Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    [Análise] The Lion King (SNES)

    Compartilhe
    avatar
    Chazzy
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1787
    Posts Posts : 7415

    [Análise] The Lion King (SNES)

    Mensagem por Chazzy em Seg 07 Set 2015, 17:47



    Plataformas: Super Nintendo / Mega Drive / NES / Master System / Game Boy / Game Gear / Amiga
    Desenvolvedora: Westwood Studios, Virgin Interactive
    Publicadora: Virgin Interactive
    Lançamento: 08/12/1994 (SNES e Mega Drive)
    Gênero: Plataforma


    Introdução:


    Nesse "Mês Nintendo Retrô" estamos agora no console que muitos consideram o melhor de todos os tempos, o grande SNES! Então chegou a hora de falar sobre algum jogo desse console, a biblioteca do SNES é muito rica, e dentre todos os jogos eu acabei escolhendo o "The Lion King", quem leu meu tópico sobre jogos antigos da Disney viu que esse é um dos meus jogos favoritos, ele não é perfeito e tem jogos melhores na biblioteca do SNES, mas esse jogo me marcou muito e quero falar um pouco dele pra vocês.


    "The Lion King" saiu para muitas plataformas, mas tenho experiência com o jogo apenas no Super Nintendo e no Mega Drive, portanto o meu foco vai ser na versão desses consoles, principalmente na versão do SNES que foi a que usei pra rejogar esse jogo antes de fazer essa análise, as Screenshots que vocês verão aqui, eu tirei enquanto estava jogando.


    História:


    Trata-se de um jogo de plataforma dos anos 90, ele não tenta exatamente contar uma história, mas quem já assistiu ao clássico da Disney que dá nome ao jogo (espero que todo mundo) pode ficar impressionado ao perceber como esse jogo conseguiu ser fiel ao filme, coisa que jogos mais recentes não conseguem fazer. As próprias fases nos fazem lembrar do filme em muitos momentos.


    Jogabilidade:


    O jogo sofreu algumas críticas negativas no quesito jogabilidade na época em que foi lançado, mas eu particularmente acho bem interessante o que foi feito no jogo quanto à jogabilidade.


    Esse jogo possui 2 momentos diferentes, pois a gente começa jogando com o Simba criança e nas últimas fases passamos a jogar com o Simba adulto, o que faz com que a jogabilidade sofra uma alteração considerável em determinado momento do jogo.


    O simba criança pode pular, rugir (movimento útil para matar alguns inimigos mais facilmente) e rolar (ao correr, podemos apertar o direcional para baixo, e o simba consegue matar alguns inimigos assim).


    O simba adulto perde a habilidade de rolar, porém ganha dois novos movimentos, um ataque horizontal e um ataque vertical, ambos usando suas garras. Além de matar os inimigos, esses movimentos ajudam o Simba a se livrar de alguns obstáculos pelo caminho.


    Também é interessante citar que é possível jogar com o Pumba e o Timão nos estágios bônus "Bug Toss" e "Bug Hunt", respectivamente.


    Imagens dos estágios bônus:




    Gráficos e Som:


    O jogo possui um belo visual para a época, a trilha sonora também lembra o filme em muitos momentos.


    O jogo também possui algumas pequenas animações, apesar de não serem muitas, são muito bem feitas e dá um charme especial ao jogo.


    Comentário Final:


    The Lion King é um filme que marcou uma geração, ou melhor, marcou gerações e entrou pra história como um dos melhores filmes de animação de todos os tempos na opinião de muitos, e o jogo abordado nessa análise não faz feio e não vai contra essa imagem positiva do filme em que foi baseado, é um jogo que merece ser rejogado por quem já teve contato com ele na época e merece ser conhecido por quem nunca jogou.


    O jogo aparentemente é um pouco difícil, mas é possível pegar o jeito rapidamente, o problema quanto à dificuldade desse jogo no meu ponto de vista é que a curva de dificuldade dele é um pouco mal feita, a segunda fase, por exemplo, é muito mais difícil que a primeira, e depois o jogo volta a ficar um pouco mais fácil quando passamos a jogar com o Simba adulto, mas na minha opinião não é nada que estrague a experiência.


    Sem dúvidas recomendo o jogo a todos.


    Minha Nota: 8.5
    avatar
    Chazzy
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1787
    Posts Posts : 7415

    Re: [Análise] The Lion King (SNES)

    Mensagem por Chazzy em Seg 07 Set 2015, 17:48

    Aqui eu vou falar um pouco de cada fase do jogo, vou colocar imagens em spoiler pra não pesar muito o tópico, é só abrir cada spoiler pra conferir:

    Primeira Fase (The Pridelands):

    É onde o jogo começa.  bounce

    Essa fase é bem fácil, é legal pra começar a se familiarizar com os comandos, mas não tem muito segredo, é só chegar no final dela e matar a maldita Hiena e aí o desafio começa.

    Imagens da Primeira Fase:


    Segunda Fase (Can't Wait To Be King):

    A famosa "fase das girafas", essa fase não é fácil... depois que pegamos o jeito dá pra passar sem muitos problemas, mas ela é mais difícil do que parece ser a princípio. Tem dois momentos complicados nessa fase, quando a gente está no avestruz e precisa dá um salto duplo, tem que ter um timing muito bom pra não morrer.

    Essa fase é uma clara referência a esse momento do filme:


    Imagens da Segunda Fase:


    Terceira Fase (The Elephant Graveyard):

    Eu gosto muito dessa fase, acho o level design muito bem feito, ela tem um clima diferente também, é mais sombria, quando estava escolhendo as screenshots pra colocar aqui, resolvi escolher duas a mais, essa fase merece.

    Imagens da Terceira Fase:


    Quarta Fase (The Stampede):

    Essa é bem curta, a gente só tem que fugir e desviar das pedras, mas é bem legal a fase, foge um pouco do estilo dos outros estágios desse jogo.

    Imagens da Quarta Fase:


    Quinta Fase (Simba's Exile):

    Aqui nós começamos a nos despedir do Simba criança, é a penúltima fase dele.

    Eu particularmente não gosto muito dessa fase, o visual dela lembra um pouco a primeira fase em alguns momentos, é uma das fases que menos gosto no jogo, pois penso que ela combina elementos de outras fases e não mostra nada muito original.

    Spoiler:


    Sexta Fase (Hakuna Matata):

    Aqui chegamos na última fase do Simba criança e ela fecha com chave de ouro a sua participação, pra mim essa é a melhor fase do jogo, o visual é muito bonito, a música que toca é extremamente nostálgica e a fase é divertida, gosto muito da parte da cachoeira. Também selecionei duas imagens a mais pra essa fase.

    Nem preciso dizer que essa fase foi inspirada em um dos mais memoráveis momentos do filme, né? Repitam comigo, Hakuna Matata, é lindo dizer. Laughing


    Imagens da Sexta Fase:


    Sétima Fase (Simba's Destiny):

    No vídeo acima é possível perceber que o Simba cresce durante essa cena do filme, e no jogo não é diferente, na sétima fase finalmente começamos a jogar com o Simba adulto

    Essa fase é bem simples, é legal pra começar a se acostumar com a nova jogabilidade, agora o Simba não pode rolar mais, mas ganha dois ataques com garras, ele também pode agarrar e arremessar o oponente pro lado oposto dele (é necessário usar esse movimento contra o último chefe pra finalizar o jogo).

    Imagens da Sétima Fase:


    Oitava Fase (Be Prepared):

    Aqui o jogo segue a mesma lógica da primeira pra segunda fase pro Simba criança, essa oitava fase é consideravelmente mais difícil que a sétima, mas é uma fase interessante, eu gosto dela. O visual da fase é muito bonito, eu não sei porque, mas costumo ter mais dificuldades com "fases do fogo" do que com as famosas "fases da água" em jogos de plataforma como as fases do Mario e Donkey Kong Country.

    Imagens da Oitava Fase:


    Nona Fase (Simba's Return):

    Aqui a gente começa a se despedir do jogo, essa é a penúltima fase do jogo é a fase que menos gosto, ela é mais fácil que a anterior, mas ela funciona como um labirinto, você entra em uma porta, mata todas as hienas daquela área em que acabou de chegar e depois você pode entrar em outra porta, e vai fazendo isso até resolver o "quebra-cabeça", é bem repetitivo, mas vale a pena ter paciência, pois terminando essa fase, chegamos finalmente na última fase do jogo.

    Imagens da Nona Fase:


    Última Fase (Pride Rock):

    Essa é a última fase do jogo, eu acho que ela fecha o jogo de forma digna, a gente precisa lutar com o Scar três vezes, a terceira e última luta ocorre no topo da fase, depois de subirmos tudo. É uma sensação muito boa jogar esse safado do penhasco. Laughing


    Imagens da Última Fase:


    É isso galera! Espero que gostem do tópico. Já jogaram esse jogo? O que acharam? Até a próxima análise!!

    avatar
    Math_Geek
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 3267
    Posts Posts : 8349

    Re: [Análise] The Lion King (SNES)

    Mensagem por Math_Geek em Seg 07 Set 2015, 17:51

    WOOOOOOOW, muito boa a análise! Aí sim não tem como falarem "mimimi, faz análise sem ter jogado" -q

    Muito boa mesmo, parabéns! ^^
    Deu até vontade de jogar HUAHAHAHAHAHAHAHHAHA
    avatar
    Zuado Pela Vida
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 702
    Posts Posts : 3089

    Re: [Análise] The Lion King (SNES)

    Mensagem por Zuado Pela Vida em Seg 07 Set 2015, 18:34

    Analise mais do que perfeita Chazzy, 10/10 Razz

    Eu joguei tanto esse jogo quando criança (sério eu zerava ele e Megaman X umas 3x por dia, todos os dias) que hoje em dia o cartucho nem funciona mais Sad

    Maldita segunda e nona fase
    avatar
    Nan Gamer
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1496
    Posts Posts : 1835

    Re: [Análise] The Lion King (SNES)

    Mensagem por Nan Gamer em Seg 07 Set 2015, 21:19

    Jogo simplesmente incrível. Tenho excelentes lembranças. Ainda bem que meu emulador no Wii dá conta de me fornecer todos os clássicos desse console. Aquela Carinha
    avatar
    Linkdb
    Veterano Nv.2
    Veterano Nv.2

    Karma Karma : 151
    Posts Posts : 449

    Re: [Análise] The Lion King (SNES)

    Mensagem por Linkdb em Seg 07 Set 2015, 23:03

    Wooow.

    A segunda fase do jogo foi elaborada pelo próprio capiroto em pessoa para irritar os pobres mortais que ousassem tentar passar dela. 

    Mas o jogo é super legal até, eu não curto muito (na verdade nem um pouco) O Rei Leão, mas o jogo é sensacional.
    avatar
    Sum41
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 369
    Posts Posts : 2473

    Re: [Análise] The Lion King (SNES)

    Mensagem por Sum41 em Dom 13 Set 2015, 01:03

    Nunca joguei, mas lembro que sempre que eu ia na casa de um amigo da escola, lá estava o pai dele jogando esse bendito jogo, e eu ficava lá de butuca. A impressão que eu tenho do jogo até hj é exatamente dessa curva de dificuldade maluca...
    Minha maior lembrança é dessa fase da fuga, a quarta fase.

    Conteúdo patrocinado

    Re: [Análise] The Lion King (SNES)

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab 21 Out 2017, 06:31