Arquivo do Fórum Nintendo Blast

Olá visitante/usuário! Nós estamos em processo de migração e deixaremos este Fórum em breve.

A migração é para termos mais liberdade e para podermos ter um Fórum melhor! Se você ainda não é cadastrado neste Fórum e nem no novo, clique aqui e cadastre-se já no Novo Fórum!

Se você já possui uma conta aqui, clique aqui e saiba como migrar para o Novo Fórum Nintendo Blast!
Arquivo do Fórum Nintendo Blast

    Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Compartilhe

    Votação

    E aí, o que você acha?

    [ 7 ]
    14% [14%] 
    [ 9 ]
    18% [18%] 
    [ 5 ]
    10% [10%] 
    [ 16 ]
    33% [33%] 
    [ 12 ]
    24% [24%] 

    Total dos votos: 49
    avatar
    Convidad
    Convidado

    Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Convidad em Dom 09 Set 2012, 14:32

    Observação: Caso esse tópico seja irregular ou repetido, a moderação tem todo o direito de comunicar a irregularidade ou trancá-lo. Obrigado.

    Olá amigos do Nintendo Blast. Faz um tempo que eu não faço um tópico, e agora estou trabalhando em um tópico que pretendo tornar um dos meus melhores e que provavelmente sairá depois do dia 13. Até lá, decidi criar esse tópico aqui sobre um assunto muito discutido por aqui: As cópias. Para muitos o PSMove é uma cópia descarada do Wii Remote. Para outros, o Kinect é uma cópia descarada do Eyetoy. Opiniões, claro, mas que invadem uma boa parte do fórum, tanto que muitos chamam a Sony de Clony ou Xerony devido às suas supostas "clonagens" dos sistemas da Nintendo.

    Vamos entender melhor essa questão? Afinal, é cópia ou não é cópia? É certo ou é errado? É bom ou é ruim?

    PS: Nessa comparação, usarei apenas os controles de consoles com a marca Nintendo, Sony e Microsoft. Não irei considerar a Sega por enquanto, mas nada me impede de adicioná-los no futuro.

    A cópia nos controles


    Vamos voltar alguns anos. Na verdade, vamos voltar 25 anos no passado. O console do momento era o Nintendo Entertainment System, abreviado como NES e conhecido por muitos de nós pelo carinhoso apelido de Nintendinho. O controle tinha dois botões do nosso lado direito e um direcional em cruz do lado esquerdo, além dos botões ReStart e Select no centro. Era um controle diferente se pegarmos o do Atari, por exemplo, que tinha uma alavanca e um botão, apenas. Esse controle mais "completo" foi o que possibilitou o surgimento de jogos mais "completos", como os de plataforma do Mario por exemplo, onde usamos um botão para pular e o outro para segurar coisas e atirar bolas de fogo.

    Esse controle evoluiu junto com o sistema, e assumiu então o que viria a se tornar o Controle do Super Nintendo, ou SNES. A diferença era o fato de o controle do SNES adicionar dois botões de ombro, L e R, e de agora serem 4 botões de ação (X, A, B, I). E é aí que começam muitos dos argumentos: Esse padrão de direcional em cruz de um lado, botões em cruz do outro, botões especiais no centro e botões de ombro ao alto, é usado até hoje em praticamente todos os controles. Nesse caso então podemos dizer que todos os controles atualmente copiam o controle do SNES? Não é bem assim.

    O ano agora é 1994. Após um acordo desfeito entre Sony e Nintendo, a Sony decide sozinha lançar um novo console. Esse console foi o Playstation. Foi a aposta da Sony para a Quinta Geração, e a aposta foi correta, é claro. O controle tinha os mesmos botões e nas mesmas posições do controle do SNES, apenas adicionando mais um botão de ombro de cada um dos lados (L1, L2, R1, R2), além de utilizar formas geométricas em vez de letras nos botões de ação. O que muda, como podemos ver, é o formato. Aí eu te pergunto: Por que a Sony usou exatamente esse padrão? Simples. O padrão é ótimo, e o SNES fazia muito sucesso na época. O melhor mesmo seria tentar aproximar os amantes de SNES da nova máquina. E a Sony conseguiu, afinal o Playstation foi o campeão de sua geração.

    Mas a Nintendo ainda assim tinha um console para a Quinta Geração: o Nintendo 64. E o controle dele? Era um tanto diferente do que se conhecia. Agora eram seis botões do lado direito, um botão traseiro e a volta das alavancas, agora analógicas e em 256 direções diferentes para movimentar. Um dos controles com mais botões da história! Esse controle é conhecido por poder ser segurado de três formas diferentes, sendo que alguns jogos se adequavam mais a uma determinada forma.

    E a Sony não ficou atrás de novo. Se a Nintendo tinha um analógico, a Sony sabia que seria um perigo se ela não aderisse àquele interessante novo tipo de movimentação: Jogos que prefeririam sair para o Sistema da Nintendo. Então, em 1997, surgiu o Dualshock, novo controle do Playstation. Bem semelhante ao original, a diferença ficava por conta de seus DOIS analógicos, um de cada lado. Foi decisiva essa escolha, e então o PS1 viveu sua era de ouro.

    Assim foi por alguns anos. Controle do 64 de um lado, Dualshock do outro, mas finalmente chegou a hora de começar a Sexta Geração, onde as coisas começam a ficar interessante. De novo, a Sony sai na frente da Nintendo com o Playstation 2 em 2000. E quando saiu o controle, chamado Dualshock 2, todos se surpreenderam por ele ser simplesmente... Idêntico ao primeiro Dualshock. Estaria a Sony estagnando? Ou ela insistiria em apostar em uma ideia que deu certo? Pois era isso que a Nintendo não iria fazer.

    Em 2001, o golfinho da Nintendo finalmente nasce, com o nome de Gamecube. A aposta da Nintendo para competir com o Playstation era um tanto cara, resultando como um de seus melhores consoles e menos vendidos. Seu controle, que muitos consideram o mais confortável de todos, continha botões do lado direito em formato completamente diferente de uma cruz. Ele também incluía dois analógicos, mas um deles troca de lugar com o direcional em cruz. Um padrão interessante que também viria a ser usado em menos de dois dias, quando saiu o primeiro Xbox.

    O console que marcou a entrada da Gigante Microsoft no mundo dos consoles tinha um dos controles mais horrorosos e bizarros de todos os tempos. Parecia um pouco com o do Dreamcast na teoria, mas na prática era um verdadeiro fogão com botijão embutido. Eu simplesmente me sinto em cheque por ter que falar dessa aberração da natureza. Dois analógicos, na mesma posição dos do Gamecube, e um padrão de botões de ação semelhante ao do Nintendo 64. A mesma quantidade de botões do Dualshock. E um formato de dar calos nos dedos e medo da Bruxa do 71 só de olhar. Francamente, esse controle me deu câncer!

    Por sorte, a Microsoft viu logo a m&rd@ que fez e decidiu tentar consertar, lançando um novo controle, o Controle S (Xbox S Controller). O novo controle era bem melhor que o primeiro, mas estava longe da perfeição. E parece que a Microsoft se rendeu realmente a usar a posição dos botões do Gamecube em seu controle, como podemos ver. Além disso, temos agora botões de ação em uma cruz mais bem resolvida, moda essa seguida do Dualshock que vei de lá de trás com o Controle do SNES, lembra?

    Agora o ano é 2005. Playstation venceu mais uma aventura, e uma nova geração está prestes a começar, e começar com a Microsoft desta vez. Está nascendo o Xbox 360. E o seu controle, o que dizer? Para muitos o segundo mais confortável de todos os controles já feitos. O formato por si só é muito bonito e confortável, e a posição dos botões se mantém a mesma do controle S, exceto que os botões Back e Start agora estão de volta ao centro e os botões Black e White deram lugar a mais dois botões de ombro.

    Não demorou muito e chegou 2006. Sony promete surpreender a todos com seu PS3. E surpreende mesmo. E o seu controle? Oras, surpreende o mundo todo e até marte por ser a terceira geração em que a Sony participa com um controle quase idêntico, o Dualshock 3. No mesmo ano entra a Nintendo, buscando romper as barreiras e fazer uma revolução com seu Nintendo Wii. O formato dos controles difere de muita coisa já vista. Mantendo apenas um direcional em cruz no Wii Remote e um analógico no Nunchuck, o resto são botões em posições quase novas, e distribuídos como em um controle remoto, de fato. O motivo disso é que muitas ações passaram a ser movimentos, e os FPS poderiam usar apenas o Pointer como mira, em lugar de outro analógico, por exemplo. Mas seria uma aposta boa?

    Pois mais uma vez (Terceira) a Sony pega um conceito da Nintendo. Usando-o de forma diferente e dividindo seu eterno Dualshock em dois controles semelhantes ao Wii Remote, nasce o PSMove, controle de movimento do PS3. Apesar de lembrar o Wii Remote em formato, a distribuição dos botões ocorre de uma maneira diferente, e a espera luminosa é usada em conjunto com o Playstation Eye para captar movimentos corporais e do próprio controle de movimentos. Apesar de ser interessante, o PSMove não emplacou muito, provavelmente devido ao fato de ter sido lançado para o PS3 no fim de sua vida e por muitos já terem optado pelo Wii quando o assunto é movimentos.

    Não vou citar o Kinect por ele não ser um controle, muito pelo contrário, pois ele prega a jogabilidade sem usá-los.

    Mas dessa vez Sony e Nintendo estavam quites. Por que? Uma única palavra: Classic Controller. Tá certo que o formato do Classic Controller era o mesmo do Controle do SNES, mas havia uma diferença: Analógicos. E eles estão na mesma posição do Dualshock. Entende a ironia? Microsoft pega a posição da Nintendo e a Nintendo pega a posição da Sony. Interessante...

    Essa foi apenas mais uma geração. E agora finalmente estamos chegando na Oitava Geração! Emocionante, não é?



    E mais uma vez a Nintendo é quem está saindo na frente quando o assunto é controle, com o Wii U Gamepad. O controle contém uma tela no centro, como a do Dreamcast, mas com um propósito diferente, o de ser Touch, como a tela de baixo do DS (eu e muitos já falamos várias vezes do Wii U Gamepad, acho que dá pra entender o que ele é, não é?). Esse belo controle será o controle principal do Wii U, mas não será o único. Além da Dupla Motion, há outro controle que a Nintendo usará:



    Wii U Pro Controller. O Wii U Pro Controller possui o formato muito parecido com o do controle do 360, não acham? Entretanto um argumento falho é dizer que Pro Controller = Controle do Gamecube, pois embora o controle do 360 tenha se inspirado no do GC para os botões e o Pro Controller tenha se inspirado no do 360 para o formato, qualquer semelhança entre os controles Wii U Pro e GC é mera coincidência. Entretanto, o padrão de botões ainda não deixa de ser o mesmo do SNES em ambos os controles, apenas com analógicos em cima. Eu não disse que até hoje em dia esse padrão ainda era usado?



    E pela quarta vez, a Sony está repetindo o conceito. É incrível como isso é engraçado, e é o maior motivo para ela ganhar os apelidos que eu citei que os Fanboys dão para ela (esqueci de citar Copy). Mas em vez de criar um controle Tablet para o PS4, ela irá usar a interação entre PSVita e PS3 como controle-Tela, semelhante ao Wii U Gamepad com Wii U Pro Controller. Essa interação é o Vita-PS3 Crossplay

    Não vou citar o Xbox Smartglass pelo mesmo motivo pelo qual não citei o Kinect.
    ______________________________________________________________

    E aqui termina essa análise do que é cópia ou não. Afinal, é cópia ou é tendência? Você concorda com isso? É a favor ou é contra?

    Vou deixar aqui minha opinião sobre isso. Eu acho que se uma coisa é realmente boa, inovadora, ela merece ser copiada, ou reinventada. A própria Nintendo usou a posição dos analógicos do Dualshock por julgá-la uma posição boa, idem a Microsoft com o controle do Gamecube. Obvio que inovação é necessário, mas acredito que se uma inovação funciona, não há problemas em seguir o conceito, e é isso que a Sony faz. No final das contas, cada vez mais algumas aprimoram o que copiam, ou aprimoram as ideias das outras. Se não houvessem cópias, não haveria por que haver inovação, e vice-versa. Cópia depende de inovação, e pra mim é a mais pura tendência.

    E vocês, o que acham?
    avatar
    Convidad
    Convidado

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Convidad em Dom 09 Set 2012, 14:41

    Juro a todos voces presentes aqui amigos, que eu sonhava com um controle com tela... obrigado nintendo.
    Tópico Karmado o/
    avatar
    Convidad
    Convidado

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Convidad em Dom 09 Set 2012, 15:33

    @Kaochi

    Parte de seu sonho a Sega realizou em 1998 com o DreamCast. Outra parte a própria Nintendo realizou em 2001 com o cabo que transformava o Gameboy Advance em um controle para o Gamecube (creio que daí tenha saído a ideia do Vita PS3 Crossplay). Mas o Wii U Gamepad é mais que apenas um controle com tela, muito mais. PSVita também poderá ser, a menos que ele morra igual ao PSMove... (o Vita pode morrer?)
    E valeu pelo Karma! Smile
    avatar
    Chaos4551
    Membro Nv.28
    Membro Nv.28

    Karma Karma : 68
    Posts Posts : 306

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Chaos4551 em Dom 09 Set 2012, 15:37

    Master of Disaster, gostei muito do seu artigo, achei bem escrito e um artigo crítico de opinião, ao contrário do que muita gente faz, que é escrever um artigo com milhares de fontes, ou seja, torna-se uma revisão de informações que já foram confirmadas e estão disponíveis na web. Apesar desse tipo de artigo ser necessário e cumprir sua função, é muito mais desafiador escrever um artigo de opinião com o seu, além de ser mais interessante de ler por gerar um debate sobre o assunto, para que outros possam gerar mais opiniões. Muito bom, está de parabéns pelo artigo! Agora chega de falar difícil, rsrs...

    Bom, após a leitura do artigo votei em "Só a Nintendo inova". Eu concordo com os seus argumentos, mas não acredito que a cópia seja necessária para a evolução da indústria de games. Na verdade, a cópia só "incrementa" o que já existe, ela não causa um avanço de tecnologia no que quer que seja. E, no caso, é só analisar o seu artigo pelas próprias imagens dos controles: a Sony permanece com o MESMO controle desde sempre. Tá legal que sempre tem uma mudancinha, uma coisinha nova aqui e ali, mas é o MESMO controle, em essência. Ao passo que a Nintendo SEMPRE lançou controles totalmente diferentes. Não tem como dizer que um controle do Super Nintendo é igual ao Wii Remote, nem que o controle do GameCube é igual o controle do N64. E é sempre a Nintendo quem inventa um novo controle primeiro, nunca aconteceu o contrário.

    Você diz que a Nintendo já "copiou" a posição dos analógicos da Sony, mas não acho válido esse argumento por se tratar do classic controller. Esse controle foi lançado pela Nintendo com intuito de tornar jogáveis jogos lançados para outras plataformas, portanto ela precisava de um controle o mais comum possível, daí a posição dos analógicos.

    Agora, muito fanboy da Nintendo enche a mão de pedra pra tacar na "Copy" por causa das cópias nos controles, mas veja bem, como você diz no artigo, quando algo é bom MERECE ser copiado. Eu não diria exatamente isso, mas não vejo nada de mais em copiar algo que provou ser bom. E, se pensarmos um pouco, não tem muito como criar um controle 100% inovador, eles sempre vão repetir alguns conceitos, mesmo porque imagine um controle de ponta cabeça, como seria ruim de segurar e jogar...

    Uma cópia descarada que eu não acreditei que estivesse acontecendo foi o PlayStation Move. Esse sim, pra mim, é TOTALMENTE uma cópia. Não há quase nada de diferente entre ele o Wii Remote. Acredito que foi uma tentativa desesperada da Sony de combater os novos conceitos do Wii. No entanto, vale notar aqui que a Sony sempre teve um foco no desenvolvimento de melhorias de desempenho e melhorias gráficas de hardware e software, ao passo que a Nintendo sempre focou em construir novos jeitos de jogar e personagens carismáticos, pensando nos gamers. Tanto é que, convenhamos, os hardwares da Nintendo são bons, mas os que a Sony são excelentes, e ela fabrica vários produtos eletrônicos de excelente qualidade também.

    Agora, a Microsoft você até "excluiu" do seu artigo, e eu excluiria também, porque o que ela vem apresentando é uma inovação, ao meu ver. O conceito do Kinect é totalmente diferente do Wii Remote, assim como o SmartGlass. Não podemos negar que, se não fosse pela Nintendo ter dado a cara a tapa lançando uma coisa totalmente loka como foi o Nintendo Wii, com seus controles de movimento, talvez a Microsoft jamais tivesse pensado em um Kinect, mas ao contrário da Sony ela usou o conceito de "controles por movimento" e criou um gimmick NOVO, não copiou o "bastãozinho com botões" que a Nintendo já tinha lançado à tempos.

    Ou seja, não acho ruim a cópia, mas não posso negar que realmente SÓ a Nintendo tem inovado na indústria de games. E falo isso não só em relação aos controles, mas em relação à quase tudo: é sempre a Nintendo que consegue lançar conceitos novos para grandes audiências, mesmo que por vezes esses conceitos já tenham sido lançados antes por outras empresas, mas é sempre a Nintendo que torna o conceito aceitável pelos gamers e prático para os desenvolvedores, como foi o caso dos gráficos em 3D e jogos de plataforma, com a franquia do Mario.

    Enfim, esta é a minha opinião, discutam!

    P.S.: Por favor não venham com "minha opinião - sua opinião", isso é uma coisa meio tonta, opiniões não são pra ser engessadas e sempre permanecerem opostas umas às outras, mas sim pra ser debatidas, criticadas e elogiadas. Então, DISCUTAM, o que é diferente de "bater o pé" nessa conversa de minha opinião - sua opinião.
    avatar
    Guinomonster
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 2261
    Posts Posts : 7418

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Guinomonster em Dom 09 Set 2012, 15:38

    Ótimo tópico... Depois tenho que ler tudo com calma, ahem

    ;-;

    Controle do X360 FTW!

    ;-;
    avatar
    Chaos4551
    Membro Nv.28
    Membro Nv.28

    Karma Karma : 68
    Posts Posts : 306

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Chaos4551 em Dom 09 Set 2012, 15:44

    Master of Disasters escreveu:@Kaochi

    Parte de seu sonho a Sega realizou em 1998 com o DreamCast. Outra parte a própria Nintendo realizou em 2001 com o cabo que transformava o Gameboy Advance em um controle para o Gamecube (creio que daí tenha saído a ideia do Vita PS3 Crossplay). Mas o Wii U Gamepad é mais que apenas um controle com tela, muito mais. PSVita também poderá ser, a menos que ele morra igual ao PSMove... (o Vita pode morrer?)
    E valeu pelo Karma! Smile

    hehe, era sobre isso que eu tava falando na outra mensagem: a Sega é a pioneira em lançar um controle com tela, com 14 anos de antecência ao WiiU. No entando, é a Nintendo que vai fazer a idéia emplacar, com o lançamento do WiiU... percebem? Embora não seja a pioneira, é a Nintendo que faz a "mágica" de tornar o conceito prático e "usável". Nesse sentido podemos chamar a Nintendo de Copy também.

    Esqueci de comentar sobre o link PSVita - PS3, lembrei agora que você falou do GameBoy - GameCube. Mas não acho que tenha saído daí a idéia da Sony do CrossPlay... eu acho que foi outra cópia descarada, embora um pouco mais disfarçada dessa vez: a Sony deve ter visto o WiiU GamePad e, para evitar altos custos em fazer uma cópia verdadeira disso, ela pensou "porque não juntar nossas duas máquinas potentes e criar a cópia? Assim vendemos mais unidades dos nossos consoles e criamos um "plataforma" muito melhor e mais potente que o WiiU".

    Podem falar o que quiser em defesa do WiiU, mas duvido muito que um CrossPlay entre Vita e PS3 realmente perca para WiiU e WiiU GamePad. Principalmente porque WiiU é UM console, enquanto que PS3 + Vita serão DOIS consoles operando um único jogo. Mas apesar da idéia ser bem interessante e ultrapotente, o custo vai ser absurdo também. Não sei se alguém teria coragem de comprar um Vita + PS3 + Game pra poder jogar, imagina o custo disso tudo... fora o gasto com energia também, não sei como isso seria manejado nesse crosslink... enfim...
    avatar
    Newtão
    Veterano Nv.MÁX
    Veterano Nv.MÁX

    Karma Karma : 357
    Posts Posts : 2167

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Newtão em Dom 09 Set 2012, 15:47

    A maioria das "cópias" foram e são necessárias. Algumas pessoas dizem que o controle de PS1 foi cópia do de SNES, mas como seria então? Um joystick? Se fosse um joystick, seria cópia de outros videogames. Além disso, outras empresas não poderiam ter botões de ação porque a Nintendo já criou? Sempre tem fanboy pra reclamar, e ainda acham que sempre estão certos.

    Outra coisa é o WiiU Pro Controller. Está CLARO que o design foi uma cópia do controle do X360. Um amigo fanboy meu disse que se parecia mais com um controle de SNES. Ele disse que WiiU Pro Controller = Controle do SNES por causa do arredondamento. Então, meu pâncreas começou a doer.

    Também tem os analógicos. Dizem que a Sony copiou o analógico do N64 pra botar no PS2. Mas, alguém me diz, come seriam os games hoje em dia apenas com direcionais digitais. Me digam. Os analógicos, assim como muita coisa hoje em dia na indústria, foram/são tendências. Claro que existem cópias descaradas, como o PS Move.

    Resumindo um pouco, acredito que algumas "cópias" foram nada mais que tendências, que mudaram MUITO o futuro dos games. Porém, algumas foram cópias descaradas.
    avatar
    Convidad
    Convidado

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Convidad em Dom 09 Set 2012, 16:30

    @Chaos4551

    Achei muito interessante seu ponto de vista e opinião, e acho que de certa forma tentei deixar isso presente em meu tópico, principalmente nos controles de Nitendo 64, Gamecube e Wii, que são diferentes em vários aspectos em relação aos outros que já haviam lançado. E você tem razão, não é só nos controles, nos jogos a Nintendo também coloca várias novas ideias nunca vistas antes e que acabam dando certo e sendo "copiadas" depois.

    Achei também interessante sua posição sobre o controle do Wii U estar ressuscitando o conceito do Dreamcast, mas inovando-o e complementando-o. Já o que você falou sobre o CrossLink, deixa eu ver se eu entendi, é como se a Sony estivesse camuflando exatamente o mesmo conceito do Wii U em um outro conceito (o do GBA + GC)? E por fim, concordo que o PSVita tem mais qualidade e funções que o Wii U Gamepad, pois ele é um portátil e portanto pode atuar longe e independentemente do PS3, além de sua tela ter mais qualidade que a do Gamepad. Mas aparentemente a Nintendo é quem irá emplacar seu conceito, como você disse.

    @Guino

    Boa sorte em sua leitura...

    @Newtão

    Também acho sua opinião bastante interessante, e pelo jeito você entendeu o que eu quis dizer. Não consigo imaginar, por exemplo, um controle que não tivesse analógicos ou botões de ombro. Esses conceitos ajudam no jogo, precisamos deles. Apesar de a Nintendo conseguir burlar isso com seu Wii Remote, embora o Nunchuck adicione exatamente isso que eu falei.

    Este tópico está ficando como imaginei, muitas pessoas dando suas opiniões. Acho interessante comentarmos e discutirmos opiniões, justamente por assim podermos conhecer outros pontos de vista da verdade. Acho bem melhor conversarmos dessa maneira do que simplesmente ignorar a opinião dos outros.
    avatar
    Convidad
    Convidado

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Convidad em Dom 09 Set 2012, 16:41

    Tendências. Certo.

    Isso sempre foi uma necessidade na indústria de games para cada empresa que saia perdendo nesse quesito de controles. Sim, são cópias, mas se um design/ergonomia/botões fazem sucesso em um console, a outra empresa faz um controle semelhante, correndo atrás e tentando se igualar às concorrentes, como o PSMove e o Wii/Wii U Pro Controller.
    avatar
    Viteco
    Veterano Nv.15
    Veterano Nv.15

    Karma Karma : 271
    Posts Posts : 766

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Viteco em Dom 09 Set 2012, 16:56

    Tem que copiar para dar mais conforto e facilidade na jogabilidade, então é tendência mesmo.
    avatar
    Convidad
    Convidado

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Convidad em Dom 09 Set 2012, 17:05

    @Lanitaguaí e @Viteco

    Concordo com a opinião de vocês, como já disse algumas vezes por aqui, acredito que quando uma coisa dá certo e as pessoas gostam, não há problema em utilizar o conceito. Mas como disseram outros por aqui, há alguns que são verdadeiras cópias descaradas.
    avatar
    Convidad
    Convidado

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Convidad em Dom 09 Set 2012, 17:07

    Eu queria participar da discussão, mas, não quero ler tudo isso!
    avatar
    Chaos4551
    Membro Nv.28
    Membro Nv.28

    Karma Karma : 68
    Posts Posts : 306

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Chaos4551 em Dom 09 Set 2012, 17:09

    Master of Disasters escreveu:@Chaos4551

    Achei muito interessante seu ponto de vista e opinião, e acho que de certa forma tentei deixar isso presente em meu tópico, principalmente nos controles de Nitendo 64, Gamecube e Wii, que são diferentes em vários aspectos em relação aos outros que já haviam lançado. E você tem razão, não é só nos controles, nos jogos a Nintendo também coloca várias novas ideias nunca vistas antes e que acabam dando certo e sendo "copiadas" depois.

    Achei também interessante sua posição sobre o controle do Wii U estar ressuscitando o conceito do Dreamcast, mas inovando-o e complementando-o. Já o que você falou sobre o CrossLink, deixa eu ver se eu entendi, é como se a Sony estivesse camuflando exatamente o mesmo conceito do Wii U em um outro conceito (o do GBA + GC)? E por fim, concordo que o PSVita tem mais qualidade e funções que o Wii U Gamepad, pois ele é um portátil e portanto pode atuar longe e independentemente do PS3, além de sua tela ter mais qualidade que a do Gamepad. Mas aparentemente a Nintendo é quem irá emplacar seu conceito, como você disse.

    @Guino

    Boa sorte em sua leitura...

    @Newtão

    Também acho sua opinião bastante interessante, e pelo jeito você entendeu o que eu quis dizer. Não consigo imaginar, por exemplo, um controle que não tivesse analógicos ou botões de ombro. Esses conceitos ajudam no jogo, precisamos deles. Apesar de a Nintendo conseguir burlar isso com seu Wii Remote, embora o Nunchuck adicione exatamente isso que eu falei.

    Este tópico está ficando como imaginei, muitas pessoas dando suas opiniões. Acho interessante comentarmos e discutirmos opiniões, justamente por assim podermos conhecer outros pontos de vista da verdade. Acho bem melhor conversarmos dessa maneira do que simplesmente ignorar a opinião dos outros.

    Ok, é exatamente como o Newtão disse: os games evoluíram e exigiram um analógico, e a Nintendo é a primeira que vai lá e lança um controle com analógico. Como que eu, dono da Sony, vou lançar um novo controle SEM analógico? Não tem como... e é isso mesmo, não é só porque EU inventei uma coisa nova num controle que ninguém mais possa fazer igual. Se fosse assim, não teria nem como ter concorrência com as outras empresas, porque aí Sony e Microsoft seriam obrigadas a pagar royalties pra Nintendo só pra poder utilizar o conceito do controle, ou na pior das hipóteses, os gamers da Sony e Microsoft teriam que comprar controles com a Nintendo... ou seja, isso é ridículo!

    E Mater, é mais ou menos o que você entendeu sobre o crosslink que eu quiser dizer. Seria assim: A Nintendo inventa um controle com tela, e a Sony quer entrar nessa tendência. Só que a Sony tem pouco dinheiro e não está vendendo bem, e ela só tem o Vita e o PS3 pra trabalhar, já que um próximo console ainda está além do horizonte (porque ela precisa de muito dinheiro, já que com certeza vai querer lançar uma máquina fodástica com gráficos higher power plus HD de 4567892p de resolução). Aí, surge a idéia de matar dois coelhos com uma paulada só: liga o Vita no PS3 como se o Vita fosse um controle do PS3, assim teríamos um "WiiU GamePad" sem gastar mais nada com isso, e ainda aumentando as vendas. Realmente, é como se a Sony camuflasse o conceito do WiiU dentro das suas possibilidades...

    Também estou gostando desse tópico, voltarei mais vezes! hehe
    avatar
    Convidad
    Convidado

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Convidad em Dom 09 Set 2012, 17:12

    "Cópias são necessárias, elas evoluem a Indústria de Games" ........... Acho que é o contrário, a tentativa de evitar cópias que evoluem a Indústria de Games'
    avatar
    Chaos4551
    Membro Nv.28
    Membro Nv.28

    Karma Karma : 68
    Posts Posts : 306

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Chaos4551 em Dom 09 Set 2012, 17:14

    douglas444 escreveu:Eu queria participar da discussão, mas, não quero ler tudo isso!

    Ler aumenta o vocabulário, aumenta o senso crítico, ativa várias áreas cerebrais, aumenta a criatividade e a imaginação. Quer mais motivos pra ler um pequeno texto como o deste post?

    E uma outra coisa que me ocorreu... também tem que ver que existem cópias e cópias. Lembram do Nintendo Vii da China e de um jogo super tosco que era cópia do mario kart, também da China? Acho que essas cópias são aquelas que não deveriam mesmo existir, afinal nem finalidades elas tem. Agora... vejam só... imagina se existisse uma patente que proibisse fazer consoles quadrados? Como lançariam um console igual uma bola? rsrsrs...

    Conteúdo patrocinado

    Re: Controles: Cópia ou Tendência? Certo ou Errado?

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui 17 Ago 2017, 08:49