Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Compartilhe
    avatar
    Convidad
    Convidado

    [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por Convidad em Dom 19 Maio 2013, 23:50

    *Vou postar o texto já que não foi usado, Toon : X*

    ''Gráficos não importam, mas sim a diversão.''

    Acho que todos já ouviram ou leram essa frase por ai, principalmente nós que frequentamos o Nintendo Blast. Onde a fanbase da Nintendo se une, é comum dar de cara com esse comentário que é feito , em maioria, quando se compara um console da empresa com o de suas rivais Sony e Microsoft.

    Porém, faço uma pergunta a todos aqui: Gráfico é uma coisa tão superficial? Algo que nunca teve importância para jogos? Well, actually não. Gráficos são algo muito importante na criação dos jogos e explicarei o por que deste ponto de vista:

    Gráfico é Marketing(e propaganda):


    Comercial de Donkey Kong Country:
    Spoiler:
    Spoiler:


    Comerciais Americano e Europeu(Starwing) de Star Fox:
    Spoiler:




    Comercial de Super Mario World 2:Yoshi's Land:
    Spoiler:


    Comercial do Sega Mega Drive/Sega Genesis:
    Spoiler:




    Comercial do Atari Jaguar:
    Spoiler:




    Como vocês podem observar, as palavras ''gráficos'' e ''bits'' aparecem(ou é feito uma alusão a elas)pelo menos uma vez em todos esses videos.

    Nos anos 80 aos 90, havia uma corrida ''grafista'' entre as empresas do ramo dos videogames. Cada uma investia altas quantias de dinheiro para apresentar um console mais potente neste quesito do que seus adversários com o intuito de atrair e convencer futuros clientes que sua máquina era o que havia de melhor em tecnologia.

    Uma das filosofias que define essa época é:
    gráficos=bits
    bits=poder
    mais bits=mais poder
    mais poder=videogame superior

    Através de comerciais e ''alfinetadas'' nas concorrentes, essas companhias conseguiram criar fanbases que praticamente serviram como ''garotos-propaganda'' de seus produtos. Um exemplo do efeito estrondoso e sucessivo desse ''advertising'' todo é a discussão entre os títulos e hardware de SNES e Mega Drive que continua viva até hoje e costuma ser bastante acalorada entre seus fans. É incrível como os admiradores desses videogames conseguem, sem perceber, ''vender'' a imagem deles citando os pontos fortes de cada um para que as pessoas cheguem a conclusão de qual é melhor.

    Voltando para o cenário gamistico de nossa atualidade, também podemos observar este hábito: Comparações entre consoles Nintendo/Sony/Microsoft em fóruns especializados e conversas entre amigos não param e até geram brigas. O Marketing ''despercebido'' continua rolando ''sem- freio'' beneficiando muito as empresas tanto na parte ''publicitária'' quanto na parte das vendas.

    O Gráfico ajuda na definição, no estilo de um game e estimula nossa visão, pensamento e imaginação:


    Vou fazer uma pegunta a vocês: O que seria dos jogos abaixo se tivessem o estilo gráfico mais comum de seu tempo? Será que eles teriam o mesmo impacto que tiveram na época de seus anúncios? Será que chamariam a atenção pelos mesmos motivos? Será que receberiam olhares curiosos?
    Spoiler:

    Donkey Kong Country:

    Kirby's Epic Yarn:

    Mutant Mudds:

    Rez:

    Okami:

    Muramasa-The Demon Blade:




    Cada uma dessas screenshots mostra um estilo diferente de gráficos: 3D, ''Costura e Bordado''(vamos batiza-lo assim, eu realmente não sei como defini-lo...), ''Retro''/16-bits, Frame, Sumi-e e Hand-drawn. Olhando para elas, cada uma me passa um ''feeling'' diferente: em Muramasa, por exemplo, sinto estar jogando em um livro ilustrado ''vivo'' e animado. Com Mutant Mudds parece que estou vendo um dos games que jogava em meu SNES quando era criança.

    Como podem observar, cada um mexeu com a minha percepção de forma variada e mudou meu conceito sobre o ''mundo'', o ''enredo'' e a ''ideia'' que esses jogos querem passar. Uma das coisas que mais me atraíram neles é o gráfico peculiar de cada um. Se todos fossem jogos super realistas, minha vista(talvez)iria se cansar um pouco mais rápido por ver várias imagens semelhantes.

    Se eu pegar um game como DKC para responder a pergunta mais acima, ponho a mão no fogo para dizer: Não, na minha opinião não faria tanto sucesso assim. E sabe por que? por mais que eu curta MUITO a série, consigo perceber uma coisa: Debaixo de gráficos bonitos e Soundtrack perfeita há um gameplay simples, nem tão diferente de outros plataformers do SNES. Also, DKC também toda essa fama por possuir uma inovação: é um dos primeiros games renderizados em 3D em um console.

    Se o visual(e música)fosse igual a SMW, acho que eu enrolaria um pouco para joga-lo, pois daria mais atenção a algo mais diferente, maybe...

    Btw, quero deixar claro que a reação muda de gamer para gamer. Como a personalidade e o cérebro de todo o ser humano é diferente, uma coisa que não me agrada pode agradar outra pessoa.

    Resumindo: Gráfico não é o principal, mas É importante assim como o Gameplay e o Som. Os três bem feitos e em harmonia podem render um game que pode se suceder na tarefa de entreter e estimular(tanto na parte das vendas quanto nos sentidos)a pessoa que está jogando-os.

    Also, se a empresas não tivessem conhecimento dessa importância(+ um grande senso de competição), estaríamos com games estilo Atari e NES(ou até Pong lol)ainda.
    ---------
    TL;DR=Gráficos+Som+Jogabilidade=Diversão
    avatar
    VirtualBoy
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1293
    Posts Posts : 4581

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por VirtualBoy em Dom 19 Maio 2013, 23:57

    Acho que sem gráficos hoje em dia,um jogo não fará sucesso.Mas em jogos da Sony e Microsoft que tem gráficos bons,são para competir um contra outro.
    avatar
    Ed Kira
    Veterano Nv.29
    Veterano Nv.29

    Karma Karma : 472
    Posts Posts : 1123

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por Ed Kira em Seg 20 Maio 2013, 00:05

    Claro que qualidade gráfica importa. O que é bobagem é depreciar um jogo porque ele não tem quantidade X de partículas ou algo do tipo. Se apegar a detalhes exclusivamente técnicos, em relação ao potencial gráfico, é algo bem bobo.
    avatar
    VirtualBoy
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1293
    Posts Posts : 4581

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por VirtualBoy em Seg 20 Maio 2013, 00:06

    @Ed Kira escreveu:Claro que qualidade gráfica importa. O que é bobagem é depreciar um jogo porque ele não tem quantidade X de partículas ou algo do tipo. Se apegar a detalhes exclusivamente técnicos, em relação ao potencial gráfico, é algo bem bobo.

    Não é por nada não,mas seu nome me lembra a pronúncia de "adquira"
    avatar
    Convidad
    Convidado

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por Convidad em Seg 20 Maio 2013, 00:12

    Verdade Mazza, concordo que os gráficos são importantes. O problema é que muitas pessoas só analisam os gráficos. Para Muitos a jogabilidade do jogo pode estar horrível, mas tendo bons gráficos está tudo bem.

    As gerações dos consoles sempre tiveram uma concorrência gráfica pesada. Basta lembrar o hypie que tivemos em cima do PS1 por este apresentar gráficos tridimensionais, algo que só tínhamos em fliperamas.

    Por fim, na minha opnião, gráficos bons não são aqueles de última geração, mas sim que criam um ambiente legal para o jogo, como por exemplo Journey do PS3. Estam longe de serem os melhores gráficos do Console, mas criam um ambiente muito legal. Outro exemplo, agora das antigas é Super Metroid, que apresentam Gráficos bem simples, mas que encaixam bem com o jogo.
    avatar
    Gabriek
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 664
    Posts Posts : 2968

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por Gabriek em Seg 20 Maio 2013, 00:13

    Nem li, mas já karmei por ser seu.
    Vou ler tudinho bonitinho e já já comento efetivamente.

    Obs: Gráficos não importam tanto assim porque alguns dos melhores jogos que joguei são em flash. Jogos como esse.

    Spoiler:
    Se comentei caquinha, ignorem.


    Última edição por Gabriek em Seg 20 Maio 2013, 00:14, editado 1 vez(es)
    avatar
    Alejandro_
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1404
    Posts Posts : 3901

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por Alejandro_ em Seg 20 Maio 2013, 00:14

    claro que e importante os graficos
    mas DEPENDE
    se lervamos este topico ao 'pé da letra' niguem mais joga cave story Laughing
    mas tipo wii u comparado ao grill4 e caixa finita
    ja esta otimo
    ou seja acho que ja descobrimos 80% dos graficos
    então acho que o quesito gráfico
    não está sendo um assunto 'escandalozo' como antes
    agora Qualidade e Diversão Rolling Eyes Rolling Eyes
    avatar
    Weber
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 526
    Posts Posts : 3817

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por Weber em Seg 20 Maio 2013, 00:15

    É bem como o user citou, gráficos são e sempre serão importantes sim, mas o chato é ignorarmos certos jogos por simplesmente não possuírem a quantidade "x" de bits.

    Enfim, concordo com a proposta do tópico.
    Senhorita Mazza como sempre, fazendo bons posts. Wink
    avatar
    VirtualBoy
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1293
    Posts Posts : 4581

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por VirtualBoy em Seg 20 Maio 2013, 00:17

    Mas o problema de um console não ter gráficos poderosos é que não existirão muitas desenvolvedoras interessadas no console.Apenas a Firsty Party.
    avatar
    Convidad
    Convidado

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por Convidad em Seg 20 Maio 2013, 00:19

    Antes eu falava isso mas eu parei pra pensar que não é bem assim. Mas um dos fatores principais da escolha de um jogo pra min é jogabilidade/história e gráficos.
    avatar
    Hamburger
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1234
    Posts Posts : 4601

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por Hamburger em Seg 20 Maio 2013, 00:22

    Eu tenho que afirmar que há jogos que dependem ou não de gráficos. Isso depende do gênero, sinceramente. Jogos de corrida e luta, por exemplo, precisam de gráficos bons para vender bem e potência para renderizar e executar tudo com fluência (gostaria de citar Need for Speed Undercover, no Wii, console que não tinha potência suficiente para renderizar gráficos tão rapidamente e o carro acabava caindo no meio do nada e travando o jogo quando andava rápido demais). Já alguns jogos, como side-scrollers e shooters em 2D, não precisam ou até dispensam gráficos 3D. Percebe-se que Sonic 3, Super Mario World, Zelda Wind Waker e BIT.TRIP Runner são muito mais chamativos (e alguns até têm uma jogabilidade mais sólida) que Sonic 4, New Super Mario Bros, Zelda Wind Waker HD e Runner 2, respectivamente.

    Outra afirmação correta são os dizeres "o que importa não são gráficos fodelentos, mas sim o estilo gráfico coerente para cada jogo". Okami, por exemplo, como até foi citado no texto, tem um estilo gráfico que deixou o jogo muito mais único do que uma versão do mesmo com gráficos à la Uncharted.

    Resumindo: uma empresa, para fazer um bom jogo, deve colocar foco nos gráficos apenas quando necessário, mas sem deixar de lado e fazer algo mal-feito. E sempre deve escolher um estilo gráfico (realista, cartunesco, artístico, clássico) que caiba no padrão do jogo.
    avatar
    Alejandro_
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1404
    Posts Posts : 3901

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por Alejandro_ em Seg 20 Maio 2013, 00:22

    @VirtualBoy escreveu: Mas o problema de um console não ter gráficos poderosos é que não existirão muitas desenvolvedoras interessadas no console.Apenas a Firsty Party.
    PQ empresas pensam assim
    como pensam
    Graficos diferente de diversão mais igual a dinheiro
    como deveriam
    Diversao mais qualidade igual a consumidor feliz
    avatar
    VirtualBoy
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 1293
    Posts Posts : 4581

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por VirtualBoy em Seg 20 Maio 2013, 00:24

    Alejandro U escreveu:
    @VirtualBoy escreveu: Mas o problema de um console não ter gráficos poderosos é que não existirão muitas desenvolvedoras interessadas no console.Apenas a Firsty Party.
    PQ empresas pensam assim
    como pensam
    Graficos diferente de diversão mais igual a dinheiro
    como deveriam
    Diversao mais qualidade igual a consumidor feliz

    Exatamente.

    Não quero bancar o professor,mas coloque ponto,vírgula,dois pontos e etc.. nos seus posts para melhor entendimento.
    avatar
    Samato
    Veterano Nv.12
    Veterano Nv.12

    Karma Karma : 216
    Posts Posts : 694

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por Samato em Seg 20 Maio 2013, 00:30

    Gráficos são importantes, e muito.

    O problema é: o que cada jogador considera um "gráfico bom".

    Por exemplo, um jogador que se considere "hardcore", acha que gráficos bons são aqueles gráficos cinematográficos, super realistas.
    Outros acham que gráficos super realistas é tremenda perda de tempo, e prefere gráficos mais simples...

    Enfim, cada um puxa a sardinha para o estilo gráfico que o jogo que a pessoa curte tem.

    Para mim, gráfico tem que combinar com o ambiente do jogo.
    Não adianta, por exemplo, um jogo do Mario ter gráficos super realistas, com o bigodudo tendo proporções de uma pessoa real, pulando em cima de tartarugas "de verdade". A execução do produto ia ser horrorosa, no máximo, cômica. O mesmo vale para o inverso.
    Claro que essa regra tem exceções.
    avatar
    Gabriek
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 664
    Posts Posts : 2968

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por Gabriek em Seg 20 Maio 2013, 00:31

    Então, ainda acredito que os gráficos não são tão importantes quando se tem uma estória magnífica (ou pelo menos de boa para cima).

    Um exemplo: 9 Hours, 9 Persons, 9 Doors. Ok, o jogo é bem bonito (os sprites até se mexem) e tudo mais, mas o que me chamou a atenção foi a quantidade absurda de rotas na trama.
    Ao meu ver, isso vem em primeiro lugar.

    Conteúdo patrocinado

    Re: [TL;DR da Mazza]''Gráficos não importam, mas sim a diversão''-devemos rever essa frase?

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Ter 22 Ago 2017, 17:53