Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    [Análise] Top Gear

    Compartilhe
    avatar
    Convidado
    Convidado

    [Análise] Top Gear

    Mensagem por Convidado em Ter 23 Jul 2013, 12:24



    TOP GEAR

    Desenvolvedora:  Gremlin Graphics
    Distribuição: Kemco
    Ano de Lançamento: 1992
    Gênero: Corrida
    Plataforma: Super Nintendo

    Top Gear é um jogo de corrida lançado em 1992 para Super Nintendo, desenvolvido pela  Gremlin Graphics e distribuído pela Kemco. É considerado sucessor espiritual do jogo Rad Racer (jogo de Nitendinho). Foi lançado no inicio da vida do Super Nintendo, sendo um dos primeiros jogos no estilo de corrida disponíveis para o sistema.



    Clássica Tela de Título do Jogo

    Inicialmente Top Gear iria sair para o NES, o console de 8 bits da Nintendo. Contudo, a pedido da própria Nintendo, a empresa japonesa Kemco lançou para o recém-nascido Super Nintendo/Super Famicom em 27 de março de 1992.

    O objetivo de Top Gear é bem simples: torna-se o piloto mais rápido da terra, correndo em várias pistas em diversos locais do mundo (inclusive o Brasil, diga-se de passagem). Apesar do objetivo simples e não-justificável por qualquer história, Top Gear é considerado um clássico, atraindo não por sua história, mas sim pela diversão que proporciona ao se jogar.

    Basicamente o jogo não traz nenhuma inovação em particular. Praticamente os pilares para jogos do gênero já haviam sido colocados por seus antecessores (Out Run, F-Zero e entre outros). Na verdade o jogo não é nada inovador, mas aglomera um conjunto agradável de características em apenas um cartucho, o que certamente chamou a atenção de muitos jogadores. Diferentemente do padrão da época, onde os jogos eram primeiramente lançados para Fliperama, Top Gear nasceu e tomou fama no Super Nintendo, constituindo uma das maiores franquia de corrida do início da década de 90, algo que só seria desfeito com a chegada de Need for Speed.


    Capa da Versão de Top Gear. O Carro é bem bonito, mas não está no jogo....



    Disputa do Branquinho com o Vermelhinho.

    Certamente um dos charmes de Top Gear é seu modo de disputa de dois jogadores. Aqui o objetivo continua sendo o mesmo - torna-se o piloto mais veloz do mundo, contudo, você terá além do computador como adversário, o seu companheiro de jogatina.

    Os comandos são bem simples - existe um botão de aceleração, um de breque e um onde é possível utilizar o nitro, que é limitado a três unidades por corrida, não podendo ser recuperado. Os direcionais controlam o carro da pista e os botões de ombro são os engates de marcha (quando se utiliza câmbio manual). Respondem bem e de forma rápida e satisfatória, contudo quando se utiliza o câmbio automático, a resposta do carro não é a melhor possível. Assim sendo, caso deseje uma melhor resposta de aceleração, deve-se utilizar o câmbio manual.


    Vai! Mais cuidado com as placas antes...

    Certamente um dos pontos fracos de Top-Gear é sua tela dividida, mesmo quando não se joga em dois jogadores. Além de diminuir o espaço útil do jogo (visto que raramente você necessitará visualizar a tela do oponente controlado pelo computador), quebra um pouco a velocidade em que o jogo corre, efeito visivelmente notável quando o oponente entra em um pit-stop e o jogo corre de forma mais fluida.



    Vamos ligar o farol, só que na luz baixa...

    O aspecto de tridimensionalidade é feito utilizando-se o Mode 7, efeito abusado em outro jogo do gênero, o F-Zero. Os gráficos são limpos e bem coloridos e os sprites são bem grandes, o que facilita a visualização na tela. Os adversários (excluindo-se o computador ou o segundo player) nada mais são do que versões do mesmo carro porém com cores diferentes, o que tira um pouco da diversidade do jogo. Em alguns momentos da corrida muda-se de dia para noite durante a corrida, efeito impressionante para época. Apesar do conjunto bom de características, isso não se estende aos backgrounds do jogo. Embora que em alguns momentos eles sejam bem bonitos e detalhados em outros eles são mal feitos e simples.

    Top Gear consiste de corridas em oito localidades (Estados Unidos, Américas, Japão, Alemanha, Escandinávia, França, Itália e Reino Unido), cada localidade com quatro pistas. Existem três níveis de dificuldade, que aumentam apenas o nível de inteligência artificial dos adversários. Apesar da jogabilidade simples e precisa, o jogo aumenta o nível de dificuldade no decorrer das partidas, com pistas com curvas acentuadas e com obstáculos. Além disso, deve-se bolar um conjunto de estratégias para a utilização de boxes de reabastecimento de gasolina, um dos fatores mais lembrados pelos jogadores até hoje.


    Não importa a disputa, o Ritche sempre vai vencer

    Existem Quatro Carros a escolha do jogador. São eles:

    - Cannibal (Vermelho): É o carro mais rápido do jogo. Possui Baixa aderência dos pneus e Alto consumo de combustível. É inspirado no Ferrari Testarossa.


    - Sidewinder (Branco): É o carro mais lento do jogo. Contudo possui Forte aderência dos pneus e Baixíssimo consumo de combustível. É inspirado no Ferrari 288 GTO. É considerado por muitos o melhor carro do jogo.


    - Razor (Roxo ou púrpura): É um carro com velocidade moderada, Baixa aderência baixa dos pneus e Moderado consumo de combustível. É inspirado no Honda NSX.


    - Weasel (Verde-azulado): É um carro com velocidade moderada, Moderada aderência dos pneus e Moderado consumo de combustível. É inspirado no Porsche modelo 959.


    A trilha sonora de Top Gear é simplesmente sensacional. As músicas de fundo, embora em pequena quantidade, são simplesmente fantásticas e englobam bem o ambiente do jogo. São consideradas clássicas, ganhando inúmeros remix, principalmente de brasileiros. Explora todo o potencial do console de 16-bits da Nintendo, conhecido pelas suas ótimas músicas. Os efeitos sonoros são mais simples, contudo mesmo assim agradam.


    Apenas Escutem...



    Você falhou... Vish!

    Top Gear nada mais é do que um jogo comum do gênero de Corridas: procure ficar em primeiro lugar, utilize o nitro de forma correta e tome cuidado com o combustível do jogo. Mesmo assim, é extremamente divertido, justamente por que não tenta forçar uma inovação, mas sim, juntar vários conceitos que já deram certo em jogos anteriores. O modo multiplayer é bem divertido, embora o single-player seja tão divertido quanto. O fator de replay do jogo é bem moderado, visto que pode-se jogar de dois jogadores e a cada nova jogatina, passa-se por uma experiência diferente.

    Mas vamos ao ponto: o jogo é realmente bom? Sim! Considero como um clássico indispensável na geração de 16 bits. Mesmo não tendo feito sucesso no exterior, é considerado um clássico absoluto dos games aqui no Brasil. Possui gráficos razoáveis, uma ótima trilha sonora, uma boa jogabilidade e propicia grandes momentos de diversão. Então o que está fazendo? Pegue seu controle e voe baixo nas pistas pelo mundo a fora.

    Nota Final: 8,5
    avatar
    Qdiz
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1069
    Posts Posts : 3589

    Re: [Análise] Top Gear

    Mensagem por Qdiz em Ter 23 Jul 2013, 12:28

    Jogo muito bom, preciso visitar o meu primo pra pegar a fita dele emprestada pra sempre Twisted Evil
    avatar
    Gheartz
    Membro Nv.14
    Membro Nv.14

    Karma Karma : 14
    Posts Posts : 167

    Re: [Análise] Top Gear

    Mensagem por Gheartz em Sex 26 Jul 2013, 20:33

    Top Gear so se destacou dos demais jogos de corrida por ser simples e divertido.Não tinha nada de inovador,é um jogo de corrida normal,mas por causa da simplicidade e da bela trilha sonora se tornou classico.
    avatar
    J.Biermann
    Veterano Nv.27
    Veterano Nv.27

    Karma Karma : 559
    Posts Posts : 1060

    Re: [Análise] Top Gear

    Mensagem por J.Biermann em Sab 27 Jul 2013, 13:48

    Só a trilha sonora já vale o jogo, joguei muito isso dai.:v

    Conteúdo patrocinado

    Re: [Análise] Top Gear

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qua 23 Ago 2017, 16:47