Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    [Arte Gamer] Jogos Indies e a pessoalidade dentro da indústria de video-games

    Compartilhe
    avatar
    Ismatash
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1033
    Posts Posts : 1609

    [Arte Gamer] Jogos Indies e a pessoalidade dentro da indústria de video-games

    Mensagem por Ismatash em Qui 12 Dez 2013, 14:28

    Atualmente, produzir jogos é uma outra história. Com tantas ferramentas gratuitas disponibilizadas pela internet, e com a facilidade de se publicar jogos em plataformas mobiles sem gastar praticamente nada, muitas pessoas tornam-se capazes de criar seus próprios games. E sem dúvida isso é uma grande evolução para esta indústria, que passa a receber jogos com propostas nunca antes vistas e principalmente com a pessoalidade e cuidados que só é possível quando há uma pequena quantidade de pessoas envolvidas na produção, as quais não dependem fundamentalmente do lucro que será obtido pela venda do produto.

    Diferente das desenvolvedoras independentes, quando grandes empresas desenvolvem jogos, o foco principal é fazer do produto um sucesso de vendas, gerar a maior quantidade de lucro possível, e para que isso aconteça é necessário atingir a massa de jogadores, dar ao jogo um tema que agrade uma maior quantidade de consumidores. E graças a isso, o jogo muitas vezes é fundamento simplesmente em estratégias de marketing. São sem dúvidas jogos de alta qualidade, porém elaborados não pela mão de um artista, mas sim por uma enorme equipe de desenvolvimento, fazendo com que o produto final seja privado de pessoalidade. Não há valores, pensamentos ou opiniões, o que temos é somente um objeto de entretenimento, nada que nos faça crescer intelectualmente.

    (Ouya, console de mesa feito com o objetivo de rodar jogos para Android)

    Quantas músicas, filmes e livros não são feitos com o objetivo de transmitir um pensamento ou uma história que traz algum tipo de reflexão? Os games sem dúvida não devem ser privados disto, e é justamente por isso que a introdução de plataformas mobiles e softwares de produção a baixo custo são importantes para o crescimento da industria. Por serem produzidos por poucas pessoas, os jogos indies possuem uma maior capacidade de abrigar reflexões de seus produtores. E além disso, se mais pessoas tem acesso a produção de jogos, uma variedade maior de opiniões, de cultura em geral será introduzida nesta industria.


    (Journey, uma verdadeira obra de arte)
    Os jogos de vídeo-game que no começo não passavam de uma produção capitalista com o objetivo de aumentar a venda de aparelhos televisores torna-se aos poucos um verdadeiro meio literário, capaz de refletir opiniões, idéias, e formas de se entender a realidade ou de imaginar o surreal. Manifestar emoções e percepções, com o objetivo de organizar essas instância da consciência  em um jogo que possa ser compreendido, vivenciado e sentido por todos aqueles que interpretem-no, fazendo dos jogos de vídeo-game um verdeiro meio artístico.

      Data/hora atual: Sex 18 Ago 2017, 13:36