Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Compartilhe
    avatar
    bruno.martins.18659
    Veterano Nv.35
    Veterano Nv.35

    Karma Karma : 1445
    Posts Posts : 1433

    [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por bruno.martins.18659 em Sab 11 Abr 2015, 14:57

    Artigo do site http://retroadventures.blogspot.com 

    Eu não sou um cara tão velho a ponto de ter jogado um Odissey em sua época, mas lembro muito bem de ter jogado muito Atari... aliás eu nunca botei a mão em um Odissey, mas enfim. Aqueles jogos extremamente quadrados, sem história e com pouquissímos quadros de animações me entretiam muito quando ia na casa de colegas e amigos, pra felicidade de nossos pais que não precisavam ficar vigiando a gente o tempo todo com medo de começarmos um incêndio, literalmente falando. Hoje eu confesso que é raro eu animar a ligar meu TV Game e encarar por muito tempo aqueles jogos, muitas vezes mais movido pela nostalgia do que pela vontade de jogar, mas a admiração por aqueles pixels simples e divertidos ainda permanece. Eu cresci vendo estes mesmos pixels evoluirem e se tornarem cada vez mais detalhados com o tempo, mas ainda mantendo o bom e velho objetivo de me divertir, seja nos fliperamas de buteco ou nos consoles alheios. Fui ficando velho e pude acompanhar de perto o salto tecnológico que aconteceu em nossos consoles, com toneladas de polígonos e litros de animações, cgs e tudo mais que coubesse em um CD, mas houve outra coisa que testemunhei também: o surgimento de uma nova geração de jogadores.

    Esta nova geração entra no mundo dos jogos em um momento completamente diferente, desconhecendo grande parte do que nos torna os jogadores que somos hoje, consumidores vorazes de tecnologia que consideram o ontem algo velho. Como se não bastasse tantas mudanças, o mundo também é outro e isso influência diretamente no comportamento deles como um todo. Eu poderia ficar linhas aqui escrevendo sobre isto, mas o que eu quero falar para vocês é sobre algo que é extremamente valorizado por esta geração: os jogos adultos.

    Qualquer um que já tenha passado pela adolescência sabe que em maior ou menor grau o grande objetivo dessa faixa etária e se aproximar o máximo possível do que é um adulto. Claro que na inocência da idade o que se busca na verdade é a cópia de algumas coisas que adultos fazem, normalmente ligadas a diversão, afinal que adolescente que gostaria de ter uma vida de boletos, trabalho e encheções em geral? E é exatamente ae que entram os jogos adultos para eles, é uma forma de dizer que não são mais crianças e que o vídeo-game não é mais um brinquedo, só que mais uma vez entra a ingenuidade adolescente.

    Basicamente a definição que se tem hoje para um jogo adulto é que eles contenha os elementos sexo, violência e a "ausência de fofura", e com isso temos, por exemplo, sucessos como GTA, principalmente depois de San Andreas que permitia que você pegasse as "tias" e levasse pra dentro do carro para dar aquele trato. Mas agora peguem esse exemplo e pensem comigo: o que tem de adulto nisso? Eu lembro que a primeira vez que vi aquilo eu senti uma p*** vergonha alheia, de tão ridículo que achei. Mas como culpar um pessoa que está vivendo uma guerra de hormônios, aonde qualquer coisa é motivo para uma ida ao banheiro?




    Se me permitem, vou explicar melhor meu raciocínio com um exemplo fora dos jogos. Quem aqui nunca baixou um filme pornô, viu uma revista do nipe da Sexy ou PlayBoy ou qualquer outra coisa do gênero? E isto não foi muito mais freqüente na adolescência? O fato que é os famosos "conteúdos adultos" só recebem este nome porque legalmente só podem ser acessados por adultos, caso contrário poderiam ser rebatizados mais corretamente de "conteúdos adolescentes". Adultos estão muito mais preocupados em fazer sexo de verdade do que com revistas e vídeos, que normalmente não passam de entreterimento.

    Com os jogos acontece o mesmo, coisas destinadas mais para o público adolescente são taxados de adultos apenas por questões de classificação de faixa etária. Há um reforço dessa idéia por conta de alguns jogadores mais velhos que possuem este mesmo pensamento, que pode ser por conta de uma "adolescência permanente" mesmo ou porque realmente consideram aquilo como sendo adulto. O problema destes dois grupos é que eles tendem a ser completamente preconceituosos, e qualquer coisa que saia do seu "universo adulto" é taxado de infantil e idiota.

    Tem uma coisa que muitos jogadores não sabem diferenciar é que existe uma diferença entre temática infantil e jogo infantil. Enquanto a primeira apenas se utiliza de elementos que remetem a infância, a segunda diz respeito ao público-alvo. Mesmo assim, isto não deve ser um empecilho para qualquer jogador, afinal se ele se diverte com um jogo completamente infantil, o objetivo está sendo cumprido, lembrando que essas classificações são sempre para idades abaixo da identificação.

    Jogadores mais velhos tendem a ser menos preconceituosos com este tipo de coisa porque cresceram jogando coisas simples que não ofereciam nada além da diversão, logo o que define um bom jogo para ele é o entretenimento, ao contrário dos mais novos. Jogos como Mario Bros. 3 por exemplo seriam facilmente rejeitados automaticamente pelos mais novos, afinal é um jogo com "bichinhos", sem qualquer violência e com gráficos "ruins", já jogadores mais velhos além de encontrarem nele o equilíbrio perfeito entre diversão e dificuldade, conseguem observar toda a genialidade por trás do conceito do jogo.





    Mas então, o que seria um jogo adulto?

    Jogos adultos seriam aqueles com tramas mais elaboradas, que necessitem de um conhecimento maior até mesmo de questões da vida. Sexo e violência são coisas simples e de fácil entendimento, mas que são apenas conseqüências de várias outras coisas. Eu não estou dizendo que os jogos adultos devam ser como a vida real, mas tratar as coisas superficialmente chega a ser um insulto a inteligência quando uma temática adulta é proposta. Vamos pegar um jogo recente que eu considero adulto: Fallou 3. Nele você tem um nível de violência bem exagerado, mas que ao invés de ser apelativo vai mais para o caricato: esta é a parte divertida. Porém o jogador mais observador vai notar que a trama se trata de uma previsão pessimista do futuro de nossa sociedade, e como diante de determinadas situações o ser humano é um ser completamente desprezível, egoísta e paranóico, além de ver como o jogo de poder é muito mais definido por ações táticas do que através de força bruta. Muitos jogos atuais conseguem trazer este misto de diversão e tramas que nos fazem pensar, enquanto muitos outros nos trazem apenas a diversão de estourar miolos. Isto não faz um jogo ser melhor que o outro, são apenas propostas diferentes para o mesmo objetivo, porém quando você tenta empurrar um conceito de qualquer maneira isto torna o jogo ruim, um jogo que coloque sexo ou violência apenas para chamar a atenção nunca será um bom jogo e tão pouco adulto.




    A conclusão que chego com tudo isso é que esses jogadores preconceituosos saem perdendo muito com esta atitude, pois deixam de aproveitar bons jogos com isto. Mas o pior de tudo é que por representarem uma boa parte do público, eles acabam moldando o mercado que está cada vez mais "cuspindo" jogos ao invés de produzi-los, saturando cada vez mais o mercado com estes pretensos jogos adultos, e ae surge aquela história de que os jogos antigamente eram melhores e blá, blá, blá. Isto também causa a idolatração exagerada de determinados jogos, como é o caso de God Of War que é bem divertido, mas muito longe de ser considerado adulto, afinal não é uma cena de sexo aqui, um membro arrancado ali que faz isso. Felizmente existem muitos bons produtores por ae que sabem fazer bons jogos e sempre nos brindam com tramas excelentes e divertidas, independente da temática adulta ou infantil.



    Então é isso ae galera, vamos nos livrar destes preconceitos idiotas e aproveitar o que de melhor existe no mundo dos jogos: a única lei é se divertir!

    http://vaojogar.com.br/escrito/a-geracao-atual-e-a-ilusao-dos-jogos-adultos
    avatar
    vits
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 2542
    Posts Posts : 4922

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por vits em Sab 11 Abr 2015, 16:10

    Eu até gostei do texto, mas achei ele muito pautado na nostalgia que o autor sente ao lembrar do passado, para considera-lo uma opinião realmente livre de preconceito.

    Principalmente porque esses jogos "não adultos" que apostam em temas "adultos" para atraírem sua audiência, aparentemente adolescente, estão fazendo exatamente a mesma coisa que os jogos do passado sempre fizeram. Oferecendo uma experiência que seus jogadores não podem realizar no mundo real.
    avatar
    justiceiro
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1071
    Posts Posts : 1801

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por justiceiro em Sab 11 Abr 2015, 20:05

    Existe uma diferença entre maduro e adulto. Pornografia é adulto, mas nada maduro. Acho que foi isso que o jogador quer dizer.

    Enquanto que não acho que um jogos não precisa de uma boa história, que vá além do resgate a princesa, pra ser considerado bom, não vou dizer que repudio a presença da mesma. Joguei myst, um jogo bem velho, e ele é bom. Já zerei mais de uma vez, e tenho muito interesse na série, mas reconheço que só comecei a apreciar o jogo quando entendi inglês, e portanto, o jogo. A jogabilidade não é de outro mundo, mas a narrativa é muito interessante, e é isso que me prendeu nele.

    Eu sou muito recepitivo a ambas as experiências, ao considerar comprar um console, acredito que ele deve oferecer algo para ambos os gostos, não ter apenas um e quase nada do outro. Ninguém é obrigado a apoiar o que não gosta, ou aprecia, nem deve ser discriminado por isso.
    avatar
    Omnimon
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1869
    Posts Posts : 3094

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por Omnimon em Sab 11 Abr 2015, 21:40

    Não tem muito o que comentar, o próprio texto já afirma tudo possível sobre o assunto, nota 10 ao escritor.

    Duco
    Veterano Nv.33
    Veterano Nv.33

    Karma Karma : 845
    Posts Posts : 1210

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por Duco em Sab 11 Abr 2015, 22:18

    Jogos são e sempre foram uma válvula de escape, uma diversão, algo pra dar risada.

    Colocar as tias no carro no GTA nunca me deixaram envergonhado, pelo contrário, me fizeram rir e muito.

    Achei mimimi demais o texto.
    avatar
    Ulukai
    Special Blast
    Special Blast

    Karma Karma : 3288
    Posts Posts : 3096

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por Ulukai em Sab 11 Abr 2015, 22:40

    Também achei muito mimimi.

    Jogo adulto, infantil, hardcore, casual. São definições pessoais que cada um tem a sua e ninguém nunca vai chegar num consenso.

    Negócio é cada um jogar o que te satisfaz, respeitando o gosto dos outros e aprender que nenhum é melhor que o outro.
    avatar
    Chazzy
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1787
    Posts Posts : 7415

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por Chazzy em Sab 11 Abr 2015, 22:43

    Texto mimizento, tem jogos pra todos os gostos aí no mercado, nego chora demais.
    avatar
    Medieval123
    Veterano Nv.5
    Veterano Nv.5

    Karma Karma : 278
    Posts Posts : 521

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por Medieval123 em Dom 12 Abr 2015, 01:35

    Pra mim é Nintendo ou nada e o resto que se foda.
    avatar
    rodrigoborba13
    Membro Nv.28
    Membro Nv.28

    Karma Karma : 151
    Posts Posts : 300

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por rodrigoborba13 em Dom 12 Abr 2015, 09:08

    Não vejo o autor discriminando jogos "adultos", pelo que li, é como se ele dissesse "tudo bem gostar de jogos 'adultos', o que não pode é se achar superior por isso", e o que mais tem é pirralho anti-nintendo que se acha fodão porque joga cod...

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por dsjunior em Dom 12 Abr 2015, 15:11

    Concordo que é uma ilusão. Só não gosto de empresas que ficam muito no 8 ou 80. Sony e Microsoft bem que podiam produzir mais jogos cartunescos e a Nintendo mais jogos realísticos.

    Metroid, o grande "realista" da Nintendo, tem poucos jogos lançados.
    Uma franquia nova viria a calhar.
    avatar
    @bolacha1337
    Veterano Nv.23
    Veterano Nv.23

    Karma Karma : 211
    Posts Posts : 965

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por @bolacha1337 em Dom 12 Abr 2015, 17:19

    Caramba pegar GTA e definir ele como um role com as tias é tão preconceituoso quanto falar que Mario é só pra criança. Fora o fato de que eu vejo mais gente menosprezando os considerados "jogos adultos" do que o contrário, principalmente pq enquanto os players de COD são adolescente (que na real ninguém realmente leva a opinião a sério) os outros são em sua maioria (como o próprio texto aponta) mais adultos. 
    Afinal o que mais tem é nintendista generalizando os jogadores de outros consoles como adolescentes que só se importam com gráfico e sangue (exemplos no forúm não faltam) enquanto estes outros jogadores em sua maioria apenas ignoram a Nintendo (estou falando do grande público), temos haters nas outras? Mas é claro, mas eles são em menor concentração
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por Convidado em Dom 12 Abr 2015, 18:16

    As pessoas estão lendo o texto?

    Como o rodrigoborba13 já disse, ele não menospreza jogos adultos, mas o fato da pessoa se sentir "superior" por isso.

    No exemplo do GTA ele não menosprezou o jogo, mas citou uma situação que em momento algum é adulta e que muitos usam como justificativa para achar o jogo adulto, se discordam eu pergunto, GTA é adulto por possibilitar você pegar put4s e sair matando geral na rua? porque já vi muitas crianças jogando o jogo por isso, sendo que o jogo é mais do que isso (como vocês já mencionaram).

    Ele cita um outro bom exemplo que é fallout 3, onde o jogo possui um enredo bem elaborado, etc..

    Agora vamos citar Heavy Rain, ele é um jogo adulto por qual motivo? por ter uma cena da Madison fazendo strip ou pelo enredo bem elaborado?

    A única coisa que ele falou foi isso, não é uma cena de sexo ou sangue que define um jogo como adulto (em relação a temática e não classificação etária da esrb) mas a complexidade do mesmo.=D
    avatar
    vits
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 2542
    Posts Posts : 4922

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por vits em Dom 12 Abr 2015, 18:31

    Hunk escreveu:As pessoas estão lendo o texto?

    Como o rodrigoborba13 já disse, ele não menospreza jogos adultos, mas o fato da pessoa se sentir "superior" por isso.

    No exemplo do GTA ele não menosprezou o jogo, mas citou uma situação que em momento algum é adulta e que muitos usam como justificativa para achar o jogo adulto, se discordam eu pergunto, GTA é adulto por possibilitar você pegar put4s e sair matando geral na rua? porque já vi muitas crianças jogando o jogo por isso, sendo que o jogo é mais do que isso (como vocês já mencionaram).

    Ele cita um outro bom exemplo que é fallout 3, onde o jogo possui um enredo bem elaborado, etc..

    Agora vamos citar Heavy Rain, ele é um jogo adulto por qual motivo? por ter uma cena da Madison fazendo strip ou pelo enredo bem elaborado?

    A única coisa que ele falou foi isso, não é uma cena de sexo ou sangue que define um jogo como adulto (em relação a temática e não classificação etária da esrb) mas a complexidade do mesmo.=D

    Essa é a conclusão do texto dele e realmente é muito boa, o problema é que o restante do texto é pautado justamente naquilo que o autor reclama, ou seja, no preconceito de uma certa parcela do público em relação a um determinado seguimento dos jogos. Além disso, o autor diversas vezes generalizou um público e se baseou na sua própria percepção desse universo, para taxar as ações deste mesmo grupo.

    Se não fosse por isso, eu provavelmente teria gostado mais do texto e não apenas concordado com sua conclusão. Mas, obviamente cada um tem o direito de opinar e interpretar o texto da forma como achar mais correta.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por Convidado em Dom 12 Abr 2015, 19:23

    @vits escreveu:
    Hunk escreveu:As pessoas estão lendo o texto?

    Como o rodrigoborba13 já disse, ele não menospreza jogos adultos, mas o fato da pessoa se sentir "superior" por isso.

    No exemplo do GTA ele não menosprezou o jogo, mas citou uma situação que em momento algum é adulta e que muitos usam como justificativa para achar o jogo adulto, se discordam eu pergunto, GTA é adulto por possibilitar você pegar put4s e sair matando geral na rua? porque já vi muitas crianças jogando o jogo por isso, sendo que o jogo é mais do que isso (como vocês já mencionaram).

    Ele cita um outro bom exemplo que é fallout 3, onde o jogo possui um enredo bem elaborado, etc..

    Agora vamos citar Heavy Rain, ele é um jogo adulto por qual motivo? por ter uma cena da Madison fazendo strip ou pelo enredo bem elaborado?

    A única coisa que ele falou foi isso, não é uma cena de sexo ou sangue que define um jogo como adulto (em relação a temática e não classificação etária da esrb) mas a complexidade do mesmo.=D

    Essa é a conclusão do texto dele e realmente é muito boa, o problema é que o restante do texto é pautado justamente naquilo que o autor reclama, ou seja, no preconceito de uma certa parcela do público em relação a um determinado seguimento dos jogos. Além disso, o autor diversas vezes generalizou um público e se baseou na sua própria percepção desse universo, para taxar as ações deste mesmo grupo.

    Se não fosse por isso, eu provavelmente teria gostado mais do texto e não apenas concordado com sua conclusão. Mas, obviamente cada um tem o direito de opinar e interpretar o texto da forma como achar mais correta.

    Então, não achei o texto muito bom, mas, por não conhecer o site, encarei mais como o autor dando a opinião dele, e por conta disso acabei me focando mais no objetivo do texto do que na "qualidade" dele (digo qualidade no sentido de imparcialidade, seriedade nos argumentos e no estilo de escrita).

    Mas realmente, o texto em si não esta a nível de uma crítica profissional ou algo do tipo.=D
    avatar
    Visionnaire
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1278
    Posts Posts : 1842

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por Visionnaire em Dom 12 Abr 2015, 22:10

    Bom artigo! Gostei! Eu vejo as coisas de um modo muito parecido, um jogo ser taxado como adulto somente pela qualificação etária não faz dele algo propriamente adulto, não será uma cena de sexo que transformará a temática do jogo para adulto. Claro que a qualificação está ali para ajudar nas escolhas, mas é bom separar as coisas: ter acesso a conteúdo taxado como adulto não faz de você um adulto. Enfim, o importante é se divertir.

    Conteúdo patrocinado

    Re: [Artigo] A geração atual e a ilusão dos jogos adultos

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Seg 11 Dez 2017, 05:53