meio do modo Grand Prix. Agora tínhamos quatro novas copas: Shell Cup, Banana Cup, Leaf Cup e Lightning Cup (adaptada de Mario Kart: Super Circuit). Estas copas continham apenas pistas Retrô de jogos anteriores à Mario Kart DS, pertencendo então à Retro Grand Prix. Assim como alguns de seus antecessores, Mario Kart DS detinha de seu modo Grand Prix dividido em quatro classes/níveis de dificuldade: 50cc, 100cc, 150cc e Mirror 150cc. Não havia grandes mudanças neste modo além das já citadas novas copas e divisão de copas.

    Modos clássicos como o Time Trial e o Versus continuavam na franquia. Não havia grandes inovações nestes modos também. O primeiro continuava sendo uma disputa contra o tempo, tendo o jogador correr pela pista sozinho para marcar o melhor tempo possível e o segundo um modo que disponibilizava a possibilidade de se correr por qualquer pista do Game sem intenção, ou seja, sem concorrer à uma copa. O modo Battle também retornava, com dois sub-modos: Balloon Battle e Shine Runners. O primeiro se tornava já um sub-modo clássico e o segundo fora herdado de Mario Kart: Double Dash. A novidade no modo Battle é que, assim como as pistas, havia também arenas Retrô disponíveis.

    Outro modo existente era o modo Mission. Além de ser um modo totalmente novo, era exclusivo de Mario Kart DS pois nenhum outro jogo sucessor da franquia retornou com o mesmo. O nome já é auto-explicativo, o modo Mission permiiae que o jogador participasse de missões das mas variadas possíveis. Os tipos de missões variavam desde destruir inimigos usando estrelas, bombas e cascos até batalhas contra Bosses. Cada missão era feita em uma pista diferente e com um corredor específico. As missões eram divididas em 7 Levels, que assemelham-se aos mundos do Super Mario. Cada level era dividido em oito missões e um Boss ao fim. Confira a lista das missões existentes em Mario Kart DS clicando aqui.

    De novidade como modo não tinhamos apenas o modo Mission, mas também o modo Nintendo Wi-Fi Connection, responsável por trazer uma das maiores inovações da franquia: a jogatina online.  Devemos lembrar que, no entanto, Mario Kart DS não foi o primeiro jogo da franquia a ter um modo online disponível, a versão japonesa de Mario Kart: Super Circuit quem foi o primeiro a realizar tal feito. Entretanto, a funcionalidade online de Super Circuit era a de compartilhar Ghosts do modo Time Trial para outros jogadores, diferentemente de Mario Kart DS que permitia a disputa de  corridas online, uma verdadeira e maior interação virtual.

    Encerrada as novidades quanto aos modos de jogo, não podemos esquecer de falar sobre os itens. A marca da franquia logicamente estava presente em Mario Kart DS. O jogo não trouxe muitos itens novos, tendo adicionado apenas dois itens nunca vistos antes na franquia. Eles eram:


    Blooper: Espirra tinta no visor da tela de todos os jogadores que estiverem em posições acima que você, dificultando a vista da pista para os mesmos.

    Bullet Bill: Ao usar este item o corredor se transforma em um Bullet Bill que pelo ar atravessa a pista e derruba qualquer jogador que estiver à frente.


    Curiosidades:

    • Se Mario Kart DS for jogado na versão original do Nintendo DS, na primeira tela Mario grita "Wahoo!", no entanto o mesmo grita "Here We Go!" caso o jogo esteja rodando em um Nintendo DS Lite;
    • Este é o primeiro jogo da franquia a não conter uma pista derivada da Mario Circuit na Flower Cup, como os outros jogos;
    • Este é o único jogo de Mario Kart que incluí pistas Retrô, mas que não mistura as mesmas nas Copas Retrô. Há uma pista de SNES, N64, GBA e GCN, nesta respectiva ordem, em cada Copa Retrô;
    • Como já dito anteriormente, este é o único jogo da franquia em que Lakitu não inicia as corridas.


    MARIO KART WII - NINTENDO WII



    Mario Kart Wii é o sexto jogo da série Mario Kart, sucessor do Mario Kart DS e, óbvio pelo título, lançado para o console Nintendo Wii. Seguindo a nova linha de raciocínio da Nintendo com os títulos da franquia, Mario Kart Wii também detém de um título simplório, tendo como subtítulo apenas o nome do console para qual foi lançado, de forma idêntica ao que ocorreu com seu antecessor.

    Mario Kart Wii é um jogo da franquia Mario Kart e, por isso, elementos essenciais da série não ficaram de fora. O principal deles, a diversão, esteve muito presente no jogo. Muitos consideravam Mario Kart Wii como um dos melhores ou o melhor jogo da franquia até o lançamento do atual Mario Kart 8. Alguns elementos também podem confirmar isso e o sucesso do jogo, como o fato de que vendeu mais de 34 milhões de cópias e por ter sido considerado como um dos melhores jogos do Wii.

    Além da diversão, outro fator que não deixou de marcar presença foi a inovação. Não houve grandes alterações como em Mario Kart: Double Dash em Mario Kart Wii, mas pequenas inovações que trouxeram ares novos à franquia, mesmo que ela ainda detinha a mesma roupagem de Super Mario Kart e Mario Kart 64.

    As novidades do jogo incluíam a possibilidade de se usar motos também nas corridas e não somente karts. Tinhamos também um aumento no número de corredores nas corridas e a possibilidade se jogar online, herdada de Mario Kart DS.

    Fora isso, assim como seus dois antecessores, Mario Kart Wii também trouxe personagens novos, pertencentes à franquia Mario (e o Funky Kong, intruso da franquia Donkey Kong). Confira a lista dos personagens que eram jogáveis no game:




    Tela de seleção de personagens

    Baby Mario
    Pequeno
    Baby Peach
    Pequena
    Nova Corredora
    Toad
    Pequeno
    Koopa Troopa
    Pequeno
    Mario
    Médio
    Luigi
    Médio
    Princess Peach
    Média
    Yoshi
    Médio
    Wario
    Grande
    Waluigi
    Grande
    Donkey Kong
    Grande
    Bowser
    Grande




    CORREDORES DESBLOQUEÁVEIS

    Baby Luigi
    Pequeno
    Baby Daisy
    Pequena
    Nova Corredora
    (Primeira Aparição)
    Toadette
    Pequena
    Dry Bones
    Pequeno
    Daisy
    Média
    Birdo
    Médio
    Diddy Kong
    Médio
    Bowser Jr.
    Médio
    King Boo
    Grande
    Rosalina
    Grande
    Nova Corredora
    Funky Kong
    Grande
    Novo Corredor
    Dry Bowser
    Grande
    Novo Corredor



    Tinhamos quatro personagens novas, sendo que uma delas faz também sua primeira aparição em toda a franquia Mario (Baby Daisy). As personagens são divididas de acordo com o tamanho das mesmas, variando entre tamanho Pequeno, Médio e Grande, abandonando o esquema de divisão por peso usado nos outros jogos da franquia antecessores à Mario Kart Wii.

    Fora estas personagens, você ainda podia correr com o seu Mii. Os Miis possuíam duas variações de roupas, uma inspirada em Mario e outra inspirada em Peach.

    Falamos das personagens, mas não podemos deixar de falar do local onde as mesmas percorriam durante as corridas: as pistas. Mario Kart Wii seguia o mesmo esquema de Mario Kart DS contendo quatro Copas com pistas totalmente novas e quatro Copas com pistas de jogos anteriores da franquia refeitas.

    Confira a lista de pistas e copas do jogo:


    NEW COURSES



    Murshroom Cup


    Luigi Circuit
    Moo Moo Meadows
    Murshroom Gorge
    Toad's Factory



    Flower Cup


    Mario Circuit
    Coconut Mall
    DK Summit
    Wario's Gold Mine



    Star Cup


    Daisy Circuit
    Koopa Cape
    Maple Treeway
    Grumble Volcano



    Special Cup


    Dry Dry Ruins
    Moonview Highway
    Bowser's Castle
    Rainbow Road






    RETRO COURSES



    Shell Cup


    GCN Peach Beach
    DS Yoshi Falls
    SNES Ghost Valley 2
    N64 Mario Raceway



    Banana Cup


    N64 Sherbet Land
    GBA Shy Guy Beach
    DS Delfino Square
    GCN Waluigi Stadium



    Leaf Cup


    DS Desert Hills
    GBA Bowser's Castle 3
    N64 DK's Jungle Parkway
    GCN Mario Circuit



    Lightning Cup


    SNES Mario Circuit 3
    DS Peach Gardens
    GCN DK Mountain
    N64 Bowser's Castle


    As pistas podiam ser percorridas em modo de Copa no antológico modo Grand Prix, que não deixa de aparecer neste jogo. O modo Grand Prix persistia com a mesma estrutura desde sua origem: continuava sendo dividido em três modos de dificuldade (50cc, 100cc, 150cc e Mirror (adicional)) e o objetivo ainda era correr contra jogadores controlados pela CPU do jogo em forma de copa.

    Fora ele, outros modos antológicos que marcaram presença foram:

    • Time Trial: A típica corrida solitária pelas pistas contra o tempo. Teste suas habilidades e faça seu melhor tempo;
    • VS Race: O modo de corrida por diversão, onde você pode correr por qualquer pista que desejar contra a CPU ou contra algum amigo. Ao se jogar online neste modo, o jogador poderia correr contra 12 pessoas, ao invés de 8;
    • Battle: O divertido modo de batalha, em que o objetivo não é disputar uma corrida mas sim batalhar contra os inimigos. Os sub-modos são a antológica Balloon Battle e o Coin Runners (sub-modo em que o jogador deve obter o maior número de moedas da arena, mas deve tomar cuidado para não ser atacado por algum inimigo, pois com isso pode perdê-las).

    Além dos modos clássicos, tinhamos também os modos onlines do jogo. O Ghost Race, em que o objetivo era de disputar contra os tempos feitos por outros jogadores no modo Time Trial (você fazia isso disputando contra Ghosts (fantasmas) que simulavam o percurso feito pelo respectivo jogador a quem você queria bater o tempo) e o Tournament, um modo similar ao modo Mission de Mario Kart DS, onde você participava de uma competição de tarefas específicas a serem feitas como, por exemplo, de quem coletasse o maior número de moedas na pista até uma batalha contra um Boss.

    Os modos online do game eram realizados por meio da Nintendo Wi-Fi Connection, mas foram encerrados com a extinção da mesma rede no dia 20 de Maio de 2014, já que houve a implantação da Nintendo Network (o mesmo ocorreu com Mario Kart DS).

    Falando nos recursos online do game, devemos dizer também que Mario Kart Wii aperfeiçoou alguns aspectos neste quesito se comparado com seu antecessor. Agora tínhamos uma espécie de carteira de motorista, com as informações do jogador junto a uma foto de seu Mii e as copas ganhas pelo jogador no in-game.; era possível jogar todas as pistas do jogo no modo online e havia agora também uma espécie de lista de amigos.

    Quanto aos karts, Mario Kart Wii, como já dito anteriormente, disponibilizava motos também para serem usadas e agora era possível fazer uma espécie de pulo com estes karts/motos, chamado de "Trick". As Tricks podiam ser feitas quando o corredor passasse por alguma rampa ou por alguma parte da pista que possuísse "relevo alto".

    Comentamos sobre os karts, os modos, mas falta falar da marca da franquia: os itens, claro! Não houve muita inovação no aspecto de itens, apenas três itens novos foram adicionados e, inclusive, são até o momento exclusivos de Mario Kart Wii, pois seus sucessores não os implantaram.

    Os novos itens eram:


    Mega Cogumelo: Vindo de New Super Mario Bros. DS, este item deixa o corredor gigante, podendo passar por tudo que vier à frente. O efeito de invencibilidade dele só é quebrado caso o corredor seja atingido pelo Raio.

    Nuvem de Raio: Parecido com o Raio, a Nuvem de Raio possuí um efeito quase idêntico, tendo como diferença de que a nuvem sobrevoa o jogador por 10 segundos antes de atingi-lo.

    Bloco POW: Faz com que um bloco de POW surja na tela e faça com que o jogador gire pela pista, e perca seus itens.


    Curiosidades:

    • Imagens não usadas do jogo, confirmam que Koopa Paratroopa, Hammer Bro e Petey Piranha poderiam ter sido personagens jogáveis no game;
    • Este jogo é o que mais possuí pistas retrô de Mario Circuit;
    • Algumas cópias de Mario Kart Wii vinham com um Wiimote diferenciado, em forma de roda, o Wii Wheel.


    E, com isso, encerramos este tópico sobre esta divertida franquia que é Mario Kart. Os jogos atuais, Mario Kart 7 e Mario Kart 8, herdaram o estilo de seus antecessores falados neste tópico e seguem fazendo com que a franquia continue tendo o mesmo espírito nos apresentado em seu primeiro jogo, lá do SNES. Muito obrigado pela leitura! ^^

    Victory

    Créditos por auxilio com as imagens e banner ao usuário @Math_Geek
    avatar
    Math_Geek
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 3267
    Posts Posts : 8349

    Re: A Franquia Mario Kart

    Mensagem por Math_Geek em Qua 30 Set 2015, 18:15

    Tópico gigante e muito bem feito! kkk
    Encerrando o mês nintendo com chave de ouro, ganhou até karma duplo Wink
    avatar
    Chazzy
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1787
    Posts Posts : 7415

    Re: A Franquia Mario Kart

    Mensagem por Chazzy em Qua 30 Set 2015, 21:47

    Ótimo tópico pra uma grande franquia, ficou bem completo!
    avatar
    Crash10
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 443
    Posts Posts : 1657

    Re: A Franquia Mario Kart

    Mensagem por Crash10 em Qua 30 Set 2015, 22:04

    Tópico muito bem feito e detalhado deu até preguiça de ler. Espero ver mais assim. Parabéns.
    avatar
    NathanBros
    Membro Nv.10
    Membro Nv.10

    Karma Karma : 10
    Posts Posts : 125

    Re: A Franquia Mario Kart

    Mensagem por NathanBros em Qua 30 Set 2015, 23:56

    Cada jogo merecia um artigo separado!

    Double Dash é um favorito.
    avatar
    Rafaelm
    Membro Nv.27
    Membro Nv.27

    Karma Karma : 121
    Posts Posts : 293

    Re: A Franquia Mario Kart

    Mensagem por Rafaelm em Qui 01 Out 2015, 14:12

    Muito bem feito o tópico, bem nostálgico principalmente o mario kart original, curti demais o modo de batalha desse mario kart original, foi o que mais joguei, os outros não ficaram tão bons quanto esse original.

    Faltou Falar dos de arcade e do 8 também já que falou de todos retros, fala do 8 também.


    Última edição por Rafaelm em Qui 01 Out 2015, 16:02, editado 1 vez(es)
    avatar
    Felipe_Vieir4
    Special Blast
    Special Blast

    Karma Karma : 1799
    Posts Posts : 4209

    Re: A Franquia Mario Kart

    Mensagem por Felipe_Vieir4 em Qui 01 Out 2015, 14:41

    Meu primeiro Mario Kart foi o Double Dash, que jogo lindo gente
    Depois do GC, comprei todos os Mario karts seguintes. A franquia é muito boa, e agora com online fica melhor ainda
    avatar
    Brake
    Administrador
    Administrador

    Karma Karma : 1550
    Posts Posts : 3712

    Re: A Franquia Mario Kart

    Mensagem por Brake em Qui 01 Out 2015, 21:39

    Fico feliz que gostaram, galera! ^^

    @Rafaelm
    Eu acabei não mencionando os de Arcade pois sei muito pouco sobre eles e também porque senão o tópico ia ficar ainda mais gigante auhauhea Posso dar uma atualizada no tópico adicionando informação sobre eles, no futuro.

    Não citei o Mario Kart 7 e o Mario Kart 8 também porque só falei dos jogos retrô da franquia, como disse no tópico. Como estes são atuais deixei-os de fora, mas assim como os de Arcade posso atualizar o tópico, num futuro, falando sobre estes jogos também (quando eles se tornarem Retrô auehuhaea)!
    avatar
    Zuado Pela Vida
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 702
    Posts Posts : 3089

    Re: A Franquia Mario Kart

    Mensagem por Zuado Pela Vida em Sex 02 Out 2015, 00:53

    Brake fez "O" tópico!
    Ficou incrivel, muito bem feito, 100/10 procê @Freio u.u

    SNES RR é a melhor, aceitem \o/

    Conteúdo patrocinado

    Re: A Franquia Mario Kart

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui 14 Dez 2017, 21:01