Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Compartilhe
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por Convidado em Sab 21 Jun 2014, 06:55

    fiz 90% do jogo, e mesmo assim com 18 corações, faltando 19 kinstones para fundir e todas as tecnicas do jogo eu não consigo derrotar o ultimo chefe e sim eu estou levando 4 fadas comigo, tem algo errado nessa histórinha no ocarina of time eu venci de primeira.

    Sobre oque vamos falar:




    (essa capa podia ser melhor ne nintendo?)


    A serie zelda é uma série de jogos que vem emocionando corações desdo do nintendinho e fazendo o mundo todo se divertir, agora vamos falar do unico titulo dessa série tão aclamado que foi feito para game boy advance: the legend of zelda: minish cap(tradução: A Lenda de Zelda: O Chapeu de Minish).

    Aprovado:


    Usufrui bem dos itens:




    (essa é uma mochila de quem ja completo 100% do jogo para ter ela você também tem que completar 100%)


    Minish Cap, é um zelda onde o jogador não só adquire o item, usa em tal dugeon e ele vira inútil, não é assim nesse zelda todos os itens são úteis ate o fim do jogo, assim garantindo que seu esforço para conseguir tal item seja recompensado.

    Kinstones:




    (essa foto amostra basicamente tudo sobre kinstones)


    Diferente dos outros zelda, nesse zelda tem uma inovação chamada kinstones, ela vai garantir que duplique ou ate triplique seu tempo de gameplay, com elas você pode fundi kinstones pieces com vários e vários seres do mundo de zelda, isso é desde animais ate minishs e humanos ou ate mesmo nuvens podem fundir kinstones com você, e essas kinstones te dão liberdade para fazer outras coisas assim liberando: heart pieces, upgrade de itens, dinheiro, conchas misteriosas e ETC.

    Sidequest:




    (uma foto da percy's house por dentro)


    Sidequests, é um dos pontos fortes do jogo, ele tem varias e são todas divertidas e com ótimas recompensas a que eu mais gosto sinceramente é da percy's house ela é rápida, fácil e engraçada.

    Um Ajudante não Tagarela:




    (esse é o nosso querido companheiro nessa aventura muito divertida)


    Diferente da Navi e da Fi, o nosso querido acompanhante dessa vez não é nada tagarela e só ira lhe dar unas dicas meio obvias se você pergunta a ele, fora que ele sempre responde com um piadinha legal para tirar a tensão da pessoa.

    Reprovado:


    Poucas Dungeons:




    (coloquei essa imagem para não dar muito spoiler)


    Minish cap só possue 8 dungeons que embora seja um bom numero, ainda sim poderia ter mais para que possamos aproveitar mais dessa obra de arte, embora isso realmente não seja um problema muito grande já que a falta de dungeon é compensado com as sidequests.

    Dificuldade Muito Alta:




    (olha que delicia essa imagem faz parecer que o jogo é facil)


    Como eu ja disse, eu ate agora não consegui derrotar o final boss desse jogo mais também não é para menos ele tem 3 formas e antes de enfrentar ele temos que ir contra uma manada de monstros que vai tirar uma alta quantia de hp teu e te fazer usar todas as suas bombas.

    Mapa Pequeno:



    (não se enganem com esse mapa ele ta incluindo as dugeons também)

    Olhando a foto o mapa parece gigantesco mais na verdade ele é muito pequeno da para circular ele todo em mais ou menos 10 minutos isso é muito pouco.

    Conclusão:


    O jogo é ótimo, um ponto positivo consegue apagar um ponto negativo facilmente.

    Nota: 9,5
    avatar
    crfleo
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 636
    Posts Posts : 1582

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por crfleo em Sab 21 Jun 2014, 10:12

    Análise bacana valcílio
    Esse é meu Zelda 2D favorito, chegando a bater o glorioso A Link to the Past o/

    A Sidequest de kinstones é simplesmente viciante, pra mim a melhor sidequest da série, ao invés de ficar procurando colecionáveis à toa criaram algo divertido de se coletar e que a cada fusão trás alguma surpresa.

    Já terminei o The Minish Cap com 99% e tive que parar ai, pois nunca consegui achar a última fusão de kinstone já que é aleatório, e por consequência fiquei sem o último heart piece Sad

    O Chefão Final (Vaati) é um pouco trabalhoso mesmo, na segunda forma (acho que a mais difícil) procure usar o arco e flecha pra atirar nos olhos que ficam rodeando ele, isso vai revelar quais olhos são falsos ou não, os que abrirem são os verdadeiros, ai você faz a forma correta com os 4 links e ataca eles.

    Os itens são realmente úteis durante a jornada inteira, uma pena que ninguém lembre disso quando se fala do the minish cap, mas que bom que você lembrou! Pra coletar as kinstones tem que usar praticamente todos. Ainda tem os itens opcionais como a bomba controlada e o escudo com espelho que você só pode pegar após zerar o jogo. Infelizmente ele é curto mesmo, uma pena mas as sidequests compensam isso pois fora da história principal tem bastante coisa a se fazer e se explorar.

    A única parte que discordo de sua análise é sobre a parte dele ser difícil, eu pelo menos acho  o The Minish Cap bem fácil em comparação com os outros Zeldas, acho que só perde pro Twilight Princess que considero o mais fácil de todos. Mas isto não tira o mérito dele.

    Depois jogue o A Link to the Past (caso ainda não tenha jogado), ai que você vai  ver o que é frustrante mesmo hehe, embora o ALTTP ainda não seja o mais difícil,  tem chefes bem chatos (tirando o Ganon que ainda acho mais fácil que o Vaati)
    avatar
    JonathanAlis
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1336
    Posts Posts : 2517

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por JonathanAlis em Sab 21 Jun 2014, 10:22

    Joguei ele no GBA, mas antes de eu terminar, meu irmão trocou o GBA com as fitas por um GC, heheh.

    Lembro que até então era meu zelda favorito(eu não tinha jogado nenhum 3D ainda).
    Lembro de gostar muito das mecanicas minish, do boomerangue e das kingstone, que até então eram os colecionáveis que eu mais gostava de colecionar na série.

    Já baixei no wii U, não deu pra jogar ainda, mas está na fila de jogos já!
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por Convidado em Sab 21 Jun 2014, 10:38

    @crfleo escreveu:Análise bacana valcílio
    Esse é meu Zelda 2D favorito, chegando a bater o glorioso A Link to the Past o/

    A Sidequest de kinstones é simplesmente viciante, pra mim a melhor sidequest da série, ao invés de ficar procurando colecionáveis à toa criaram algo divertido de se coletar e que a cada fusão trás alguma surpresa.

    Já terminei o The Minish Cap com 99% e tive que parar ai, pois nunca consegui achar a última fusão de kinstone já que é aleatório, e por consequência fiquei sem o último heart piece Sad

    O Chefão Final (Vaati) é um pouco trabalhoso mesmo, na segunda forma (acho que a mais difícil) procure usar o arco e flecha pra atirar nos olhos que ficam rodeando ele, isso vai revelar quais olhos são falsos ou não, os que abrirem são os verdadeiros, ai você faz a forma correta com os 4 links e ataca eles.

    Os itens são realmente úteis durante a jornada inteira, uma pena que ninguém lembre disso quando se fala do the minish cap, mas que bom que você lembrou! Pra coletar as kinstones tem que usar praticamente todos. Ainda tem os itens opcionais como a bomba controlada e o escudo com espelho que você só pode pegar após zerar o jogo. Infelizmente ele é curto mesmo, uma pena mas as sidequests compensam isso pois fora da história principal tem bastante coisa a se fazer e se explorar.

    A única parte que discordo de sua análise é sobre a parte dele ser difícil, eu pelo menos acho  o The Minish Cap bem fácil em comparação com os outros Zeldas, acho que só perde pro Twilight Princess que considero o mais fácil de todos. Mas isto não tira o mérito dele.

    Depois jogue o A Link to the Past (caso ainda não tenha jogado), ai que você vai  ver o que é frustrante mesmo hehe, embora o ALTTP ainda não seja o mais difícil,  tem chefes bem chatos (tirando o Ganon que ainda acho mais fácil que o Vaati)

    A sidequest de kinstones realmente é muito viciante, ela é a maior qualidade do jogo na minha opnião.

    A ultima fusão é aleatoria? aff por essa eu não esperava então por favor me deseje lucky!

    O problema não é nem a segunda forma é que na terceira eu tou sempre quase morrendo e já não tenho mais nenhuma fada ai eu sempre acabo me ferrando.

    A bomba controlada pode ser obtida antes de terminar o jogo só o escudo de espelho que só pode ser obtido depois do jogo.

    Pois é nessa parte vamos ter que discordar mesmo, pois eu ja joguei e finalizei o ocarina of time e achei muito mais facil que ele.

    ainda não joguei o ALTTP, mais já que veio de uma pessoa que gosta do minish cap tanto quanto eu acho que é bom, então la vou eu testar! depois derroto o fdp do vaati!
    avatar
    crfleo
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 636
    Posts Posts : 1582

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por crfleo em Sab 21 Jun 2014, 10:52

    @valcilio escreveu:

    A sidequest de kinstones realmente é muito viciante, ela é a maior qualidade do jogo na minha opnião.

    A ultima fusão é aleatoria? aff por essa eu não esperava então por favor me deseje lucky!

    O problema não é nem a segunda forma é que na terceira eu tou sempre quase morrendo e já não tenho mais nenhuma fada ai eu sempre acabo me ferrando.

    A bomba controlada pode ser obtida antes de terminar o jogo só o escudo de espelho que só pode ser obtido depois do jogo.

    Pois é nessa parte vamos ter que discordar mesmo, pois eu ja joguei e finalizei o ocarina of time e achei muito mais facil que ele.

    ainda não joguei o ALTTP, mais já que veio de uma pessoa que gosta do minish cap tanto quanto eu acho que é bom, então la vou eu testar! depois derroto o fdp do vaati!

    Apenas algumas fusões são aleatórias, não só a última, eu rodei o mapa todo atrás do personagem que poderia ter a última fusão mas acabei não encontrando

    Na terceira forma, se você já pegou o ataque giratório fica mais fácil, quando for enfrentar aquele monte de bicho só segurar a espada e soltar colocando o Link pra frente que ele ataca girando

    A nova bomba você pode pegar antes de zerar, você pega ela em Minish Woods, perto do local onde o Link acha o Ezlo, você fica pequeno e entra na vila minish, vai naquela casa amarela  lá no final da vila e funde a kinstone com o minish velho que tem lá, ai o outro minish que fica ali perto começará a vender as remote bombs

    edit: aqui uma imagem pra ficar mais fácil de localizar o minish que você deve fundir a kinstone:

    avatar
    Convidado
    Convidado

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por Convidado em Sab 21 Jun 2014, 12:47

    @crfleo escreveu:
    @valcilio escreveu:

    A sidequest de kinstones realmente é muito viciante, ela é a maior qualidade do jogo na minha opnião.

    A ultima fusão é aleatoria? aff por essa eu não esperava então por favor me deseje lucky!

    O problema não é nem a segunda forma é que na terceira eu tou sempre quase morrendo e já não tenho mais nenhuma fada ai eu sempre acabo me ferrando.

    A bomba controlada pode ser obtida antes de terminar o jogo só o escudo de espelho que só pode ser obtido depois do jogo.

    Pois é nessa parte vamos ter que discordar mesmo, pois eu ja joguei e finalizei o ocarina of time e achei muito mais facil que ele.

    ainda não joguei o ALTTP, mais já que veio de uma pessoa que gosta do minish cap tanto quanto eu acho que é bom, então la vou eu testar! depois derroto o fdp do vaati!

    Apenas algumas fusões são aleatórias, não só a última, eu rodei o mapa todo atrás do personagem que poderia ter a última fusão mas acabei não encontrando

    Na terceira forma, se você já pegou o ataque giratório fica mais fácil, quando for enfrentar aquele monte de bicho só segurar a espada e soltar colocando o Link pra frente que ele ataca girando

    A nova bomba você pode pegar antes de zerar, você pega ela em Minish Woods, perto do local onde o Link acha o Ezlo, você fica pequeno e entra na vila minish, vai naquela casa amarela  lá no final da vila e funde a kinstone com o minish velho que tem lá, ai o outro minish que fica ali perto começará a vender as remote bombs

    edit: aqui uma imagem pra ficar mais fácil de localizar o minish que você deve fundir a kinstone:


    quando eu perguntei sobre a bomba controlada? já peguei ela e o boomerangue do amor a muito tempo.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por Convidado em Dom 22 Jun 2014, 10:02

    Não fiz uma análise para ninguém ler!
    UP UP UP UP UUUUUUUUPPPPPPPPPPPPPP
    avatar
    V_Myamoto
    Veterano Nv.35
    Veterano Nv.35

    Karma Karma : 306
    Posts Posts : 1369

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por V_Myamoto em Dom 22 Jun 2014, 10:15

    Já zerei esse jogo somente com os 3 corações do inicio do jogo. e em meu GBA, nada de save state, então posso dizer que ele não é difícil. Very Happy
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por Convidado em Dom 22 Jun 2014, 10:19

    @V_Myamoto escreveu:Já zerei esse jogo somente com os 3 corações do inicio do jogo. e em meu GBA, nada de save state, então posso dizer que ele não é difícil. Very Happy

    Mentir é feio.
    avatar
    V_Myamoto
    Veterano Nv.35
    Veterano Nv.35

    Karma Karma : 306
    Posts Posts : 1369

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por V_Myamoto em Dom 22 Jun 2014, 13:07

    @valcilio escreveu:
    @V_Myamoto escreveu:Já zerei esse jogo somente com os 3 corações do inicio do jogo. e em meu GBA, nada de save state, então posso dizer que ele não é difícil. Very Happy

    Mentir é feio.
    Jogo mais e compro menos. Quando compro um jogo faço de tudo pra concluir de todos os jeitos. Vá lá em meu mii verse, tenho postagens de Metroid 100% em 1:20 minutos. Mario World 96 saidas e menos de 5 horas. Zelda WW com todos os quests completados e fotos também. Não tenho o porque vir mentir, joguei, pensei se seria possível e fiz. Agora não vou jogar de novo só pra tirar o print e te mostrar.  8)

    Só porque não consegue não significa que outros também não consiga.
    avatar
    Linkdb
    Veterano Nv.2
    Veterano Nv.2

    Karma Karma : 151
    Posts Posts : 449

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por Linkdb em Dom 22 Jun 2014, 13:58

    Vejamos, discordo em alguns pontos negativos. 

    - Dificuldade muito alta

    Isso não chega ser ponto negativo, sério. Aliás Minish Cap tem uma dificuldade bem balanceada que tende a ser mais fácil. Aliás tu tá falando que o jogo só é difícil por causa do último boss? Só uma dica, aquelas bombas que tu escolhe a hora de explodir são muito úteis contra os Dark Knights.

    - Poucas dungeons

    Aliás posso estar ficando louco, mas não são apenas 5 dungeons? Só se tu tiver contando mini-dungeons. 
    Mas enfim, mesmo sendo um número baixo comparado aos outros jogos da série (tirando Majora's Mask que só te 4 dungeons) isto não muda o fato delas serem muito bem trabalhadas e com mecânicas interessantes. E como tu mesmo disse, o jogo ainda tem várias coisas para se fazer além de ir nos templos. \o/



    Mas tirando isso eu acho a nota bem justa.
    avatar
    Viewtiful Joe
    Membro Nv.4
    Membro Nv.4

    Karma Karma : 12
    Posts Posts : 67

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por Viewtiful Joe em Dom 22 Jun 2014, 14:44

    Eu achei esse jogo muito bom até onde joguei, mas fui daqueles que fiquei perdido e não sei porque acabei dropando!!! Não li a análise toda (para não ter spoilers!!! Very Happy) mas estava muito boa!!!!!
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por Convidado em Dom 22 Jun 2014, 15:18

    @Linkdb escreveu:Vejamos, discordo em alguns pontos negativos. 

    - Poucas dungeons

    Aliás posso estar ficando louco, mas não são apenas 5 dungeons? Só se tu tiver contando mini-dungeons. 
    Mas enfim, mesmo sendo um número baixo comparado aos outros jogos da série (tirando Majora's Mask que só te 4 dungeons) isto não muda o fato delas serem muito bem trabalhadas e com mecânicas interessantes. E como tu mesmo disse, o jogo ainda tem várias coisas para se fazer além de ir nos templos. \o/



    Mas tirando isso eu acho a nota bem justa.

    - poucas dungeons

    Eu julguei a quantidade não citei a qualidade, então pelo seu comentario parece mais que você concorda do que discorda.
    avatar
    Linkdb
    Veterano Nv.2
    Veterano Nv.2

    Karma Karma : 151
    Posts Posts : 449

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por Linkdb em Dom 22 Jun 2014, 15:23

    Tudo bem, vamos analisar a quantidade e não a qualidade. Afinal esse deve ser o modo mais correto.  8) 

    acho que nem preciso dizer que é sarcasmo

    Mas falando sério, número não chega ser qualidade. Majora's Mask tem apenas 4 dungeons e todas elas são sensacionais e muito criativas (não que as de Ocarina of Time por exemplo não sejam). Mas a análise é sua, mesmo que eu discorde que tu leve em consideração números e não a qualidade.
    avatar
    Wolflink
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 2220
    Posts Posts : 3585

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por Wolflink em Seg 23 Jun 2014, 23:22

    Minish Cap é muito foda : D

    Zerei ele umas 3 vezes já.

    V_Myamoto


    Rapaz, por falar em proezas.
    Eu quando tinha 10 anos zerei ocarina of time , isso em 2002, atravessando o deserto de gerudo sem lens of truth e matei até o bongo bongo sem ela. ( Meu ingles era de mosquito )
    Sem contar que peguei todos os heart pieces, e zerei o jogo né. 

    Outra em Zelda eu nunca usei detonado ( Majora's Mask me obrigou, apenas para pegar duas mascaras na qual sem elas sem Fiercy Deity's) , e evito o máximo de ficar vendo esses videos que mostram áreas do jogo e coisas do tipo.
    Só falta dois Zeldas para eu zerar ( Skyward Sword e Oracles ages ).


    Admiro pessoas como você, que procuram varias maneiras de zerar um jogo, acho muito lokoo HUEHEUHEUH

    Conteúdo patrocinado

    Re: Análise: The legend of Zelda: Minish cap.

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab 16 Dez 2017, 12:58