Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    Digital Foundry – Montando um PC Gamer pelo “preço” de um PS4.

    Compartilhe
    avatar
    Cortex
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 612
    Posts Posts : 2500

    Re: Digital Foundry – Montando um PC Gamer pelo “preço” de um PS4.

    Mensagem por Cortex em Qua 27 Maio 2015, 02:34

    Algo interessante q a priscila disse... que meio na cabeça indiretamente a minha insatisfação dos PCs é que eles condizem ao fator "melhor dos melhores" e Quando acontece COMIGO o fator diversão desaparece e o fator de obrigação surge sem o menor sentido. O PC tem haver com que ela disse q o pessoal n se importa com jogos e sim com configuração gráfica, kd ou fator jogo? E isso tbm condiz quando se é mt bom no online de um jogo específico tipo LoL ou CoD ou no meu caso no Tlou que depois de certo tempo vc vê q n diverte mais além de querer platinar jogo q vc nem gosta tanto pra que no fundo... Se achar o melhor, mas por qual preço, tanta dedicação e custo sem diversão. Se eu começar a ficar assim nem vale a pena jogar.
    avatar
    vits
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 2542
    Posts Posts : 4922

    Re: Digital Foundry – Montando um PC Gamer pelo “preço” de um PS4.

    Mensagem por vits em Qua 27 Maio 2015, 07:11

    Acho que tanto você Cortex, quanto a Priscilla, estão tendo um problema em entender como a comunidade funciona nos computadores. Ao contrário dos consoles, jogadores de PC não possuem uma única bandeira, dentro desse grupo existe uma infinidade de divisões e cada uma dessas "tribos" mede a diversão usando uma parâmetro diferente das demais.  

    Veja, existem dentre os PC Gamers, aqueles que estão preocupados em conseguir a melhor experiência possível. Os chamados entusiastas, estes são aqueles que se divertem montando e otimizando suas máquinas e jogos afim de conseguir os melhores visuais e performance.

    Mas ao mesmo tempo existem aqueles que adoram jogos casuais, são viciados em jogos a lá Candy Crush e não tem vergonha nenhuma de admitir isso. E partilham do mesmo espaço com players que aspiram serem os melhores em jogos competitivos, jogando em modos casuais, como vemos nos MOBAS e FPSs.

    Em termos de jogos "tradicionais", ou lançamentos multiplataforma a comunidade nos computadores é realmente diminuta. Isso se dá porque a grande maioria dos jogadores está envolvida em títulos competitivos ou casuais, mas isso não quer dizer que não existam aqueles dispostos a compartilhar de uma experiência mais "padrão". Basta olhar as páginas da comunidade na Steam por exemplo, que encontraram toneladas de análises, artigos, dicas, detonados e material compartilhado entre os jogadores. No reddit a situação é exatamente a mesma, existem páginas dedicadas exclusivamente a um dado jogo para computadores.

    E estou passando por cima de um monte de outras "tribos", jogar e interagir nos computadores não é como em um console. Não basta dizer sou PC Gamer, que todos os outros usuários de PC vão interagir com você.

    Encontre sua tribo, descubra o que realmente te motiva nos jogos e ai sim você vai encontrar uma "aldeia" de pessoas que partilha dos seus gostos e está apta a discutir jogos e estratégias. Mas uma coisa que eu concordo é que a comunidade nos computadores é muito mais dinâmica do que em consoles, isso quer dizer que o ritmo de lançamento é tão acelerado que muitas vezes você (e grande parte da comunidade) vai esquecer de um dado jogo em pouco mais de algumas semanas ou meses. Claro que isso não é regra, existindo milhares de contra exemplos, mas para jogos mais "mainstream" acaba acontecendo com uma velocidade assustadora.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Re: Digital Foundry – Montando um PC Gamer pelo “preço” de um PS4.

    Mensagem por Convidado em Qua 27 Maio 2015, 16:02

    @Priscilla05

    Me desculpe, minha intenção não é ofender, mas pelo que você disse parece que sua lógica (em relação as configurações), seria algo como: por algumas pessoas não terem "auto-controle" para configurar a máquina (e acabarem ficando com sede de poder) a melhor alternativa é uma configuração imposta e imutável.

    Em relação a comunidade; isso varia muito, além de cada jogo ter uma comunidade própria (algo que nos consoles ficou mais comum com o Miiverse) , existe a comunidade Steam, onde existem diversas discussões, zueras, montagens, etc... (Como o vits já mencionou).

    Sobre promoções, lol, o problema não faz sentido, praticamente você esta dizendo que gosta de pagar mais caro e que isso deve ser feito para limitar o potencial de compra dos jogadores.

    Eu entendo que o que você disse é pessoal (como você mencionou) e por favor, não me entenda mal, não quis ofender e se ofendi me desculpe, mas seu texto quase parece que você gosta de sofrer (já que os pontos negativos que você citou não são negativos).XD
    avatar
    Priscilla05
    Membro Nv.30
    Membro Nv.30

    Karma Karma : 154
    Posts Posts : 329

    Re: Digital Foundry – Montando um PC Gamer pelo “preço” de um PS4.

    Mensagem por Priscilla05 em Qua 27 Maio 2015, 20:13

    Hunk, não vi nada ofensivo no seu texto não ^^

    Mas então, na verdade não era bem de auto controle que eu estava falando, mas o upgrade faz parte sim do "mundo" PC gamer, isso é inegável e creio que só foge desse ciclo quem de fato não tem nenhuma condição financeira. Assim como os donos de console criam hype forte pro lançamento dos seus exclusivos, os de PC acabam fazendo algo parecido com as peças, nem vejo isso como sede de poder, mas se a melhoria está ali e você pode fazer, porque não? 

    O problema é que isso se torna sim um ponto bastante negativo pra quem até tem o dinheiro mas não é um tipo de usuário que goste de se envolver em conhecer hardware, saber o que é melhor pra sua maquina e a hora certa de mexer nela.

    Como falei e você repetiu, tudo que eu disse foi minha experiencia pessoal, eu que não tenho interesse em assuntos ligados ao funcionamento da maquina. E fora a parte física, é muito comum as empresas lançarem atualizações especificas pra certos jogos e elas nem sempre darem tão certo no começo. Quando lançou Dead Rising 3 pra PC também lançou uma atualização pra minha placa referente a esse jogo, instalei e ela fez ficar pior, desinstalei e ele continuava mal otimizado, sendo que o Xbox One em tese é um hardware até inferior a maquina que eu tinha e nele é só enfiar o disco e jogar. Além do que pra mim, esse processo de ir atras de instalar e desinstalar driver é uma chateação. 

    No fim das contas, vender tudo e comprar o jogo pro console foi um alivio pro tipo de usuário que sou, totalmente alheia a essas necessidades que podem ser simples pra muitos, mas no meu estilo de vida transformam o que era pra ser só diversão em mais uma obrigação da vida.  

    Na questão que você e o Vits comentaram das comunidades diversas, tem muita coisa no texto dele que não posso opinar porque não tenho experiencia em vários estilo que ele citou, como moba e jogos mais leves e simples, mas tenho certeza que pra quem gosta PC é uma ótima pedida até por facilitar a comunicação. Eu no caso só jogo off line, pra você ter uma ideia até hoje não adicionei ninguém na live nem na steam, só uso mesmo PSN e não é muito. 

    Em relação ao tipo de jogo que eu jogava em PC a realidade de todos os ambientes que conheci era essa. Hoje mesmo estava conversando com um amigo sobre a possibilidade de cozinhar no The Witcher 3 e no tópico do jogo na steam a cada dois posts sobre o jogo em si, um é pra falar de hardware, configuração e tudo mais. E isso está certo, já que cada maquina é de uma jeito e as pessoas precisam mesmo falar com as outras pra descobrir os melhores settings pra sua rodar um jogo tão esperado. 
    Só que esse assunto não me agrada, daí meu comentário final no outro post, de que se a pessoa que pensa em migrar pra PC também só quiser pensar no gameplay, a "tribo" mais adequada como o Vits, falou pode ser a dos consoles, onde a padronização impede que a atenção se desvie do conteúdo do jogo em si. 

    O lance das promoções não cheguei a dizer que era uma problema, apenas que de novo, no meu caso, não se trata de um apelo tão forte assim que seja a razão de escolher jogar nos PCs, já que as sales tem essa característica de trazer tudo tão barato que você acaba frustrado por comprar muito mais do que joga. 
    Basta ver que a cada sale saem vários videos no youtube brincando com essa situação e tem até um lugar na própria steam onde você calcula o tempo que ia gastar caso zerasse tudo que tem na sua conta e o que poderia estar fazendo com esse tempo. 

    Isso é um fato da plataforma, que claro pode ser usado com sabedoria a favor de quem joga, mas a maioria acaba caindo sim nessas armadilhas dos 75, 85%, humble bundles e por aí vai. No fim das contas, se juntar todos os "baratinhos" do PC que nunca são instalados, dá o preço de um jogo que você realmente planejou comprar pro console e não apenas se empolgou com o preço baixo. 

    Enfim, tudo isso foram impressões pessoais com as quais percebi identificação interagindo em fóruns com outros usuários, mas claro que há que só jogue no PC e tire melhor da experiencia, a questão é só a pessoa ver bem o seu perfil antes de escolher seja console ou PC pra jogar.
    avatar
    hayt
    Special Blast
    Special Blast

    Karma Karma : 238
    Posts Posts : 788

    Re: Digital Foundry – Montando um PC Gamer pelo “preço” de um PS4.

    Mensagem por hayt em Sex 29 Maio 2015, 14:13

    Depende de caso eu diria. Para mim gastar 800 reais em um console é jogar dinheiro no fogo, já gastar 4000 em um PC, mesmo sendo a cada 3 anos, é bem aceitável, já que trabalho com simulações computacionais.

    O custo, para mim, de montar um PC Gamer está resumido em comprar uma VGA, e isso custa, no máximo, uns 1000 reais. A fonte eu permaneço, não há necessidade de mudar. Associado aos jogos que tenho na STEAM, o fato que posso escolher como jogar (teclado+mouse, controle do xbox, controle do PS4, controle de arcade e assim vai) e alguns jogos que gosto saírem preferencialmente para o PC (CS, Quake,...) fazem com que o PC seja a minha melhor escolha.

    Em relação aos requisitos mínimos, sério, tem que ser muito lesado para acreditar naquilo. SEMPRE eles estão ou super-dimensionados (90% dos casos) ou sub-dimensionados (alguns casos, principalmente onde os jogos são feitos para atingir um público maior).


    O PC tem haver com que ela disse q o pessoal n se importa com jogos e sim com configuração gráfica, kd ou fator jogo?

    Cara, isso é 5% da comunidade do PC. Da mesma forma eu poderia dizer que o pessoal dos consoles são todos fan-boys, brigando entre si por nada, o que não é verdade.

    Como o vits disse, a comunidade do PC é muito variada. O pessoal dos indies gosta mais da jogabilidade e inovação do jogo, por exemplo. O pessoal do competitivo gosta de desempenho - 60 fps não é suficiente, mas sim 144fps (devido aos monitores de 144Hz que eles usam). E sim, tem o pessoal que gosta dos gráficos.

    Conteúdo patrocinado

    Re: Digital Foundry – Montando um PC Gamer pelo “preço” de um PS4.

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Dom 22 Out 2017, 13:28